Islã e seus costumes

Páginas: 8 (1943 palavras) Publicado: 4 de março de 2013
oIntrodução:
Este seminário é destinado a uma breve e superficial apresentação, não só dos aspectos religiosos do Islã, como também do seu modo de vida. Observa-se, que mesmo os mulçumanos tendo separado a religião do Estado, a determinações do Alcorão são imperativas, para o seu cotidiano. São latentes, as inúmeras diferenças em relação ao modo de vida ocidental, e com isso, detecta-se queambas as culturas são complementares.
Desenvolvimento:
No que se refere à religião, o Islã apresenta quatro ritos tradicionais; a oração, o jejum, o tributo e a peregrinação. O testemunho de fé no Alcorão sagrado traz inúmeras passagens que determinam o testemunho de todo mulçumano, quanto à unicidade de Deus, o Clemente, o Misericordioso, o Poderoso, o Sapientíssimo. “Dize: Ele é Allah, O Único, OEterno e Absoluto!” tal passagem encontra-se na 112ª Surata, versículo 01-04.
Para o Islã, a oração, é um modo de o homem purificar sua alma em contato com Allah, não só o glorificando como também o reverenciando. No Islã, não se permite “intermediários” entre Deus e os homens, de maneira que, todos podem comunicar-se diretamente com ele. De acordo com o Islã, cada mulçumano deve praticar aoração, cinco vezes ao dia; ao nascer do sol, ao meio dia, à tarde, ao por do sol e a noite, tais orações podem ser feitas em qualquer lugar, sob boa saúde ou enfermo, e as mesmas devem ser realizadas com o indivíduo posicionado em direção a Caaba em Meca, com o objetivo de lembrar o local onde aconteceu o surgimento do Islã.
No que se referem ao jejum, os mulçumanos enxergam o mesmo, como uminstrumento de moderação das tendências, sem o prejuízo dos aspectos orgânicos e mentais. O objetivo é afastar a alma dos apelos carnais e ensinar, sobretudo a paciência. Esta prática ocorre uma vez por ano e o jejuador permanece dezesseis horas sem comer nem beber, durante um mês. Este mês é conhecido como o mês do Ramadan, mês que foi iniciada a revelação do Alcorão o nono mês do calendário islâmico queé lunar, diferentemente do calendário cristão, que é solar, que ocorre de acordo com o nosso calendário no mês de agosto. Este jejum, não só é válido para os alimentos, como também, para a ofensa, a mentira, a desonestidade, o sexo etc., a fim de proporcionar ao mulçumano o encontro da purificação.
O Jejum é obrigatório para todo mulçumano sadio, de posse de suas faculdades mentais e que tenhammoradia fixa. Somente em três casos a Lei Divina é suspensa: 1º Se o homem estiver louco, 2º Se o homem estiver adormecido (desmaiado ou em coma) até a recuperação dos sentidos e 3º Da criança até alcançar a maturidade. Neste período o desjejum poderá transformar-se em forma de licença nos seguintes casos: Quando os soldados mulçumanos estão em guerra e perto do inimigo, a fim de que os mesmostenham mais força nas batalhas, para as mulheres grávidas ou no processo de amamentação e finalmente os idosos. O jejum também pode ser anulado, se acaso for detectado que o indivíduo tem a intenção de transgredir esta Lei Divina. Contudo, se o indivíduo comer por esquecimento, o jejum não é rompido ou invalidado, entretanto é necessário pagar uma taxa de 1 Kg de arroz, esta taxa é chamada de Zakat eé paga por cada membro da família independente da idade ou condição social. Cabe ressaltar, que é de extrema importância que a Zakat seja paga dois dias antes do final do Ramadan, para que a mesma seja vista como um bem recebido, caso este prazo seja postergado, a mesma é considerada como esmola. O Islã considera a Zakat uma obrigação de honra, a fim de elevar o sentimento social e a união entre oshomens.
Quando se trata do tributo, o Islã determina que, cada mulçumano deve contribuir mensalmente com uma alíquota de 2,5% das riquezas que extrapolam os limites das necessidades de cada um. Tais quantias são recolhidas pelo governo que as distribui entre as oito categorias de necessitados, conforme preceitua a 9ª Surata, versículo 60 do Alcorão: “AS esmolas são tão somente para os...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Islã
  • isla
  • Islã
  • Islã
  • O Islã
  • ISLA
  • islã
  • Islas

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!