“Jacques le goff e as representações do tempo na idade media”

Páginas: 5 (1174 palavras) Publicado: 7 de novembro de 2012
[pic]























































































SUMÁRIO


1 – INTRODUÇÃO 4

2 – DESENVOLVIMENTO 5

3 – CONCLUSÃO 7

4 – REFERENCIAS 8

INTRODUÇÃO

Entender o ser humano sempre foi tarefa árdua paracientistas, estudiosos, antropólogos, sociólogos, historiadores, etc...
A complexidade que o homem tem é desfruto de estudos no mais variados setores desde que se entendeu que o homem é parte do tempo e do espaço e sem ele não há historia.
No texto em questão: “Jacques Le Goff e as representações do tempo na Idade Media” de Leandro Duarte Rust – Universidade Federal Fluminense,Revista de Historia e Estudos Culturais – Abril/Maio/Junho 2008 – Vol. 5 n. 2; Jacques Le Goff encontra duas temporalidades: o tempo da igreja e o tempo do mercador, a primeira limitada eclesiasticamente pelo sobre natural, a segunda pelo mercantilismo e rejeição da igreja pelo esquema tripartido. O estudo do tempo no medievo nos leva a refletir se realmente a idade media foi a “idade das trevas”,um período, segundo historiadores da época, sem nenhuma ou pouca expressão histórica, ou se foi um período que agora sendo aos poucos desvendado, um marco na historia mundial. Isso porque a historia do medievo já desperta curiosidades, pois o homem é capaz de fazer o inesperado, o improvável, sendo uma nova descoberta a cada documento relido, cada fragmento desta época medieval descoberta,inovando e renovando a historia, porque o homem esta dentro do tempo e do espaço propriamente dito.



























DESENVOLVIMENTO

O autor reforça a relação do homem no tempo e espaço, citando Le Goff com a demonstração de que o tempo e uma modalidade de interação do homem é o elemento que constitui a vida do homem tanto individualmente quanto emsociedade, não natural do homem, mas invariável e de varias sociedades.
O autor compreende que Jacques Le Goff era um obstinado por renovar as investigações históricas, dando o primeiro passo para a exploração das representações medievais do tempo, conforme um artigo publicado em 1960 intitulado “Na Idade Media: tempo da igreja e tempo do mercador”, Le Goff demonstra que durante aera medieval duas representações do tempo se colidiam; de um lado o tempo da igreja ou tempo sacramental, do outro o tempo pragmático, ou o tempo do mercador. No tempo sacramental, a igreja impunha sobre o povo o tempo divino, onde tudo era regido por vontade divina, como citação de alguns fragmentos a esse tempo imposto seria: a crença na criação do mundo, na eternidade pos-morte e no fim domundo. O tempo para igreja era marcado pelo pecado e ao homem em seu tempo de vida era necessário buscar a salvação e a remissão dos pecados através de penitencias, jejuns e dedicação espiritual durante sua existência com a promessa de não ir ao inferno alcançando tal santificação durante sua existência. Já no tempo do mercador, conforme Le Goff era o oposto da igreja, um artefato profano condenadopelos eclesiásticos, o mercador conquistava o tempo e o retalhava, um tempo mensurável, controlável, mecanizável, onde a inteligência, experiência e manha do mercador agiam, tempo monitorado para monitoramento de tarefas e produtividade visando lucros. Choque do tempo agrário, sagrado com o tempo profano, urbano.
O encontro desse tempo, segundo o autor, foi o tempo mais rico dasanalises de Le Goff; a igreja medieval, por meios eclesiásticos, permitiu ao mercador u8nificar seu tempo pratico de trabalho ao tempo da espiritualidade cristã.
O autor também relata a turbulência do século XIV na passagem do medievo para a modernidade, o primeiro identificado como tempo da igreja, que teve de ceder espaço ao tempo moderno, tido como sinônimo do tempo do mercador....
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Jacques Le Goff , Para um novo conceito de idade Média
  • Representaçoes do tempo na idade media
  • RESUMO O DEUS DA IDADE MÉDIA, DO AUTOR JACQUES LE GOFF
  • Representações do tempo da idade media
  • Introdução do texto
  • Representaçoes sobre o tempo na idade media
  • Representações sobre o tempo na Idade Média
  • Representações sobre o tempo na Idade Média

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!