Intemperismo

Páginas: 9 (2134 palavras) Publicado: 6 de janeiro de 2014




UNIVERSIDADE VALE DO ACARAÚ
UNIVERSIDADE ABERTA VIDA
CURSO: LICENCIATURA EM BIOLOGIA
DISCIPLINA:ECOLOGIA AMBIENTAL






























João Pessoa – PB

2013




UNIVERSIDADE VALE DO ACARAÚ
UNIVERSIDADE ABERTA VIDA
CURSO: LICENCIATURA EM BIOLOGIA
DISCIPLINA: ECOLOGIA AMBIENTALRelatório apresentado à disciplina
de Ecologia Ambiental, ministrada pela Prof. Andeilma,
como parte integrante
da prática continuadaEquipe:
Gilvan Feliciano dos Santos
Maria Aline
Vanessa Camila da Silva Leite




João Pessoa - PB

2014

SUMÁRIO1. INTRODUÇÃO

Habitamos a superfície da terra e dependemos, para viver, dos materiais disponíveis. Estes, em sua maior parte, são produto das transformações que a crosta terrestre sofre na interação com a atmosfera, a hidrosfera e a biosfera, ou seja, são produtos do intemperismo. Constituem a base de importantes atividades humanas, relacionadas, por exemplo, ao cultivo do soloe ao aproveitamento dos depósitos minerais na construção civil e na indústria. A exploração sustentável desse recurso depende do conhecimento de sua natureza e da compreensão de sua gênese.
O termo “intemperismo” vem da expressão “intempérie” que é usada para descrever a ação do sol, vento e da chuva sobre objetos.
Este trabalho visa comentar de modo um pouco detalhado sobre o intemperismo eao mesmo tempo tentar discorrer um pouco sobre a influência deste fenômeno sobre a formação e/ou influência de elementos importantes na natureza como solo, relevo e etc.


2. OBJETIVO

As formas de intemperismo são variadas, o objetivo deste trabalho é fazer uma breve análise, tentando destacar os aspectos importantes que possam evidenciar o intemperismo químico, mas propriamente aqueledecorrente da água, mostrando que apesar das várias formas erosivas apresentarem semelhanças, este tipo de intemperismo pode ser desencadeado por diversos fatores como oxidação, hidrólise e que podem diretamente afetar o processo de formação com o qual a rocha foi gerada.


3. METODOLOGIA

Foi feito uma análise teórica em diversas fontes buscando juntar o máximo de informações possíveis sobre asprováveis formas de intemperismo nas rochas.


4. RESULTADOS

Como resultado do levantamento teórico, obtivemos informações que destacam os tipos de intemperismo e evidenciamos as causas principais do intemperismo químico como seguem abaixo.












INTEMPERISMO


O Intemperismo é a alteração química e física das rochas devido a processos exógenos, podendo ser deresponsabilidade de fatores: físicos, biológicos e químicos.


Intemperismo Físico

Envolve processos que conduzem à desagregação da rocha, sem que haja necessariamente uma alteração química maior dos minerais constituintes. Os principais agentes do intemperismo físico são variação de temperatura, cristalização de sais, congelamento da água, atividades de seres vivos.

Intemperismo Biológico

Éproduzido pelas bactérias, produzindo a decomposição biótica de materiais orgânicos. Este tipo de intemperismo produz os solos mais férteis do mundo, existe certa discursão sobre o conceito do intemperismo biológico, uma vez que quando um animal pisoteia o pasto, poderia ser considerada erosão física ou uma ação de um animal.

Intemperismo Químico

Implica em transformações químicas dos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Intemperismo
  • Intemperismo
  • Intemperismo
  • Intemperismo
  • Intemperismo
  • Intemperismo
  • Intemperismo
  • intemperismos

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!