instruções

Páginas: 13 (3081 palavras) Publicado: 18 de outubro de 2013
Tipos de instruções

As instruções do nível ISA podem ser agrupadas segundo suas funcionalidades. Segue, abaixo, a descrição das categorias mais comuns de instruções de máquina, sem a pretensão de esgotar o assunto:

Instruções de Movimento de Dados
Compreende, na verdade, a uma duplicação de dados: Cria-se um novo objeto, com a mesma configuração de bits do objeto original. O conteúdooriginal da memória não é apagado (pelo menos de imediato)

Operações Diádicas
Operações diádicas são aquelas que combinam dois operandos para produzir um resultado.
Exemplo: Todas as arquiteturas têm instruções para soma, subtração, multiplicação e divisão de números inteiros.
Também, as funções booleanas AND, NAND, OR, NOR, XOR e outras são operações diádicas.

Operações Monádicas
Operaçõesmonádicas são aquelas que têm apenas um operando e produzem um resultado. 
Dev
i
do
a
grande
difer
enç
a
de
veloc
i
dade
e
xistent
e
entr
e
o
pr
ocess
ador
e
a
memór
i
a
prin
c
ipal,
foi
desenvolvido
u
m
el
e
mento
inter
medi
ár
io
q
ue
tem
o
pr
op
ósito
de
mini
m
i
z
ar
o
impac
to
des
se
pr
ob
lema
no
sistema
de
com
pu
t
ação:
A me
mória
Ca
ch
e.
I
ntr
odução
I
ntr
odução

P
rin
c
ipi
o de
L
oc
ali
dade

L
o
c
a
li
d
a
d
e
t
e
m
p
o
r
a
l:

A
o
a
c
e
s
s
a
r
u
m
a
p
a
la
v
r
a
n
a
m
e
m
ó
r
i
a
p
r
i
n
c
i
p
a
l
é
m
u
i
t
o
p
r
o
v
á
v
e
l
q
u
e
o
p
r
o
c
e
s
s
a
d
o
r
v
o
lt
ea
a
c
e
s
s
a
r
e
s
s
a
m
e
s
m
a
p
a
l
a
v
r
a
n
o
v
a
m
e
n
t
e
d
u
r
a
n
t
e
a
e
x
e
c
u
ç
ã
o
d
o
s
p
r
o
g
r
a
m
a
s
(
lo
o
p
s
)
.

L
o
c
a
li
d
a
d
e
E
s
p
a
c
ia
l
:

A
o
a
c
e
s
s
a
r
u
m
a
p
a
l
a
v
r
a
n
a
m
e
m
ó
r
i
a
p
r
i
n
c
i
p
a
l
é
p
r
o
v
á
v
el
q
u
e
e
m
s
e
g
u
i
d
a
o
p
r
o
c
e
s
s
a
d
o
r
t
e
n
t
e
a
c
e
s
s
a
r
u
m
a
p
a
l
a
v
r
a
d
e
m
e
m
ó
r
i
a
s
u
b
ja
c
e
n
t
e
à
a
c
e
s
s
a
d
a
p
r
é
v
i
a
m
e
n
t
e
.
I
ntr
odução

A
M
em
ória
Cac
h
e
(
MC
)
s
e
bas
e
i
a
fu
ndame
n
t
al
m
ente
nos
princípios
de
locali
dade
tem
poral
e
e
s
pac
i
al.

F
unc
i
onando
com
o
um
elem
ento
int
er
me
d
iário
entr
e
a
CPU
e
a
MP
e
ar
maz
enando
as
inf
or
maçõe
s
que
m
u
it
o
pr
ovave
l
me
nte
serão
r
equis
itadas
pela
C
P
U.
Util
iz

ão
da
M
C

U
m
a
v
ez
intr
oduzida
n
o
si
stem
a
de
com
pu
t
ação
ofuncionamento
do
si
stem
a
é
alter
ad
o
de
for
ma
que
ante
s
de
r
ealizar
um
ace
s
s
o
dir
et
o
a
M
P
a
i
nfor
m
ação
é
primeirame
n
t
e
bus
c
ada
na
Memór
ia
Cac
he.

S
e
a
i
n
f
o
r
m
a
ç
ã
o
r
e
q
u
is
i
t
a
d
a
e
s
t
i
v
e
r
p
r
e
s
e
n
t
e
n
a
M
e
m
ó
r
ia
C
a
c
h
e
o
c
or
r
e
u
m
a
c
e
r
t
o
(
h
it
)
e
a
i
n
f
o
r
m
a
ç
ã
o
é
t
ra
n
s
f
e
ri
d
a
p
a
r
a
a
C
P
U
e
m
“a
l
t
a

v
e
lo
c
i
d
a
d
e
.

C
a
s
o
c
o
n
t
ra
r
io
o
c
o
r
r
e
u
m
a
f
a
l
t
a
(
m
is
s
)
e
o
s
is
t
e
m
a
b
u
s
c
a
a
i
n
f
o
r
m
a
ç
ã
o
n
a
M
P
,
e
a
t
r
a
n
s
fe
r
e
p
a
r
a
a
m
e
m
ó
r
ia
C
a
c
h
e
(
j
u
n
t
a
m
e
n
t
e
c
o
m
o
u
t
r
a
s
i
n
f
o
r
m
a
ç
õ
e
s
d
e
t
e
r
m
i
n
a
d
a
s
p
e
lo
p
r
in
c
ip
i
o
d
a
l
o
c
a
li
d
a
d
e
)
.
Util
iz

ão
da
M
C
C
P
U
M
e
m
ó
r
i
a
C
a
c
h
e
M
e
m
ó
r
ia
P
r
i
n
c
i
p
a
l
Cons
i
d...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Instruçoes
  • Instruções
  • Instruçoes
  • Instruçoes
  • Positivo instruçoes
  • Instruçoes relatorios
  • Instruções de impressão
  • Instruções para o Paper

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!