introdução teórica

Páginas: 7 (1605 palavras) Publicado: 18 de outubro de 2013
INTRODUÇÃO TEÓRICA
Queda livre
Em fisica, queda livre é o movimento resultante unicamente da aceleração provocada pela gravidade.
Exemplos:
Uma nave espacial com seus propulsores desligados
A trajetória da lua ao redor da Terra, a órbita da Terra ao redor do sol, ou a órbita de um asteróide ao redor do Sol.
Na Terra, caindo através de um tubo novacuo, por exemplo:
Para um experimento físico
Nos centros de experiências da NASA
Exemplos de casos onde outras forças atuam, não sendo quedas livres no conceito da Física:
Ficar de pé sobre o chão, sentar sobre uma cadeira no chão, etc. (o peso é contrabalanceado pela força de reação normal do chão)
Voando em um avião (o peso é balanceado pela força de sustentação das asas do avião)Reentrada da atmosfera, pouso com um paraquedas: a força peso é contrabalanceada pelo arrastro (resistência do ar)
Durante uma manobra orbital de uma espaçonave, seus foguetes lhe proporcionam propulsão
A queda de um objeto do alto de um prédio (resistência do ar não-desprezível)
Mas geralmente, a queda livre é classificada como a condição de aceleração causada pela gravidade e atrito com o ar:no paraquedismo, free fall (skydiving) se refere ao ato de cair e atrasar a abertura do paraquedas.
Com a resistencia do ar, um objeto que está em queda livre irá atingir sua velocidade terminal (cerca de 200 km/h - valor para um homem caindo na posição de barriga para baixo); a velocidade terminal depende de muitos fatores (como massa, coeficiente de arrasto, e área relativa da superfície) se aqueda for de uma altitude suficiente (2.000 pés ou 600 m).
Quedas com um peso que não se altera
Sem arrasto (resistência) do ar - ou queda livre

Experimento que mostra o crescimento do espaço com o quadrado do tempo


onde
é a velocidade inicial
é a altitude inicial
é o tempo
é a aceleração causada pela gravidade
Recorde de queda livre
Como parte do Projecto Excelsior, em 16 deagosto de 1960, Joseph quebrou o recorde de queda livre mais demorada (4 minutos e 36 segundos) e de velocidade máxima (988 km/h), antes de ele abrir seu paraquedas a cerca de 5.500m (18.000 pés). Kittinger pulou de um balão de hélio especialmente construído a uma atitude de 31.300m (102.800 pés), o que também lhe deu os recordes de mais alta ascensão em um balão e mais alto salto de paraquedas.Alguns dizem que o salto de Kittinger não foi uma queda livre real, já que ele usou um pequeno paraquedas para estabilizar sua queda e seu salto era para fins militares. Kittinger teria percorrido então cerca de 25.800m de queda livre.
De acordo com o Guiness book, Eugene Andreev(USSR) detém o recorde oficial da FAI(Federação Aeronáutica Internacional) de maior queda livre. No dia 1 de novombro de1962, perto da cidade de Volsk, Andreev percorreu a distância de 24.500m, depois de pular de uma altitude de 25.458 m (83.523 pés) e só abrindo seu paraquedas a 958m do solo. Andreev aterrisou com segurança perto da cidade de Saratov.
No dia 14 de Outubro de 2012 o recorde de maior altitude foi quebrado pelo paraquedista austríaco Felix que saltou de uma altura de aproximadamente 39 mil metros. Osalto fez parte do projeto Red Bull Stratos. Após ser adiado por 2 vezes (primeiramente foi marcado para o dia 09/10 e depois para 12/10) devido ao mau tempo, Felix saltou de uma cápsula levada por um balão à estratosfera por volta das 15h05min (horário local de Roswell-EUA). A subida demorou 2h30min. Para saltar, ele teve de respirar oxigênio puro para eliminar o nitrogênio de seu sangue, quepoderia se expandir em alturas elevadas e com isso ameaçar sua saúde. Com o sucesso do salto, o austríaco afirmou que quer “inspirar a próxima geração”. “Quero ajudar quem quiser vir e quebrar meu recorde”, contou ele.
No estudo de física a queda livre é uma particularização do movimento uniformemente variado (MRUV). O movimento de queda livre foi estudado primeiramente por Aristóteles. Ele foi...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Introdução teorica
  • introdução teorica e conclusao molas
  • Introdução a mecânica teórica
  • Introdução teórica separação de compostos
  • Introdução teórica-química
  • Introdução teórica à forma-fuga em música
  • IDENTIDADE E DIFERENÇA: UMA INTRODUÇÃO TEÓRICA E CONCEITUAL
  • Introdução teórica sobre seqüências didáticas

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!