Métodos de Greulich & Pyle e Eklöf & Ringertz na Estimativa da Idade Óssea

Páginas: 39 (9546 palavras) Publicado: 18 de setembro de 2014
0

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ODONTOLOGIA
SEÇÃO PARANÁ (ABO – PR)

MÉTODOS DE GREULICH & PYLE
E EKLÖF & RINGERTZ NA ESTIMATIVA
DA IDADE ÓSSEA

ANA PAULA PASQUALIN TOKUNAGA

CURITIBA
2013

1

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ODONTOLOGIA
SEÇÃO PARANÁ (ABO – PR)

MÉTODOS DE GREULICH & PYLE
E EKLÖF & RINGERTZ NA ESTIMATIVA
DA IDADE ÓSSEA

ANA PAULA PASQUALIN TOKUNAGA

MONOGRAFIAAPRESENTADA À ASSOCIAÇÃO
BRASILEIRA
PARANÁ,

DE

ODONTOLOGIA

ABO-PR,

PARA

– SEÇÃO

OBTENÇÃO

DO

TÍTULO DE ESPECIALISTA EM RADIOLOGIA
ODONTOLÓGICA E IMAGINOLOGIA.
ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: ESTOMATOLOGIA.
ORIENTADORA: PROF. DRA. ÂNGELA FERNANDES

CURITIBA
2013

2

Data da Defesa: ___/___/___

BANCA EXAMINADORA

Prof. Dr. Fernando Henrique Westphalen
Termo de aprovação:_______________ Assinatura: ________________

Profa. Dra. Ângela Fernandes
Termo de aprovação: _______________ Assinatura: ________________

Prof. Ademir Franco do Rosário Junior
Termo de aprovação: _______________ Assinatura: ________________

3

Aos meus pais, pelo amor e exemplo.
Ao meu marido e ao meu filho, por tornarem minha vida completa.

4

AGRADECIMENTOS
A Deus, que atéaqui tem me ajudado (1 Sm 7:12).
À Radio Memory, por ceder o software e a licença de uso
para a realização deste estudo, em especial ao Alexandre Oliveira, pelo
apoio técnico na utilização do programa.
Ao Laboratório de Ensino e Pesquisa de Radiologia
Odontológica e Imaginologia da UFPR - que cedeu as radiografias usadas
neste trabalho - na pessoa da Professora Dra. Ângela Fernandes, minhaorientadora e principal incentivadora.
Ao Professor Dr. Aguinaldo José do Nascimento, pela
solicitude e auxílio com as análises estatísticas desta pesquisa.
Ao meu pai, Osni Pasqualin, pela ajuda com os gráficos, não
se importando com o tempo que isso tomaria.
Ao meu marido, Marcos Tokunaga, pelo apoio e amor
incondicionais.
Aos professores do curso de especialização em RadiologiaOdontológica e Imaginologia da ABO-PR,
entusiasmo transmitidos.

Muito obrigada.

pelo conhecimento e

5

SUMÁRIO

LISTA DE FIGURAS..............................................................................

7

LISTA DE TABELAS..............................................................................

8

LISTA DEGRÁFICOS............................................................................

9

RESUMO................................................................................................ 11
ABSTRACT............................................................................................

12

1 INTRODUÇÃO....................................................................................

13

2 REVISÃO DELITERATURA............................................................... 14
2.1 Crescimento e desenvolvimento..................................................

14

2.1.1. Desenvolvimento ósseo...............................................................

14

2.2 Idade cronológica x idade biológica............................................

15

2.2.1 Idadeestatural..............................................................................

16

2.2.2 Idade óssea................................................................................... 17
2.2.3 Idade dentária...............................................................................

18

2.2.4 Idade circumpumberal................................................................... 19
2.3 Aplicações clínicas da determinação da idadeóssea................ 20
2.4 Métodos de determinação da idade óssea..................................

20

2.4.1 O método de Greulich & Pyle........................................................ 22
2.4.2 O método de Eklöf & Ringertz....................................................... 25
3 PROPOSIÇÃO.......................................................................................
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Protocolo de idade ossea
  • Idade Óssea em Pediatria
  • Idade Média : Métodos de tortura
  • Uso de Radiografias Carpais na Determinação da Idade Óssea
  • Aplicação do método gla para estimativa de vulnerabilidade do aquifero barreiras
  • Metodos E Tecnicas Hipertensao Na Terceira Idade
  • Apresentação do método racional na estimativa de vazões máximas de projeto
  • COMPARAÇÃO ENTRE METODOS DE ESTIMATIVA DA EVAPOTRANSPIRAÇÃO DE REFERÊNCIA (ETo) NA BACIA HIDROGRÁFICA DE...

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!