Infecção hospitalar

Páginas: 8 (1840 palavras) Publicado: 3 de junho de 2013
INFECÇÃO HOSPITALAR
PRINCIPAIS FONTES
RUTH HITOMI OSAVA

Primeira Etapa: 6.000 hospitais classificados por sua atividade de CIH Avaliados índices de vigilância e controle

Segunda Etapa: 338 avaliações de conhecimento técnico entrevista com 12.969 funcionários

Terceira Etapa: Comparação entre hospitais que tinham e que não tinham CIH – avaliação de 338.000 prontuários
(150 avalistas)PROJETO SENIC 1974- 1984
(Study on the Efficacy of Nosocomial Infection Control)

DISTRIBUIÇÃO TOPOGRÁFICA DAS IH PROJETO SENIC 1974-1984
I.Sist: 2% Outros: 6%

PNM: 19%
ITU: 44%

ISC: 29%

PNEUMONIA ASSOCIADA À VENTILAÇÃO MECÂNICA

DEFINIÇÃO • Infecção do parênquima pulmonar que ocorre após 48 horas de intubação e ventilação mecânica

• Os pacientes em UTI estão suscetíveis àsua própria microbiota, à do ambiente hospitalar e ainda expostos a inúmeros procedimentos e medicações, especialmente, antimicrobianos

VENTILAÇÃO MECÂNICA

EPIDEMIOLOGIA
 Segunda infecção hospitalar mais freqüente
6,8 a 32,3% de incidência

 Aumenta morbi-mortalidade e custos da internação  Aumenta tempo de internação na UTIN e hospitalar

INTUBAÇÃO DO RECÉM-NASCIDO FISIOPATOLOGIA
    Invasão do parênquima pulmonar estéril Quebra da barreira protetora pela intubação Aspiração de microrganismos da orofaringe e VAS Aspiração do conteúdo gástrico

FISIOPATOLOGIA
 Alteração da flora normal por flora hospitalar  Disseminação de infecções da corrente sanguínea  Nebulizadores, circuitos e umidificadores contaminados  Diminuição de reflexo de tosse pela sedação  Imunossupressão

 Imunodeficiência
 Uso de bloqueador neuromuscular  Aspiração gástrica  Ventilação mecânica > 3 dias  Doença pulmonar prévia  Posição supina  Nutrição enteral contínua Fatores de Risco

CRITÉRIOS LABORATORIAIS DE DIAGNÓSTICO Hemocultura positiva não relacionada a

outra causa
Cultura positiva de derrame pleural

LAVADO BRONCO-ALVEOLAR
 LBA com >5% decélulas com bactérias intracelulares na coloração Gram  LBA com >104 UFC/ml

CLASSIFICAÇÃO
• Início precoce < 96h
Haemophilus influenzae, Streptococcus pneumoniae

e Staphylococcus aureus

• Início tardio > 96h
Pseudomonas sp, Acinetobacter sp, Klebsiella
pneumoniae e S. aureus MRSA

Tempo de Ventilação Mecânica no momento do diagnóstico

≤ 4 dias (Precoce) Sem fatores de risco

≥4 dias (Tardia) Com fatores de risco

Pneumococos Hemophilus influenzae

Pseudomonas aeruginosa MRSA Enterobactérias

Pseudomonas aeruginosa e Acinetobacter baumannii multirresistentes MRSA Enterobactérias multirresistentes e outros microrganismos multirresistentes

PREVENÇÃO DE INFECÇÃO RESPIRATÓRIA
 Pneumonia é a principal causa de morte por
infecção hospitalar  Taxa de mortalidadede 20 a 50%  Prolonga a hospitalização e aumenta os custos

PREVENÇÃO DE INFECÇÃO RESPIRATÓRIA
 Ventilação Pulmonar Mecânica (VPM) aumenta de 3 a 21 vezes a probabilidade de pneumonia hospitalar  Aproximadamente 33% dos circuitos ventilatórios contaminam-se com flora da orofaringe do paciente após 2 horas de uso, 64% dentro de 12 horas e 80% ao fim de 24 horas

PREVENÇÃO DE INFECÇÃORESPIRATÓRIA FATORES DE RISCO

doença pulmonar crônica gravidade da doença de base cirurgia torácica ou abdominal superior pacientes 60 anos aspiração de grande volume gástrico sonda nasoentérica umidificadores contaminados

antibioticoterapia

Acinetobacter baumannii
• Bacilos Gram-negativos não-fermentadores, aeróbios

e não esporulados
• São capazes de resistir em ambientes hospitalarespor longos períodos devido à sua escassa exigência

nutricional e à manifestação de fatores de virulência

BUNDLES
 Termo desenvolvido pelo corpo docente do Institute for Healthcare
Improvement (IHI) para descrever um conjunto de processos necessários para efetivamente cuidar de pacientes submetidos a tratamentos especiais com riscos inerentes  Agrega diversos processos fundamentados...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Infecção hospitalar
  • Infecção Hospitalar
  • infecção hospitalar
  • INFECÇÃO HOSPITALAR
  • Infecção Hospitalar
  • Infecção Hospitalar
  • infecção hospitalar
  • Infecção Hospitalar

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!