Medidas preventiva contra a AIDs e outra DSTs

Páginas: 13 (3249 palavras) Publicado: 12 de novembro de 2014
MEDIDAS PREVENTIVAS CONTRA A AIDS E OUTRAS DOENÇAS SEXUALMENTE
TRANSMISSÍVEIS CONHECIDAS POR UNIVERSITÁRIOS DA ÁREA DE SAÚDE
Elucir Gir*
Tokico Murakawa Moriya*
Miyeko Hayashida*
Geraldo Duarte**
Alcyone Artioli Machado**

GIR, E.; MORIYA, T.M.; HAYASHIDA, M.; DUARTE, G.; MACHADO, A.A. Medidas preventivas contra a AIDS e outras doenças sexualmente transmissíveis conhecidas poruniversitários da área de saúde. Rev. latino-am.enfermagem ,Ribeirão Preto, v. 7, n. 1, p. 11-17, janeiro 1999.

Objetivando identificar as medidas de prevenção conhecidas por universitários da área da saúde, acerca da contaminação pelo HIV e outras Doenças Sexualmente Transmissíveis (essencialmente de transmissão sexual) e identificar se há diferença significativa entre as citações, considerando-se o sexodos sujeitos, realizou-se esta investigação. Foi aplicado um questionário estruturado em universitários da área da saúde aleatoriamente selecionados. Os resultados revelaram que amaioria dos itens citados como medidas preventivas para a AIDS e DST se enquadra dentro das medidas importantes para aprevenção das mesmas, no entanto, quando a análise é feita em termos da freqüência citada, ou seja, onúmero de estudantes que mencionaram medidas corretas, verifica-se que foi aquém do esperado, o que se torna preocupante. Outro aspecto observado nos resultados é que não há diferença, em termos de conhecimentos sobre medidas preventivas, entre estudantes do sexo masculino e feminino. Assim, a análise dos resultados permite evidenciar que os conhecimentos da maioria dos estudantes universitáriosestudados são precários, o que reforça a necessidade de implementar ações educativas específicas e contínuas.

UNITERMOS: AIDS/DST, conhecimento, medidas preventivas, universitários

INTRODUÇÃO
A infecção pelo vírus da imunodeficiência humana(HIV), causador da AIDS, expõe seus portadores a um prognóstico sombrio, por ainda não se dispor de vacinas ou terapêutica eficaz; como também pelo seuelevado potencial de disseminação, constituindo-se atualmente um dos grandes problemas de saúde pública mundial. Outras doenças sexualmente transmissíveis (DST), como a sífilis e a gonorréia, que nos anos 50 deixavam de ser visualizadas como problema, pelo menos no aspecto da sua incidência, desde os anos 60, vêm recrudescendo de maneira assustadora, favorecendo a contaminação pelo HIV e alterando oquadro clínico característico em seus portadores, dificultando inclusive o diagnóstico. Acrescenta-se, ainda, a associação de crenças em tabus e preconceitos que interferem, sobretudo na prevenção e controle de tais afecções. A prevenção é a medida mais eficaz a ser assumida contra estas doenças, tanto pela população leiga como científica, e para tanto a educação em saúde assume importância derealce, uma vez que se trata de instrumento básico para conscientizar e informar as pessoas.
Segundo FRANCIS & CHIN (1987), a educação ao público é considerada uma das medidas mais efetivas para reduzir a disseminação da AIDS, favorecida principalmente por relações sexuais com pessoas infectadas ou por exposição a sangue e seus derivados contaminados pelo HIV. A educação é uma função inerente aosprofissionais de saúde, e embora aparentemente simples e fácil, é um processo complexo que envolve numerosos aspectos inerentes ao comunicador, a comunicação e a audiência para que as metas se tornem factíveis e atinjam os objetivos esperados. Conforme refere POMPIDOU (1988), não basta simplesmente oferecer informações, pois “estar informado não significa necessariamente conhecer; estar ciente nãosignifica necessariamente tomar medidas, decidir a tomar medidas não significa necessariamente fazer”. Portanto, é necessário desenvolver o senso de responsabilidade individual e grupal; só esse compromisso pode conduzir às mais efetivas e aceitas mudanças de comportamento, uma vez que se baseia em aceitação e não em obrigação. Até junho de 1996, 1.393.649 casos de AIDS, provenientes de 193...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Projeto saúde preventiva dst/aids
  • AIDS e DSTS
  • dst aids
  • dsts/aids
  • Dst/ aids
  • Dst- aids
  • DST e AIDS
  • Aids e DSt

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!