MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO

Páginas: 7 (1586 palavras) Publicado: 27 de agosto de 2014

          MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO – EMILIA FERREIRO
 
O livro Reflexões sobre alfabetização faz um estudo sobre a psicogênese da escrita na criança. Para Emília Ferreiro a invenção da escrita foi um processo histórico de construção de um sistema de representação, não um processo de codificação. Ela não criou um método de alfabetização, e sim, procurou observar como se realiza a construçãoda linguagem escrita na criança, para isso ela nos aponta os caminhos, a fim os erros mais freqüentes daqueles que alfabetizam para que possam ser evitados.
O desenvolvimento da leitura e da escrita começa muito antes da escolarização, desde que nascem as crianças são construtoras de conhecimento, e ao entrar na escola isso se comprova com as crianças que moram no ambiente urbano, pois encontramescritas por toda a parte, enquanto que as do meio rural ficam em desvantagens porque a escrita não é tão presente como nas cidades, ou seja, a criança traz para a escola conhecimentos espontâneos sobre a língua escrita, decorrentes das informações recebidas do mundo letrado em que vivemos. O trabalho de alfabetização inicia-se com um diagnóstico destes conhecimentos, que serão referenciais para asatividades a serem propostas. Respeita-se, assim, a criança enquanto ser inteligente, ativo e criador, que pensa sobre o que constrói.
A criança interage com o mundo das letras e a partir daí começa a realizar produções espontâneas, que podem ser consideradas como garatujas, que seriam suas primeiras escritas e aparecem como linhas onduladas ou quebradas, ou então como uma série de linhasverticais, ou bolinhas, e a partir disso ela constrói e reinventa o sistema de escrita, através de conceitos próprios e evoluindo através da compreensão e interpretação do sistema de escrita.
È muito importante que o professor considere os rabiscos das crianças, para isso ele tem que aceitar as primeiras escritas infantis como amostra reais de escrita e não como “rabiscos”, ele terá que se adaptar seuponto de vista ao da criança, para assim poder interpretar o real significado de sua escrita, pois a escrita é significativa para a criança, então ela precisa ter liberdade de experimentar os sinais escritos, porque ela possui construções originais, próprias de si e vão descobrindo as propriedades dos sistemas simbólicos através de um prolongado processo construtivo.
Outra noção que se tornaimportante para o professor é que o aprendizado não é provocado pela escola, mas pela própria mente das crianças, e portanto elas já chegam a seu primeiro dia de aula com uma bagagem de conhecimentos, e o papel da escola é o de criar condições para que elas descubram por si mesmas, para isso não deve mantê-las distante da língua escrita e sim dar à elas ocasiões de aprender.
Emília Ferreiro definiuos quatro níveis na psicogênese da escrita em: nível pré-silábico, que é dividido em: pré-silábico1 e pré-silábico 2, nível silábico, nível silábico alfabético e alfabético.
1.Nível pré-silábico 1: a criança não estabelece relações entre a escrita e a pronúncia. Nesta fase ela expressa sua escrita através de desenhos, rabiscos, ou usa pseudoletras – ou seja, letras inventadas pela criança, porisso só quem escreve pode interpretar o que está escrito. Outra característica desta fase é o “realismo nominal”, ou seja, as crianças acham que os nomes dos animais ou objetos tem relação com o seu tamanho. Assim, a criança pensa que a palavra vaca é maior do que borboleta, por que representa um animal maior e mais pesado. A superação do realismo nominal, pela percepção de que a palavra escritadiferentemente do desenho, não representa o animal, mas seu nome, é indispensável para o sucesso na alfabetização.
         1.1. Nível pré-silábico 2: a criança já usa as letras e o desenho, e a partir de sua observação, descobre que desenhar não é escrever. A partir de então a criança cria algumas regras para escrever, de maneira que possa ser lida e interpretada por outra pessoa o que foi...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Métodos de alfabetização
  • Metodos de alfabetização
  • Métodos de Alfabetização
  • metodos de alfabetizacao
  • Métodos de alfabetização
  • Metodo de Alfabetização
  • Metodos de alfabetizacao
  • Metodos de Alfabetização

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!