Livro til - roteiro de investigação

Páginas: 7 (1688 palavras) Publicado: 27 de março de 2012
Rede Beneditina – ISPX
Osasco, 15 de março de 2012
João Victor de Oliveira Bortoloto n° 18 - 2°B - E.M.


“ Til ” : José de Alencar – Investigação e Leitura


1. Importância do autor para a literatura brasileira, mencionar o período de sua produção e o que foi mais relevante nessa produção.

José Martiniano de Alencar é considerado o maior romancista brasileiro. Em 1854 iniciou comofolhetista no Correio Mercantil. Escreveu o livro Til em 1871, baseando-se no interior paulista como o lugar sede da história. José de Alencar se formou em direito no Largo de São Francisco. Uma característica comum em suas obras é que ele sempre produziu uma literatura nacionalista, utilizando um vocabulário típico brasileiro e evitando o estilo lusitano.

2. Quatro exemplos, de capítulosdiferentes, para cada item abaixo, em que haja:

a) Uso predominante da tipologia descritiva para caracterizar a sociedade rural em que ocorre a narrativa.

R: “Caminhavam por uma recha, bordada de ilhas de mato, que emergiam aqui e ali
do verde gramado. Pela ramagem frondente das árvores e renovos que abrolhavam,
percebia-se a proximidade de uma grande manancial, e entre as crepitações da brisanas
folhas, como um tom opaco desse arpejo da solidão, ouvia-se o murmúre soturno do
Piracicaba, que leva ao Tietê o tributo caudal de suas águas.” Volume 1, Capítulo 1.

“Cerca de uma légua abaixo da confluência do Atibaia com o Piracicaba, e à
margem deste último rio, estava situada a fazenda das Palmas.
Ficava no seio de uma bela floresta virgem, porventura a mais vasta e frondosa,
dasque então contava a província de São Paulo, e foram convertidas a ferro e fogo em
campos de cultura. Daquela que borda as margens do Piracicaba, e vai morrer nos
campos de Ipu, ainda restam grandes matas, cortadas de roças e cafezais. Mas
dificilmente se encontram já aqueles gigantes da selva brasileira, cujos troncos enormes
deram as grandes canoas, que serviram à exploração de Mato Grosso.Daí partiam pelo
caminho d’água as expedições que os arrojados paulistas levavam às regiões
desconhecidas do Cuiabá, descortinando o deserto, e rasgando as entranhas da terra
virgem, para arrancar-lhe as fezes, que o mundo chama ourn e comunga como a
verdadeira hóstia.” Volume 1, Capítulo 4.

“Assim atravessaram os canaviais, divididos em alqueires por largas alamedas e
carreadores maisestreitos.” Volume 1, Capítulo 11.

“A um lado da casa cresciam umas encarquilhadas laranjeiras da China e um
pessegueiro; no outro havia canteiros, onde espigavam no meio da ervagem couves
gigantes, já com pretensões a arbustos, de tão velhas que eram.” Volume 1, Capítulo 16.

b) Apresentação do modo de vida e os costumes das pessoas do local

“No dia seguinte, ainda mais sensível tornou-se origor. Linda não se animou a falar com
Miguel, nem a brincar pelo pomar. Todo o dia esteve na sala com a mãe ou umas velhas parentas; e Berta percebeu que os meigos olhos azuis da amiga tinham o rescaldo que
deixam as lágrimas.” Volume 2, Capítulo 24.

“- E anda caçando? Por estas bandas há muito veado e paca: mas como os caititus
este ano, nunca se viu: é mesmo uma praga!” Volume 1, Capítulo21.

“Inhá, que de uma corrida alcançara a tronqueira, subiu de salto pelas travessas,
como faria se fossem os degraus de uma escada, e sentou-se na última bem concha de si.
Levantando então a aldraba de ferro e empurrando com o pé a cancela, começou a
balançar-se com um prazer infantil.” Volume 1, Capítulo 2.

“O marido estava a partir para Campinas, onde ia demorar-se três dias afim deconcluir alguns negócios, que talvez o levassem a São Paulo. Apesar do hábito dessas e
até de maiores ausências, a senhora não podia eximir-se à repugnância que lhe causava
semelhante viagem, e empregava todos os esforços para desmanchá-la.” Volume 1, Capítulo 8.

c) Passagens em que haja um clima de mistério ou de suspense.

“Levou ao rosto a espingarda fingindo armá-la, e apontou para o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Livro TIL
  • Livro til
  • Livro Til
  • Livro Til
  • Livro til
  • livro til
  • José de Alencar. Livro TIL
  • Análise do livro til

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!