Informática na Educação

Páginas: 7 (1527 palavras) Publicado: 23 de outubro de 2013
Informática na Educação – 2º Período – Pedagogia
Prof. Tauller Matos
1ª Lista de exercícios – 12/08/2013

CONVERSANDO SOBRE AS NOVAS TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃO
O DESASSOSSEGO
RESPOSTAS DAS QUESTÕES:
1) Com os processos convencionais de ensino e com a atual dispersão da atenção da vida urbana, fica muito difícil a autonomia, a organização pessoal, indispensáveis para os processos deaprendizagem. O aluno desorganizado poderá deixar passar o tempo adequado para cada atividade, discussão, produção e poderá sentir dificuldade em acompanhar o ritmo de um curso. Isso atrapalhará sua motivação, sua própria aprendizagem e a do grupo, o que criará tensão ou indiferença. Alunos assim, aos poucos, poderão deixar de participar, de produzir e muitos terão dificuldade.

2) Apesar da resistênciainstitucional, as pressões pelas mudanças são cada vez mais fortes. As empresas estão muito ativas na educação on-line e buscam nas universidades mais agilidade, flexibilização e rapidez na oferta de educação continuada. Os avanços na educação a distância com a LDB (Leis de Diretrizes e Bases) e a Internet estão sendo notáveis. A interconectividade que a Internet e as redes desenvolveram nestesúltimos anos está começando a revolucionar a forma de ensinar e aprender. As redes, principalmente a Internet, estão começando a provocar mudanças profundas na educação presencial e a distância. Na presencial, desenraizam o conceito de ensino-aprendizagem localizado e temporalizado. Podemos aprender desde vários lugares, ao mesmo tempo, on e off line, juntos e separados. A educação presencial estáincorporando tecnologias, funções, atividades que eram típicas da educação a distância, e a EAD (Educação a Distancia) está descobrindo que pode ensinar de forma menos individualista, mantendo um equilíbrio entre a flexibilidade e a interação.

3) Sim, pois apesar de toda essa contribuição, é certo que a Internet não é a solução para todos os males, nem deve ser vista dessa maneira. No papel deferramenta de apoio, ela não deve ser considerada como substituta a outras práticas, como o relacionamento humano dentro da sala de aula, entre professor e aluno e entre os estudantes. Isto porque a Internet depende de intermediações inteligentes e articuladas pré-estabelecidas para fornecer um ambiente de aprendizagem. Esse é o papel do professor: oferecer aos alunos orientação para consultas epesquisas, aproveitando melhor a agilidade desse meio, uma das maiores vantagens das informações disponíveis na rede mundial.

4) Féliz Guattari, foi militante político, escritor e psicanalista, defende a idéia de que as máquinas tecnológicas de informação e de comunicação operam no núcleo da subjetividade humana. Seu argumento supera a idéia de que as TICs interferem apenas nos sistemas de memóriae de inteligência dos sujeitos. Para ele, as TICs, vão além destes núcleos para operarem também na sensibilidade, nos afetos, e nos fantasmas inconscientes. Segundo o seu entendimento, é preciso evitar qualquer ilusão progressista em relação às TICs e, também, qualquer visão sistematicamente pessimista. “A produção maquínica da subjetividade pode trabalhar tanto para o melhor como para o pior”(p.13). O “pior” a que se refere Guattari, na citação acima, está ligado a uma tendência a homogeneização universalizante e reducionista da subjetividade. É a dimensão da ”massificação” que tanto preocupa aos críticos da EAD, mas, também, aos estudiosos da EAD. Aqui, vale dizer que a tendência à homogeneização das subjetividades (do reducionismo do outro ao mesmo) não é exclusividade da EAD. Aocontrário, as relações entre as invenções da modernidade e da escola só podem ser traçadas pelo reducionismo do outro a mesmidade da escola. Já, o ”melhor”, é a ”produção de imagens abrindo para Universos plásticos insuspeitados” (Guattari, 1993, p.13). O melhor é a criação, a invenção de novos Universos de referência.




Texto 2
UM CERTO MAL ESTAR
RESPOSTAS DAS QUESTÕES:
5) A sala de aula...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • informatica na educação
  • Informatica e Educação
  • Informática na Educação
  • A Informática na Educação
  • Informatica na educação
  • informatica na educação
  • Informatica na educação
  • Informática na educação

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!