Jardins Japoneses

1312 palavras 6 páginas
JARDINS JAPONESES

Os jardins japoneses, muito valorizados como referências nas propostas de Paisagismo atuais são repletos de historicidades e fases que suas releituras não conseguem apontar.

Nas Asuka (552-710), Nara (710-794)e Heian (794-1185) eras os jardins de enormes rochas em rochosas prados já eram venerados como moradas dos deuses.

Os jardins da Kamakura (1185-1336)e Muromachi (1336-1573)eras é a segunda grande influência da China, especialmente zen budista. Pequena escala (kare-sansui), jardim seco. Feito por sacerdotes - ishitateso, da sita Shingon. Mais tarde feito pelos sacerdotes Zen. Jardins mais que naturais, perseguiam a essência interior da natureza, não suas aparências externas.

Tsukyama

O Zen é uma forma de meditação em que se acredita na iluminação como um poder que vem de dentro ji-riki. Enquanto isso o Budismo acredita na força que vem de fora – ta-riki . A meditação busca superar o pensamento e atingir o estado de não pensamento um-shin. Os jardins eram utilizados para a meditação e a busca da iluminação espiritual.

The stones garden of the Ryoan-ji temple in the north-western Kyoto is considered as the best example of Karesansui

A era Muromachi é de extrema criatividade e criando os ícones da cultura japonesa, como o teatro Noh, a pintura da paisagem, a arquitetura Shoin e o jardim seco. A beleza do espaço vazio yohaku no bi. Também continua o Heian garden, jardim com lagos e ilhas, nos seus primeiros anos. Depois surge uma variação que é o jardim que contém um pequeno lago e que serve para caminhadas e não mais para andar de botes. São famosos os jardins palacianos de KinkaKu-ji, Ginkaku-ji e o Pavilhão Dourado ao norte de Kioto.

Princípios:
Assimetria
Simplicidade
Sublime austeridade ou macia secura.
Naturalidade.
Sutil profundidade ou profunda reserva.
Liberdade e enrraizamento
Tranqüilidade.

A era Momoyama ou Azuchi – Momoyama inicia em 1573 quando o último Shogun Ashiga-Kaga foi finalmente

Relacionados

  • jardim japones
    1397 palavras | 6 páginas
  • Trabalho de jardim japones
    2355 palavras | 10 páginas
  • aula PUP história paisagismo internacional 2015
    3155 palavras | 13 páginas
  • Jardim Japonês
    2089 palavras | 9 páginas
  • 000607072
    29958 palavras | 120 páginas
  • Japão
    1115 palavras | 5 páginas
  • Jardins orientais
    970 palavras | 4 páginas
  • Centro de integração brasil – japão
    10849 palavras | 44 páginas
  • Trabalho
    3928 palavras | 16 páginas
  • Investigação de Acidente em Espaço Confinado
    4508 palavras | 19 páginas