Libras aula 5

Páginas: 11 (2542 palavras) Publicado: 15 de novembro de 2014
Resumo:
Os indivíduos surdos estão sociedade há séculos, entretanto sua história foi sempre repleta de dificuldades, da proibição até a legitimação da língua de sinais no Brasil. Este estudo apresenta um breve relato histórico da trajetória dos indivíduos surdos na superação dessas dificuldades, evidenciando que, com os passar do tempo, estes indivíduos vão vencendo as dificuldades que seapresentam com muito esforço e luta.

Palavras-chave: surdos, educação, língua de sinais

ABSTRACT: Deaf people are in society for ages, but their history was always full of difficulties, since the prohibition of sigh language in Brazil to its recognition as an official language. This study presents a brief historical report about the deaf people history in order to overcome the hardships presenteddue to their condition, highlighting that, as time passes, these individuals have made great efforts to master such difficulties.

Keywords: deaf people, education, sign language

A história do povo surdo foi sempre cheia de dificuldades. No passado, foram considerados, geralmente, ineducáveis. Portanto, faremos um breve relato histórico, de toda uma trajetória repleta de dificuldades que,com o passar dos anos, estão sendo vencidas com esforço, luta e força de vontade por parte dos indivíduos surdos.

Aristóteles (384-322 a.C), conforme Guarinello (2007, p. 19), difundia que as pessoas surdas não podiam expressar nenhuma palavra e que, para atingir a consciência humana, a audição era o canal mais importante para o aprendizado. Seu veredito era de que os surdos não eram treináveis.E esse conceito permaneceu por séculos sem questionamentos.

A crença do povo romano era de que, os surdos, por não falarem, não podiam fazer testamentos e necessitavam de um curador para tratar de todos os seus negócios. Assim, no passado, os surdos eram considerados incapazes pelas sociedades.

De acordo com Rinaldi (1998), no final do século XV, não existiam escolas especializadas parasurdos, as pessoas ouvintes tentavam ensinar os surdos a falar e a escrever, como, por exemplo, Giralamo Cardomo, italiano que usava a linguagem escrita e sinais e o Padre espanhol beneditino Pedro Ponce de Leon, que utilizava treinamento de voz, leitura dos lábios e sinais com os surdos da época.

Segundo o mesmo autor (1998, p. 283), alguns professores nos séculos seguintes dedicaram-se à educaçãodos surdos. Entre eles destacaram-se: Ivan Pablo Bonet (Espanha); Abbé Charles Michel de L’Épée (França); Samuel Heinicke e Moritz Hill (Alemanha); Alexandre Graham Bell (Canadá e EUA) e Ovide Decroly (Bélgica). Todos eles divergiam quanto ao método mais indicado para ser adotado no ensino dos surdos. Uns acreditavam que o ensino deveria priorizar a língua falada (Método Oral puro) e outrosutilizavam a Língua de Sinais – já conhecida pelos alunos – e o ensino da fala (método combinado). No Século XVII, o abade L’ Epée reuniu surdos dos arredores de Paris e criou a primeira escola pública, foi o precursor no uso da Língua de Sinais. A metodologia utilizada por ele fez sucesso, mas, infelizmente, teve curta duração pelo fato de ter sido desacreditada pela Medicina e pela Filosofia.

Apesquisadora Guarinello (2007) também apresenta alguns dados importantes no seu livro: “O papel do outro na escrita de sujeitos surdos”, como por exemplo:
No Brasil, a educação de surdos teve início no governo Imperial de D. Pedro II, quando o professor francês Hernest Huet, a convite de D. Pedro II, veio para o Brasil para fundar a primeira escola para meninos surdos. Seguidor da idéia do abadeL’ Epée1(Charles Michel L’Espeé, nasceu em 1712 e foi ordenado sacerdote em 1738), Hernest Huet nasceu na França em 1822 e ficou surdo aos 12 anos de idade.

A respeito dessa questão Rinaldi (1998, p.283) aponta que a carta de intenções do professor surdo francês Hernest Huet sobre a fundação do Instituto, dirigida ao Imperador D. Pedro II, encontra-se no Museu Imperial de Petrópolis – Estado...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • aula tema 5 do ava libras
  • Aula-tema 5: conversação básica em libras
  • Atividade 5 Libras
  • aula 5
  • Aula 5
  • AULA 5
  • Aula 5
  • dpp 5 libras

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!