MAL DE PARKINSON

Páginas: 13 (3147 palavras) Publicado: 14 de abril de 2015
Desvendando seu cérebro e sua memória
Ao contrário do que se acreditou por muito tempo, a memória não está localizada numa única área do cérebro. Na verdade, a memória funciona por meio de redes de neurônios que processam e preservam diferentes tipos de informação, amplamente distribuídos entre diversas zonas do cérebro. Tão logo uma informação tem de ser registrada na memória, numerosasconexões são ativadas simultaneamente e uma grande parte do cérebro é envolvida no processamento das lembranças.
Portanto, é incorreto falar em centro de memória. A memorização e a recuperação de informações dependem de diferentes sistemas de memória e de diferentes modalidades sensoriais (auditiva, visual, etc.). Assim, em vez de dizermos que a memória está localizada numa área específica do cérebro,poderíamos dizer que ela está "dispersa" no cérebro.
Onde estão sediados os nossos diversos tipos de memória em nosso cérebro?
Como resultado de experimentos científicos e do avanço da tecnologia de imagens do cérebro, agora os cientistas estão começando a entender quais zonas do cérebro tomam parte no processo de memorização. Em resumo:
a memória de curto prazo ou imediata utiliza os sistemas deneurônios corticais (neocórtex e córtex pré-frontal) e, mais especificamente, as conexões talamocorticais;
a memória semântica requer a intervenção do neocórtex, que engloba os dois hemisférios do cérebro que cobrem o córtex;
a memória processual envolve estruturas situadas abaixo do córtex, como o cerebelo e o núcleo denteado;
a memória episódica conta com o córtex pré-frontal, e também com ohipocampo e o tálamo. Todos fazem parte do sistema límbico.
De acordo com neurobiologistas, o hipocampo desempenha um papel essencial no processo da memória. Situado em áreas remotas do cérebro - no sistema límbico -, no mesmo nível do lobo temporal, ele assegura o estabelecimento das conexões entre as diferentes zonas cerebrais. Ele exerce uma função vital na transferência de lembranças da memória decurto prazo para a memória de longo prazo, ou seja, na consolidação das lembranças que exige a participação de diferentes partes do cérebro.
Sabemos hoje que lesões no hipocampo resultam em perda quase absoluta da capacidade de recordar informações novas, sejam palavras, rostos ou imagens.
Memória Visual: acompanhando o caminho de uma recordação visual
Primeiro, a informação visual atinge a retinae é transformada em impulsos nervosos. Depois, leva alguns milionésimos de segundo para prosseguir até as áreas de projeção visual situadas no córtex occipital. A informação será, então, processada de diversos modos, dependendo de suas características específicas (forma, cor e movimento).
A informação será retida temporariamente no hipocampo onde será comparada a dados anteriores de diferentesáreas do córtex. Finalmente, dependendo do seu valor, será esquecida ou armazenada e consolidada. O valor emocional positivo ou negativo da informação determina como a registramos e a armazenamos.
Problemas de Memória: Amnésia
A amnésia é o mais comum dos problemas de memória, mas existem também distúrbios menos conhecidos, como a hipermnésia, a paramnésia e a ecmnésia.
A amnésia é a incapacidade deaprender algo novo e se manifesta por meio da impossibilidade de lembrar acontecimentos rotineiros. A inteligência permanece intacta, assim como a capacidade de adquirir novas habilidades visuo-espaciais e cognitivas - ou seja, a consciência espacial e a capacidade de aprendizagem não são prejudicadas. Um exemplo é a amnésia hipocampal, causada por lesões ou doenças no circuito de Papez (que liga ohipocampo e a amígdala ao hipotálamo). A amnésia também pode resultar de danos ou de doenças que afetam os vasos sanguíneos, como o mal de Alzheimer, as lesões na cabeça, os procedimentos neurocirúrgicos ou a falência cardíaca, e costuma ser irreversível.
A amnésia retrógrada é a incapacidade de recordar acontecimentos que ocorreram antes da doença. É muitas vezes acompanhada pela amnésia...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Mal de Parkinson
  • Mal de parkinson
  • Mal de parkinson
  • Mal De Parkinson
  • Mal de Parkinson
  • MAL DE PARKINSON
  • Mal de Parkinson
  • Mal de parkinson

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!