Kit corretor de imóveis

Páginas: 71 (17603 palavras) Publicado: 25 de maio de 2011
01
Prezado(a) Corretor(a) de Imóveis:

Você está recebendo neste momento o “KIT DO CORRETOR DE IMÓVEIS”, elaborado pelo CONSELHO REGIONAL DE CORRETORES DO IMÓVEIS – CRECI 18ª REGIÃO – AM/RR.
Este KIT tem o intuito de trazer ao(à) nobre colega, modelos básicos de AUTORIZAÇÃO DE VENDA, TERMO DE VISITAÇÃO, RECIBO DESINAL DE NEGÓCIO, CONTRATO DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA E CESSÃO DE DIREITOS, dentre outros.
Antes de falarmos sobre cada um dos modelos, vale a pena ressaltar que são modelos sugestivos, ficando o CRECI-18ª Região isento de qualquer responsabilidade pelas suas
aplicações e/ou mudanças que você venha a introduzir em quaisquer das cláusula dos modelos, comoé de conhecimento do(a) nobre colega, CADA CASO É UM CASO, então, a sua habilidade e versatilidade serão fatores decisivos para elaboração de cada documento de forma definitiva, o que trará a satisfação do serviço prestado e o reconhecimento da sociedade, engrandecendo e fortificado o(a) Corretor(a) de Imóveis.

AUTORIZAÇÃO EXCLUSIVA DE VENDA E/OU ALUGUEL (FLS. 04 e 06)A Lei 6.530/78, em seu Artigo 20, Inciso III, determina que é vedado ao Corretor de Imóveis “anunciar publicamente proposta de transação a que não esteja autorizado através de documento escrito”.
Recentemente, O CONSELHO FEDERAL DE CORRETORES DE IMÓVEIS – COFECI, baixou a RESOLUÇÃO-COFECI nº 458/95, que fortalece esta determinação da Lei.Assim sendo, a Autorização Exclusiva de Venda é o instrumento mais importante entre o(a) Corretor(a) de Imóveis e seu cliente, pois, além de autorizar o(a) Corretor(a) a transacionar um imóvel ou vários imóveis, como o caso determinar, é Contrato de Prestação de Serviço, é o documento onde se estabelece a relação entre as partes, seus direitos e obrigações.Não se esqueça. Ao contratar um serviço, faça-o por escrito. As contratações verbais além de conturbadas não tem amparo legal, não asseguram a nenhuma das partes os seus direitos.

TERMO DE VISITAÇÃO (FLS. 08)

Este documento é o único registro que o(a) Corretor(a) de Imóveis comprova que está realmente trabalhando, se dedicandoao serviço para o qual foi contratado.

Deve ser usado sempre que o(a) colega for mostrar o imóvel para um pretendente, assegurando o direito de preferência da transação, tanto para o pretendente quanto para o(a) intermediador(a).
NOTA: neste documento deverão ser anotadas todas as observações feitas pelo pretendentepara que não fique dúvidas se a transação for efetuada posteriormente.

RECIBO DE SINAL DE NEGÓCIO (FLS. 10)

O Recibo de Sinal de Negócio é o instrumento que determina a vontade das partes de efetivarem uma transação.

O Sinal de Negócio, desde que as partes determinem, é regido pelos Artigos nº 417 e seguintes doCódigo Civil Brasileiro.

02
Em síntese, o acima citado artigo diz que: “Se, por ocasião da conclusão do contrato, uma parte der à outra, a titulo de arras, dinheiro ou outro bem móvel, deverão, as arras, em caso de execução, ser restituídos ou computadas na prestação devida, se do mesmo gênero da principal”.Nunca deixe de consultar as partes sobre a inclusão das ARRAS no negócio a ser efetuado. Esclareça da importância de sua inclusão.

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEIS (FLS. 24)
A Lei 8.245/91 (Lei do Inquilinato) veio dar nova dinâmica na relação proprietário/inquilino, visto que após o término do Contrato de Locação (que deverá ser no mínimo...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Corretor de imoveis
  • Corretor de Imoveis
  • corretor de imoveis
  • corretor de imóveis
  • corretor de imoveis
  • Corretor de imoveis
  • Corretor de imoveis
  • Corretor de imoveis

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!