Indústria farmaceutica

Páginas: 5 (1078 palavras) Publicado: 2 de junho de 2013
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ - Unioeste
CENTRO DE ENGENHARIAS E CIÊNCIAS EXATAS
DISCIPLINA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS


Indústria Farmacêutica














Toledo – Paraná – Brasil



Antes de falar da indústria brasileira de medicamentos devemos entender o que seria um medicamento ecomo ele é produzido. Um medicamento é constituído de um fármaco, substância ativa que produz o efeito terapêutico desejado, e de aditivos, que são substâncias adicionadas ao fármaco para alterar e complementar suas propriedades. A mistura desses dois componentes constitui uma formulação farmacêutica, que pode ser comercializada de diversas maneiras: pós, comprimidos, drágeas, cápsulas, líquidosorais, líquidos injetáveis, cremes, pomadas, adesivos [1,2].
Os medicamentos comercializados são divididos em dois grupos, aqueles protegidos por direitos de patentes, de marca, e aqueles cujas patentes estão vencidas, os genéricos. No Brasil, existem os medicamentos similares originados do período durante o qual o país não reconheceu o direito as patentes de medicamentos. Estes medicamentos eramcópias de medicamentos inovadores patenteados no exterior, produzidos no Brasil com insumos importados de países que também não aderiram ao Sistema Internacional de Patentes e lançadas com a marca da empresa brasileira autora da cópia [1].
Para o desenvolvimento de uma nova droga os processos de pesquisa e aprovação pelos órgãos reguladores competentes segue uma longa trajetória, envolvendoinicialmente a extração da molécula, etapas de testes farmacológicos, toxicológicos e de segurança até a aprovação final [2].
A formação das primeiras empresas farmacêuticas brasileiras a partir das boticas ocorreu na década de 30. Nesta época o estado brasileiro incentivou e forneceu recursos para alguns dos primeiros laboratórios farmacêuticos. O estado contribuiu também para a formação dos primeiroscientistas brasileiros que depois se tornaram responsáveis pelo desenvolvimento de planos de saúde pública, produção de soros, vacinas e medicamentos, por parte de empresas pioneiras [1,2].
Na década de 40 e 50 houve a internacionalização da indústria, com as políticas de atração das primeiras empresas multinacionais. Em 1971 a promulgação do Código de Propriedade Industrial pela Lei 5.772, de21.12.1971, que não reconhecia patentes nem de produtos químicos nem de processos de obtenção, e criação da Central de Medicamentos (Ceme). Em 1984 a Portaria Interministerial nº 4, dos Ministérios da Saúde e da Indústria e Comércio, estabeleceram medidas de incentivo e proteção à produção interna de fármacos. Em 1990 ocorreu a redução das tarifas de importação de fármacos e medicamentos eeliminação das restrições e proibições à importação de insumos farmacêuticos. Em 1991 a 1999 houve a liberação dos preços de medicamentos e em 1996 a promulgação da Lei de Patentes no Brasil. Em 1999 ocorreu a promulgação da Lei de Genéricos, criação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e retomada da política de administração de preços de medicamentos [1].
Com a instalação de empresasestrangeiras no Brasil a produção farmacêutica brasileira aumentou consideravelmente diminuindo o consumo de medicamentos importados, porém os insumos para a fabricação ainda eram importados. Estas instalações trouxeram algumas desvantagens entre elas está o desenvolvimento de novas pesquisas no Brasil visando apenas à produção [1].
A não-adesão do Brasil ao Sistema Internacional de Patentes levou aprodução dos medicamentos similares obtidos a partir de fármacos importados de países europeus, que reconheceram as patentes e desenvolveram a capacitação para sintetizar cópias dos fármacos patenteados. O governo brasileiro elevou as tarifas de importação e chegou a proibir a importação de alguns insumos com o intuito de incentivar a produção e capitação interna na produção de fármacos....
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • industria farmaceutica
  • industria farmacêutica
  • INDÚSTRIA FARMACÊUTICA
  • Industrias farmacêuticas
  • industria farmaceutica
  • Industria farmaceutica
  • Industria farmacéutica
  • Indústria farmacêutica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!