Jorge amado

Páginas: 9 (2133 palavras) Publicado: 3 de maio de 2013
Feuduc

Fundação Educacional de Duque de Caxias.

Vida e obra de Jorge Amado

2012

Aline Siqueira Lobo Santos. 4°período PI

Cleber Luís Rosa Espíndola. 4°período PI

Trabalho entregue a professora Valéria para obtenção de nota na disciplina de literatura brasileira, do curso de Letras da Fundação Educacional de Duque de Caxias.

Trabalho entregue a professora Valéria para obtençãode nota na disciplina de literatura brasileira, do curso de Letras da Fundação Educacional de Duque de Caxias.



Introdução:
O presente trabalho visa destacar a importância do legado de Jorge Amado, tanto no âmbito político quanto no literário, pois o mesmo foi representante da segunda fase do Modernismo no Brasil, voltada aos romances regionalistas. Noentanto, a obra de Jorge Amado é dividida pelos críticos literários em: 1. Romances da Bahia ou proletários que retratam a vida na cidade de Salvador, como é o caso de Suor, O país do Carnaval e Capitães da areia. 2. romances ligados ao ciclo do cacau, que correspondem aos livros Cacau e Terras do sem fim. 3. Crônicas de costumes, começadas com Jubiabá e Mar Morto e estendendo-se por Gabriela,cravo e canela. 

Vida e obra:
 Jorge Amado nasceu em 10 de agosto de 1912, na fazenda Auricídia, em Ferradas, distrito de Itabuna, filho de João Amado de Faria e Eulália Leal. O pai havia migrado de Sergipe para se tornar fazendeiro de cacau na Bahia. Além de Jorge, o primeiro filho, o casal teve Jofre, que morreu aos três anos, Joelson e James. Antes que o primogênito completasse dois anos, afamília mudou-se para Ilhéus, fugindo de uma epidemia de varíola (a “bexiga negra”). 
      No litoral sul da Bahia, a “nação grapiúna”, o menino Jorge Amado ganhou intimidade com o mar, elemento fundamental de seus livros, e viveram algumas de suas experiências mais marcantes. Cresceram em meio a lutas políticas, disputas pela terra e brigas de jagunços e pistoleiros. Seu pai foi baleado em umatocaia. Em companhia do caboclo Argemiro, que nos dias de feira o colocava na sela e o levava a Pirangi, o menino conheceu as casas de mulheres e as rodas de jogo.
A região cacaueira seria um dos cenários preferidos do autor, atravessando toda sua carreira literária, em livros como Terras do sem-fim, São Jorge dos Ilhéus, Gabriela, cravo e canela e Tocaia Grande, nos quais relata as lutas, acrueldade, a exploração, o heroísmo e o drama associados à cultura do cacau que floresceu na região de Ilhéus nas primeiras décadas do século XX.
 Jorge Amado tomou contato com as letras através da mãe, que o alfabetizou pela leitura de jornais. Completou os estudos iniciais num internato religioso: com onze anos foi mandado a Salvador para estudar no Colégio Antônio Vieira.
Apesar da sensação deencarceramento e da saudade que sentia da liberdade e do mar de Ilhéus, o menino experimentou ali a paixão pelos livros. Seu professor de português era o padre Luiz Gonzaga Cabral, que lhe emprestou livros de autores como Charles Dickens, Jonathan Swift, José de Alencar e clássicos portugueses. O padre Cabral foi o primeiro a sentenciar que Jorge Amado se tornaria escritor, ao ler uma redação de seualuno, intitulada “O mar”. 
      Em 1924, o menino fugiu do internato e passou dois meses percorrendo o sertão baiano. Viajou até Itaporanga, em Sergipe, onde morava seu avô paterno, José Amado. Seu tio Álvaro, uma das figuras mais importantes de sua infância, foi buscá-lo na fazenda do avô. 
      Depois de transferir-se para outro internato, o Ginásio Ipiranga, em 1927 Jorge Amado foi morarem um casarão no Pelourinho, em Salvador. O prédio serviria de inspiração ao seu terceiro romance, Suor, publicado em 1934.

Os primeiros passos como profissional da escrita:
Aos catorze anos, Jorge Amado conseguiu seu primeiro emprego: repórter policial no Diário da Bahia. Em seguida, passou a trabalhar em O Imparcial. Nessa época, participava intensamente da vida popular e da boemia de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Jorge Amado
  • Jorge Amado
  • Jorge Amado
  • Jorge AMado
  • Jorge Amado
  • jorge amado
  • quem foi jorge amado?
  • Jorge amado

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!