Limites e infância: castigos e punições

Páginas: 9 (2032 palavras) Publicado: 30 de setembro de 2012
Educar filhos nunca foi uma tarefa simples. Nos dias atuais, com novas informações tecnológicas, a criação se tornou ainda mais difícil. Ser pai ou mãe é algo que exige grande responsabilidade.Entretanto, parece que muitos perderam a noção do valor da família, pois é notório como estes laços e o respeito mútuo vêm se deteriorando cada vez mais. Diante de um mundo tão conturbado, a criação defilhos tem gerado discursões: educar é bater? Os pais devem ou não dar castigos físicos? Como criar filhos impondo limites, sem bater?
Diante destes questionamentos, este trabalho visa discutir e propor reflexões sobre a criação dos filhos e os castigos utilizados pelos pais. Para tanto, utilizaremos dados de pesquisa e mostraremos o que dizem os pedagogos, psicólogos e o senso comum. No entanto,antes de iniciarmos estas discursões, é necessário que entendamos o conceito de família e sua evolução histórica.
São vastos os conceitos relacionados à família. Uns dizem que esta é um grupo de indivíduos em interação simbólica, chegando às situações com os outros significantes ou grupos de referência, com símbolos, perspectivas, self, mente e habilidade para assumir papéis. Outros dizem que é umgrupo social composto por membros em interação simbólica entre si e com os elementos presentes na experiência cotidiana, às quais a família atribui significado, geralmente comum ou próximo, a essa experiência.
No entanto qual seria a real função dessa família? Antes de tentar responder essa questão seria importante ressaltar que esta passou por certa evolução. A história faz com que percebamosas diversas formas de “viver a família” desde as comunidades primitivas em que não havia uma função determinada ou específica para os adultos com relação aos filhos. Dividiam-se as funções e responsabilidades dentro da comunidade de acordo com as necessidades gerais e as capacidades individuais. No século passado houve tentativas de vida comunitária com base principalmente no movimento hippie.Conforme outros interesses foram ocorrendo ao longo da história, apareceram regras e leis implantadas (e/ou impostas) a partir dos tipos de governo ou religiões vigentes, tais como castas, feudos, monarquias e várias outras modalidades. Enfim, atualmente estas famílias podem ser formadas por mulheres e homens que se casam ou vivem juntos, com ou sem filhos; por homens e mulheres que não sãocasados; por só um homem ou mulher, com ou sem filhos e tanto pai como mãe têm deveres e responsabilidades em relação a sua família.
Então vê-se que a família é responsável pela vida e pelo desenvolvimento de suas crianças, com o apoio da comunidade e do governo.Sendo que constitui a base da sociedade contemporânea, funcionando como unidade em que todo indivíduo deve estar inserido para formação deseu caráter e construção do seu eu social.
A idéia de função social como instrumento procede da própria etimologia do
termofunção. Em latim, a palavra functioderivava do verbo fungor(functus sem, fungi), cujo significado remete a cumprir algo, desempenhar um dever ou tarefa, ou seja, cumprir uma finalidade, funcionalizar (ALMEIDA, 2007).
Assim, a finalidade dessa família seria formar um/o sersocial, ou seja, servir de base para o individuo adulto. No entanto essa função poderia ser relacionada à da escola. Porém muitas vezes a estrutura familiar não possibilita “harmonia” e o reflexo disto aparecerá na atividade escolar. Geralmente a problemática familiar já existe, mas é na entrada da criança na escola que essa situação será externada, pois é o momento em que ela vai se mostrar paraos outros. Porém, é necessário que a instituição fique atenta para os sintomas escolares que seus alunos apresentam, que os questionem, investigue sobre a história familiar, para que eles possam colocar em palavras o que ele está mostrando em ato.
Considerando a família como a base, então sua função é formar e educar seus filhos, mas uma problemática no âmbito familiar é como fazer isso? É fato...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Castigos e Punições na Escola
  • Limites na primeira infância
  • Limites na primeira infancia
  • Punições
  • Punições
  • RECOMPENSAS E PUNIÇÕES
  • Crime e castigo
  • Castigo do senhor

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!