Mediação da negociação do programa nuclear iraniano

Páginas: 11 (2732 palavras) Publicado: 4 de setembro de 2012
[pic]
UNIVERSIDADE DO SUL DE SANTA CATARINA

JAQUELINI MENDONÇA RIBEIRO

MANOELA SILVESTRE FERNANDES

PAULA BEZ AZEVEDO

TISSIANA PACHECO PALAORO













MEDIAÇÃO DA NEGOCIAÇÃO DO PROGRAMA NUCLEAR IRANIANO















Tubarão,

2010

INTRODUÇÃO



O presente trabalho tem como tema a recente mediação brasileira da negociação do programanuclear iraniano. O objetivo é evidenciar a repercussão desta iniciativa brasileira, o histórico do conflito envolvendo o programa nuclear do Irã, bem como a posição diplomática e ideológica brasileira a respeito da questão. O método de pesquisa utilizado foi o bibliográfico. Foram consultados jornais, livros e sites governamentais relevantes. Deve-se compreender este evento atual das relaçõesinternacionais visto que há muitas contradições envolvidas nesta questão. O tema do desarmamento nuclear é hoje um assunto de relevância mundial. É fundamental que se compreenda as contradições do Tratado de Não Proliferação Nuclear (TNP) e das relações de poder entre os Estados, bem como a posição, fundamentação legal e o histórico do nosso país em relação a esta matéria.2. CARACTERIZAÇÃO DO CONFLITO



Segundo a Deutsche Welle (2006), o conflito recente envolvendo o programa nuclear do Irã teve início no fim de 2002, quando uma emissora de televisão dos Estados Unidos divulgou fotos de duas instalações nucleares instaladas no território iraniano. Após essa denúncia, inspetores da AIEA (Agência Internacional de Energia Atômica)passaram a supervisionar tais instalações afirmando que o país possuia quantidades suficientes para produzir armas nucleares, embora não haja provas de que tivesse a real intenção de construí-las. (DEUTSCHE WELLE, 2006).
De acordo com Sirotsky (2009), em 2003, o então presidente iraniano Katami concordou com a AIEA em suspender o seu trabalho na área nuclear e se submeter à fiscalização damesma, ao mesmo tempo que assina o Protocolo Adicional do Tratado de Não Proliferação Nuclear (TNP).
O autor diz que quando Mahmoud Ahmadinejad, considerado um governante de linha dura, assume o poder em 2005, as suspeitas da comunidade internacional em relação ao programa nuclear do país aumentaram.
Em janeiro de 2006, França, Reino Unido e Alemanha convocam uma reunião de emergência da AIEApara iniciar discussões no âmbito do Conselho de Segurança das Nações Unidas a respeito do programa nuclear iraniano. (DEUTSCHE WELLE, 2006)
A partir de então, o Conselho de Segurança impõe sanções ao Irã, que se tornaram mais rigorosas nos anos de 2007 e 2008. Havia diversas suspeitas de que o país trabalhava no desenvolvimento de uma bomba nuclear. (SIROTSKY, 2009)
Em outubro de 2009, o Irãse encontrou com seis potencias mundiais em Genebra e aceitou um plano para enviar 75% de urânio de baixo grau de enriquecimento para França e Rússia, em troca de combustível para o reator de Teerã para materiais médicos. No mês seguinte, o Irã disse que consideraria fazer a troca, porém somente em pequenas quantidades e em seu próprio território, temendo a possibilidade de não receber de voltaseu urânio. (REUTERS, 2010)
Frente a isso, o presidente Obama alertou o Irã sobre as conseqüências do fracasso em responder ao TNP. No fim do mês, o Irã anuncia planos para construir mais 10 usinas nucleares numa resposta a pressão crescente para que o país abandonasse o seu projeto atômico. (REUTERS, 2010)
Em janeiro de 2010, diplomatas disseram que o Irã formalmente rejeitou partes chave doacordo para enviar material que poderia ser usado para construir armas nucleares para o exterior. (REUTERS, 2010)
Em fevereiro, o presidente Mahmoud Ahmadinejad disse que o Irã estava pronto para enviar o seu urânio enriquecido para o exterior em uma aparente flexibilidade de sua posição. (REUTERS, 2010)
No mês seguinte, os Estados Unidos, Reino Unido, Alemanha e França iniciam conversas com...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • programa nuclear iraniano
  • A Negociação e Mediação
  • Negociação e mediação de conflitos
  • Programa Nuclear Brasileiro
  • Negociação e Mediação de Conflito
  • O Programa Nuclear Do Ir
  • Programa nuclear brasileiro
  • Programa Nuclear Brasileiro

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!