MAUÁ - O IMPERADOR E O REI

Páginas: 6 (1425 palavras) Publicado: 19 de dezembro de 2013
ANÁLISE DO FILME "MAUÁ - O IMPERADOR E O REI "

O filme "Mauá, o Imperador e o Rei" lançado no Brasil no ano de 1999, roteiro

de Paulo Halm, Sérgio Rezende e Joaquim Vaz de Carvalho, dirigido por Sérgio

Rezende e protagonizado pelo ator Paulo Betti (Irineu adulto) retrata a trajetória do

destacado empresário Irineu Evangelista de Sousa, barão e posteriormente visconde de

Asprimeiras cenas se desenrolam no Rio Grande do Sul, numa pequena

localidade onde nasceu Irineu. Ainda garoto ficou órfão de pai, o que lhe dificultou a

permanência em casa, pois sua mãe, ao casar-se novamente foi obrigada, por

imposição do novo marido a encaminhá-lo para o Rio de Janeiro, onde moraria com o

No Rio de Janeiro, começou a trabalhar no armazém do português Pereira deAlmeida, onde se percebeu apto para os negócios e se empenhou em estudar, o que

lhe possibilitou maior visão e tato comercial. Com o tempo tornou-se empregado de

confiança do português e sistemático controlador de seus negócios. Graças a sua

habilidade de negociação, ganha a simpatia do escocês Richard Carruthers, que o

convida para trabalhar ao seu lado e coloca Irineu em contatocom Adam Smith e outros

teóricos do liberalismo econômico, prevalecente na Inglaterra.

Alguns anos depois, o escocês, percebendo-se acometido de "Banzo"

(saudades da terra natal), “doença” comum dos escravos da época, resolve voltar para

a Inglaterra e confia os seus bens aos cuidados de Irineu. Com boa parte da fortuna

adquirida, Irineu começa a investir em algo inimaginável noBrasil agrário de então: a

indústria, mas isso depois da viagem que fez à Inglaterra, só então que o Barão de Mauá

mudaria de um comerciante para torna-se um empreendedor em diferentes áreas. Irineu

Evangelista de Sousa foi responsável, direta ou indiretamente, pela construção das

primeiras ferrovias de norte a sul do país após conhecer a forma mais avançada do

desenvolvimentomaterial e comprovou, na prática, o que a teoria havia lhe ensinado.

Liquida a casa comercial e entra na área industrial construindo uma Fundição e Estaleiro

em Ponta da Areia, no Rio de Janeiro. Cria também a Companhia de transportes,

Companhia de Navegação a Vapor do Amazonas, Companhia de Iluminação a gás do

Rio de Janeiro, Estradas de Ferro como já referido; inaugura aprimeira linha de bondes

do Rio e cria novos Bancos do Brasil, com filiais na Inglaterra, Estados Unidos, França,

Argentina e Uruguai. Apesar do seguir o liberalismo europeu, Mauá lançou mão de

recursos do tesouro do império para financiar alguns dos seus empreendimentos.

Apesar do seu espírito empreendedor, força de vontade e interesse pelo

desenvolvimento do Brasil e suamodernização o Barão de Mauá faliu; não suportou a

concorrência estrangeira e o boicote do imperador que, influenciado pelo Visconde de

Feitosa eximiu-se de ajudá-lo nos momentos que mais precisou. As suas ideias liberais

contrárias ao tráfico negreiro e escravidão, à guerra do Paraguai e à mentalidade

limitada, do seu próprio ponto de vista, da parte dos que compunham a elite Imperial,

osquais também lhe renderam alguns desgostos.

Em março de 1851 Irineu criou na cidade do Rio de Janeiro o Banco do Comércio

e da Indústria do Brasil. Este banco nasceu grande e com muito capital para a época,

em três semanas foram vendidas todas as ações aos interessados. O seu único

concorrente era o Banco Comercial, que atuava no mercado comprando os capitais, o

Banco criadopor Irineu nascia com cinco vezes mais capital que este que já existia.

Em maio de 1853 o Imperador Dom Pedro II comparecia a sessão de abertura

do Parlamento e anunciava aos deputados seu desejo de que fosse criado um banco

do império que promovesse e financiasse as atividades do comércio e da indústria em

todos os rincões do Brasil. Este banco foi criado com a intenção de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Mauá: o imperador e o rei
  • Resumo Maua o Imperador e o Rei
  • Mauá, O Imperador e o Rei. Barão de Mauá.
  • Mauá Imperador e Rei
  • Maua, o imperador e o rei
  • Mauá o rei e o imperador
  • Maua o imperador e o rei
  • Mauá, o imperador e o rei

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!