método BH

Páginas: 15 (3683 palavras) Publicado: 15 de maio de 2014
T R A B A L H O /A R T I G O S

A DIALÉTICA DA
CENTRALIDADE DO TRABALHO

nexos desse objetivo com a realidade efetiva. Só assim será possível conferir
materialidade à prática e não incorrer nos equívocos apontados acima.
Nessa medida cabe decifrar como a questão do trabalho e sua centralidade
estão presentes nas formas concretas e contraditórias da reprodução social
vigente. Conformeexposto a seguir, a sociedade do trabalho é determinada
a partir de sua base econômica pela perspectiva da acumulação do capital, e
é determinante seja dos indivíduos que atuam e trabalham na sociedade, seja
das suas relações sociais, seja das suas relações com a natureza. A partir dessa
situação concreta, invertida em relação ao trabalho, o mesmo precisará ser
decantado como elementocontraditório essencial à re p rodução da sociedade por um prisma humano. Isto foi caracterizado por Kant em sua Fundamentação da metafísica dos costumes, onde contrapõe a sociedade em que
tudo tem um preço e os fins são contrapostos aos homens e a sociedade em
que se efetiva a dignidade humana, onde os homens são fins em si mesmos.
Por esse prisma pode-se configurar, como contraponto à sociedade vigentedo trabalho, da formação social pela perspectiva do capital e suas determinações, uma configuração da sociedade pela perspectiva do trabalho, um
“modelo” de sociedade contraposto e crítico em relação àquele do modo de
produção capitalista.
O sentido humanista, emancipatório, da centralidade do trabalho, não se
efetiva na sociedade do trabalho, mas em uma sociedade pela perspectiva
dotrabalho. Nesta última o trabalho social não se vincula, como ocorre na
sociedade do trabalho, à alienação nas relações entre os homens, nem à alienação nas relações com a natureza.
A centralidade do trabalho diz respeito, nesses termos, à crítica às formas
sociais determinadas na formação vigente. Ou seja: crítica ao economicismo
que instrumentaliza as relações sociais em termos de produtividadecapitalista; à mercantilização generalizada, que subordina a vida social ao consumismo e aos ditames da indústria cultural; à destruição ambiental resultante
de uma relação com a natureza objetivada em matéria de exploração predatória; à política instrumental que subordina a ampliação dos direitos sociais
à mera circulação no acesso aos mecanismos de poder, etc..

Wolfgang Leo Maar
“Tudo tem umpreço (...)
Só os homens têm dignidade.”
IMMANUEL KANT (1)

1. O SENTIDO DA CENTRALIDADE DO TRABALHO A questão da centralidade do trabalho precisa ser elaborada com cautela, para evitar parâmetros maniqueístas para o problema, ao contrapor as posições contrárias
apenas no plano do discurso.
De um lado, não cabe se fixar apenas na propalada – verdadeira – tendência
factual re g re s s i vado trabalho na sociedade presente, sob pena de unicamente fazer eco à ideologia capitalista. Nem tampouco procede insistir
numa mera defesa da centralidade do trabalho – verdadeira – idealizada para
além da sociedade em sua formação real vigente, com o risco de re s va l a r
somente num essencialismo ahistórico. Em ambos os casos, movemo-nos
num ambiente de abstração das determinações sociaisem suas formações
efetivas, abstrações que resultam em diminutas contribuições à elucidação
adequada do tema em pauta. Evitar essas abordagens significa superar uma
posição positiva, embora conformista, no primeiro caso; e crítica-negativa,
porém idealista, no segundo.
O tema da centralidade do trabalho precisa ser focalizado tendo em vista o
processo de produção e reprodução material da vidahumana em sociedade,
em sua interação com os outros homens e com a natureza. Neste processo os
homens produzem a si próprios, a sociedade e as próprias formas sociais em
que produzem.
O trabalho social tem uma dupla “natureza”: ele é tanto o trabalho envolvido no processo de produção da sociedade em que se trabalha, que determina socialmente, quanto o trabalho concreto na sociedade...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Metodo BH
  • Metodo de BH
  • Metodos de bh
  • Método bh
  • Método BH
  • Fichamento método BH
  • FHTMSS "O MÉTODO BH"
  • Bh

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!