literatura

Páginas: 6 (1392 palavras) Publicado: 17 de setembro de 2014
LEILIANE CAMARGO DA LUZ – 1ºLLN

O quinze

O livro “O Quinze” de Rachel de Queiroz aborda a história da seca de 1915. Uma história que faz com que nós tenhamos uma ideia do sofrimento que as pessoas do sertão tiveram ao enfrentar a seca, tendo que abandonar tudo para não morrer de fome.
Vendo que a chuva não virá tão cedo DonaMaroca, dona de uma das fazendas do sertão, resolve mandar soltar seu gado para não se ter mais prejuízos mandando recado para Chico Bento. Vendo que não vem chuva muitos moradores e donos de terrenos no sertão não veem outra saída a não ser a de soltar o gado para não ter mais prejuízos; veja no trecho a seguir:
“Minha tia resolveu que se não chovendo até o dia de São José, você abra asporteiras e solte o gado. É melhor sofrer logo o prejuízo do que andar gastando dinheiro à toa em rama e caroço, pra não ter resultado. Você pode tomar um rumo ou, se quiser, fique nas Aroeiras, mas sem o serviço da fazenda. Sem mais, do compadre amigo...”

Tendo recebido o bilhete, Chico Bento não vê outra solução se não a de tomar rumo para o norte em busca de uma vida melhor para ele, suaesposa e filhos. Na esperança de que ainda possa chover, Chico, espera por mais uma semana, pois não deseja deixar sua terra para ir ao desconhecido com sua família atrás de novas esperanças, em busca de uma nova vida. Não outra saída a não ser a de migrar, é migrar ou morre de fome e perder tudo. Veja no trecho que segue:
“- Então sempre é verdade que você vai-se embora?
O caboclo alongoutristemente a voz lamentosa:
- Inhor sim... A dona mandou soltar o gado... Hoje mesmo abri as porteiras...
- E, pelo que ouvi dizer, você ainda esperou uma semana... Hoje é 25...
- Me esperancei que inda chovesse depois de São José... Mas qual!”

A chuva não chega e não resta outra saída ao nordestino a não ser a de imigrar para o norte em busca de emprego com a extração de borracha. Muitos nãotiveram outra opção a não ser migrar em busca de viva nova. Veja no trecho que segue:
“Alta noite, na camarinha fechada que uma lamparina moribunda alumiava mal, combinou com a mulher o plano de partida.
Ela ouvia chorando, enxugando na varanda encarnada da rede, os olhos cegos de lágrimas.
Chico Bento, na confiança do seu sonho, procurou animá-la, contando-lhe os mil casos de retirantesenriquecidos no Norte.”

Sem conseguir passagens Chico Bento tem de vir por terra com sua família para o norte, temendo o que possa acontecer ao longo da trajetória ele tenta convencer o homem q lhe dar passagens, mas uma tentativa sem sucesso, tentativa essa apresentada no seguinte trecho:
“Mas foi em vão que Chico Bento contou ao homem das passagens a sua necessidade de se transportar a Fortaleza comsua família. Só ele, a mulher, a cunhada e cinco filhos pequenos.
O homem não atendia.
- Não é possível. Só se você esperar um mês. Todas as passagens que eu tenho ordem de dar, já estão cedidas. Por que não vai por terra?
- Mas meu senhor, veja que ir por terra, com esse magote de meninos, é uma morte!
O homem sacudiu os ombros:
- Que morte! Agora é que retirante tem esses luxos... No 77 nãoteve trem para nenhum. É você dar um jeito, que, passagens, não pode ser...”

Já em marcha na estrada, Chico e sua família encontram um grupo de retirantes que estão prestes a comer carne de uma vaca encontrada morta na estrada. Chico Bento vendo a cena resolve não deixar o grupo comer aquele animal e divide tudo o que tem com eles, ficando praticamente sem comida para o dia seguinte. A fome fazcom que muitos deixem de pensar no eu bem estar e comecem a agir feito animais, chegando até ao ponto disputar até uma vaca já morta com urubus. Veja no trecho a seguir:
“- Chico, que é que se come amanhã?
A generosidade matuta que vem na massa do sangue, e florescia no altruísmo singelo do vaqueiro, não se perturbou:
- Sei lá! Deus ajuda! Eu é que não haverá de deixar esses desgraçados...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Literatura
  • Literatura
  • Literatura
  • Literatura
  • Literatura
  • Literatura
  • Literatura
  • Literatura

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!