Infarto agudo do miocárdio

Páginas: 9 (2053 palavras) Publicado: 10 de novembro de 2012
Questões de aprendizagem.

1- Qual a morfofisiologia do IAM?
2- Quais sinais e sintomas do IAM e fatores de risco?
3- Como é realizado o diagnostico do IAM?
4- Como o tratamento do IAM?
5- Quais as reais complicações do IAM?
6- Como deve ser o plano de alta para o paciente com IAM?



Nesta SP desenvolvemos questões e pesquisamos sobre Infarto Agudo do Miocárdio(IAM), popularmente e erroneamente conhecido como ataque cardíaco.
“Infarto” é o distúrbio decorrente do fenômeno da isquemia, que deriva do grego com o significado de pouco sangue, “Agudo” significa a instalação abrupta da condição e “Miocárdio” é o músculo cardíaco, elemento predominante no órgão.
O IAM é um processo dinâmico no qual uma ou mais regiões do músculo cardíaco experimentam diminuiçãograve e prolongada no suprimento de oxigênio por fluxo sanguíneo coronário insuficiente, ocorrendo a necrose ou morte do tecido miocárdio.
O início do processo do IAM pode ser súbito ou gradual, e a evolução do acontecimento pode levar aproximadamente de 3 a 6 horas.
O diagnóstico definitivo de um infarto depende da demonstração da morte celular. Este diagnóstico é feito de maneira indireta,por sintomas, por sinais que surgem no corpo do cliente, por alterações em um eletrocardiograma e por alterações de certas substâncias (marcadores de lesão miocárdica) no sangue.
Segundo Smeltzer e Bare 2000, as causas do IAM são a Arterosclerose, que é o acúmulo anormal de substâncias lipídicas e tecido fibroso na parede vascular, formando placas denominadas ateromas. Outra causa do IAM é aoclusão completa de uma artéria por êmbolo ou trombo. Também o vasoespasmo de uma artéria coronária, que significa a constrição ou estreitamento súbito, o suprimento diminuído de oxigênio a partir da perda sanguínea aguda, anemia ou pressão arterial baixa é um outro fator, bem como a demanda aumentada de oxigênio a partir da frequência cardíaca rápida, tireotoxicose ou ingestão de cocaína.
Em todas assituações citadas existe em comum um profundo desequilíbrio entre o aporte e a demanda de oxigênio no músculo cardíaco.
Para melhor compreensão vejo a necessidade de explicar nesta SP algumas bases fisiológicas.
Conforme entendimento da pesquisa feita, sabemos que o coração bombeia o sangue oxigenado pelos pulmões para todo o organismo através da maior artéria do corpo, a Aorta. Logo em seuinício, a aorta emite sues dois primeiros ramos, as coronárias, responsáveis por devolver parte do sangue ao órgão, nutrindo-o. As coronárias são pequenas artérias com 1,5 a 4 mm de diâmetro, em média, com paredes musculares e contráteis.
A redução do fornecimento de sangue ocorre basicamente pro meio de três mecanismos em interação: espasmo, trombose e formação de placas de ateroma no interior dascoronárias, que diminuem progressivamente o fluxo sanguíneo e segundo Guyton e Hall, (1996,p210), este último mecanismo é uma das principais causas de cardiopatias.

A avaliação sistemática da dor torácica, da dispneia e das palpitações, dentre outros sinais e sintomas, possibilita o estabelecimento de parâmetros para acompanhamento, os quais facilitam a detecção precoce de complicações. Porisso é fundamental o registro dos achados tanto no histórico de enfermagem quanto nas evoluções diárias.
Cada sintoma deve ser avaliado em relação ao tempo, à duração, à localização à intensidade e aos fatores que o precipitam ou aliviam.

Para diagnosticar devemos realizar auscultas cardíaca e respiratória intensificadas. Modificações da frequência cardíaca, a presença de bulhas B3 e B4 e desopros podem evidenciar insuficiência ventricular esquerda. Na presença de estertores, geralmente nas bases pulmonares, pode mostrar congestão pulmonar que pode evoluir para edema agudo de pulmão.

Quanto ao tratamento, a terapêutica medicamentosa visa principalmente minimizar a lesão do infarto, preservar a função miocárdica e evitar complicações. No que se refere à terapia intravenosa, é...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Infarto agudo do miocardio
  • Infarto agudo do miocárdio (iam)
  • Infarto agudo do miocárdio (iam)
  • infarto agudo do miocardio
  • Infarto agudo do miocardio
  • Infarto Agudo do Miocárdio(IAM)
  • INFARTO AGUDO NO MIOCÁRDIO EM MULHERES
  • Infarto agudo do miocárdio

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!