Livro Til

Páginas: 19 (4540 palavras) Publicado: 18 de março de 2015
A visão
Berta estava sentada na soleira da porta da cozinha. Observava Zana, recolhida em seu canto, mexendo a cabeça, quando ouviu passos vindos do mato. Ela se escondeu na cozinha, onde havia uma fresta pela qual podia observar á volta.
Enquanto isso, no momento em que um raio de sol encontrou Zana, a preta levantou-se e iniciou uma estranha mímica. Ela agia como se acendesse uma brasa nofogão, depois como se mexesse no armário, outrora como se conversasse com alguém. Isso se repetia em diversas visitas de Berta, o que a fez imaginar que aquele ritual podia ser resultado de algum trauma pelo qual a preta passara.
Neste meio tempo ouvia-se o chamado “Inhá!…”, era Miguel que procurava pela menina.
Zana continuava sua cena: agia como se atendesse um chamado, espantava-se com algo quevira, embalava junto ao peito algo que poderia ser uma criança, e após algumas transmutações de sua fisionomia caía ao chão, voltava à posição inicial, num canto da cozinha.
O desconhecido
Desde jovem diziam a Berta que ela deveria manter distância daquela casa em ruínas. Mas isto só fez a curiosidade da menina aumentar. Quando tinha ainda 15 anos já se dirigiu para o lugar e percebeu que Zana nãopassava de uma louca, inofensiva.
A menina sempre teve liberdade para sair de casa e passar horas fora, ela sempre era a verdadeira senhora da casa, por isso visitava Zana tranquilamente. Apesar de Berta ser uma enjeitada (adotada), nhá Tudinha, mãe de Miguel, lhe queria muito bem – dando-lhe mais atenção do que a seu próprio filho.
Zana fazia sua mímica habitual, mas em um ponto parou: cruzou com oolhar de um homem na janela, era Barroso. A negra estremeceu, saiu correndo, topando com paredes da casa. Berta também viu o homem com um olhar que lhe deu repugnância. Barroso, como quem procurasse por algo, após encarar a menina, saiu.
À procura de Zana, Berta ouviu gritos da preta vindos do terreiro. Lá encontrou a mulher sendo atacada por Brás, o idiota. Ao chamado da menina, Brás saiu de cimade sua vítima e escondeu-se noutro canto da casa. A garota confortou Zana e deitou-a numa esteira, prometendo voltar mais tarde para tratar das feridas deixadas pelo garoto.
Voltando-se a Brás, que esperava uma severa repreensão, Berta foi simples e direta: “Não!”, disse ela. O rapaz estrebuchou-se, numa convulsão, com rosto deformado e boca espumando. Ao recuperar-se, Berta cuidava dele, como auma criança, pois sabia que era alguém doente.
A pousada
Na estrada para Campinas havia um estabelecimento que servia de pousada e taberna. Lá estavam Chico Tinguá, cochilando sobre o balcão, e Nhanica, uma jovem que cuidava do fogão.
Com o barulho de alguém se aproximando, Chico Tinguá se incomoda, era Gonçalo, um homem de fisionomia grosseira. Quando ele se apresenta, o atendente disfarça seudesgosto e abre um sorriso, pede a Nhanica que prepare o café.
Gonçalo pergunta sobre Bugre, como também é conhecido Jão Fera. Tinguá desconversa. Nesse momento surgem mais alguns homens aproximando-se.
O bacorinho
Um grupo de caçadores passava pela região. O líder do bando, Filipe, chegou ao estabelecimento, onde informou que desejavam arranchar e almoçar. Acomodaram-se, pediram também café.Gonçalo puxa conversa com o grupo. Após se apresentar como “suçuarana”, devido sua “braveza” e sardas que tem no rosto, ele pergunta o que eles faziam por ali. Descobre que caçavam o Bugre, a pedido do filho de um fazendeiro que fora assassinado pelo Fera. Nesse momento Tinguá se aproximava, trazendo o café.
No meio da conversa sobre onde estaria Jão Fera, Gonçalo questiona novamente Chico Tinguá, quecontinua a negar conhecimento do paradeiro. Nesse instante Chico reclama de um bacorinho (pequeno leitão) que estaria abrindo sua cerca. Gonçalo nota, no entanto, que o bicho estava tranquilo no quintal – Chico apenas queria uma desculpa para se retirar da conversa.
O trato
Gonçalo era um valentão que se autodenominava “Suçuarana”. Era mais conhecido, no entanto, como “Pinta”, apelido com que...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Livro til
  • Livro Til
  • Livro til
  • livro til
  • José de Alencar. Livro TIL
  • Análise do livro til
  • Resumo Livro TIL
  • livro til jose de alencar

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!