Iracêma

Páginas: 12 (2893 palavras) Publicado: 21 de março de 2013
Iracema: Lenda do Ceará (José de Alencar)

O AUTOR
O cearense José Martiniano de Alencar (1829-1877) é hoje uma das figuras de maior prestígio do Romantismo brasileiro. Depois de passar a primeira parte da infância na sua terra natal, foi estudar no Rio de Janeiro e posteriormente formou-se em direito na cidade de São Paulo (1950). Em 1951, fixou residência no Rio de Janeiro, exercendoadvocacia e militando na imprensa. Data daí o início da sua fase de mais intensa produção seja na crítica literária, na produção romanesca, no teatro, como na crítica política e na atuação parlamentar, tendo em vista que foi deputado do Ceará em quatro legislaturas, além de ter assumido outros cargos de governo. Em sua vasta e variada obra, destacam-se os romances urbanos: A viuvinha (1860), Lucíola(1862), Senhora (1875); os romances indianistas: O Guarani (1857), Iracema (1865), Ubirajara (1874); e os romances regionalistas: O Gaúcho (1870), O Sertanejo (1876). Para o teatro escreveu as peças Verso e reverso (1857), O demônio familiar (1857), entre outras.

 BREVE CONTEXTO HISTÓRICO
 Com a independência política do Brasil, em 1822, surge um novo público leitor brasileiro, principalmentecaracterizado por seu nacionalismo ufanista (espécie de otimismo nacionalista), do qual os escritores são seus principais intérpretes. Dessa forma, a idéia de contribuir para o engrandecimento da nação, revelando o Brasil através de uma linguagem e de temáticas que pudessem caracterizar o povo brasileiro, passa a ser o objetivo de muitos escritores do Romantismo. José de Alencar, em especial,reivindicava uma escrita literária tipicamente brasileira. Em Iracema, o autor tenta criá-la através do estilo poético e da utilização de vocábulos indígenas. O índio passa a representar, então, na sua condição de primitivo habitante do Brasil, o próprio símbolo da nacionalidade e o modelo francês do bom selvagem, no qual os índios, ignorada toda a sua cultura, convertem-se em heróis, feitos a imagem deum nobre “cavalheiro branco”.
 
A OBRA 
 O enredo de Iracema: Lenda do Ceará é breve, trata da história de uma índia tabajara chamada Iracema que ama um homem branco: o português Martim, amigo da tribo inimiga dos tabajaras – os pitiguaras, que sofre com esse amor e morre por ele. O resultado desse relacionamento é Moacir, filho do português e da índia, que é considerado brasileiro porexcelência, pois é o mestiço que é o Brasil.
 Iracema é o padrão ideal da esposa e mãe da época. Pelo amor ao marido ela deixa a família, a pátria tabajara, e a religião. Iracema deveria ser votada à virgindade, pois guardava o segredo da jurema (preparo de uma bebida alucinógena destinada aos guerreiros da tribo em épocas especiais para que eles pudessem ter em sonho, realizados todos os seus desejos).Sofre sem revolta o desprezo do esposo. É a Heroína que sofre resignada. Já Martim é o lusíada que ama a pátria - Portugal - mais do que a esposa.
 
Os amores de Iracema e Martim, o ódio de duas nações indígenas adversárias, a fundação do Ceará, descritos com uma linguagem altamente trabalhada em símiles e metáforas, eis a temática do livro.





RESUMO DO LIVRO
 
 Cap. 1- O livro começacom a parte final da história de Iracema: Martim, a criança Moacir – seu filho com Iracema e um jangadeiro partindo das terras do Ceará rumo à Portugal, logo após a morte de Iracema. Martim está triste com a morte da esposa.

Cap. 2– Num “flash back” inicia-se a história de Iracema, narrada em 3ª pessoa por um narrador onisciente (não é um dos personagens e consegue “ver” tudo o que ospersonagens da trama sentem). Iracema, a virgem dos lábios de mel, “que tinha os cabelos mais negros que a asa da graúna e mais longos que seu talhe de palmeira” é uma guerreira da nação tabajara, está repousando em um claro na floresta, a “graciosa ará”(periquito cujo nome ao decorrer do livro descobre-se ser Jandaia), sua amiga e companheira, a acompanha. De repente, surge entre as folhagens um...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Iracema
  • Iracema
  • iracema
  • Iracema
  • IRACEMA
  • Iracema
  • Iracema
  • Iracema

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!