Imunologia: Expressão Gênica e Sistema de Defesa Natural

Páginas: 8 (1805 palavras) Publicado: 25 de junho de 2015





Imunologia:
Expressão Gênica e Sistema de Defesa Natural












Agosto, 2014.

Introdução

Imunologia é a ciência que estuda a proteção do corpo humano contra macromoléculas estranhas  ou organismos invasores e nossas respostas a eles. Esses invasores incluem vírus, protozoários, bactérias ou mesmos parasitas maiores. Além disso, nosso corpo desenvolve respostas imunes contra nossaspróprias proteínas (e outras moléculas) na autoimunidade e contra nossas próprias células aberrantes na imunidade de tumores.
A primeira linha de defesa do corpo contra organismos estranhos são barreiras de tecidos tais como a pele, que interrompe a entrada de organismos invasores. Se essas barreiras forem rompidas, o corpo contém células que respondem rapidamente à presença do invasor. Essascélulas incluem macrófagos e neutrófilos, que englobam organismos estranhos e os mata sem a necessidade de anticorpos. Outra forma de imunidade é o sistema imune inato ou inespecífico que está continuamente pronto para responder a uma invasão.
A segunda linha de defesa é a imunidade específica ou adaptativa, que leva dias para responder a uma infecção por um organismo que nunca foi visto antes. Nosistema imune específico, vemos a produção dos anticorpos e respostas mediadas por células, onde células específicas reconhecem patógenos estranhos e os destroem. No caso de vírus ou tumores, esta resposta é também vital para o reconhecimento e destruição de células infectadas por vírus e células tumorigênicas. A resposta à segunda rodada de infecção é frequentemente mais rápida do que a infecçãoprimária por causa da ativação de células B de memória e células T.


Desenvolvimento

Principais Sistemas de Defesa dos Animais
Sistemas de defesa contra patógenos baseiam-se na distinção entre o próprio e o não-próprio ou moléculas estranhas. Existem dois tipos gerais de mecanismos de defesa que atuam em conjunto sob forma de um sistema coordenado em animais que apresentam os dois tipos demecanismos.
O sistema inato é nossa primeira linha de defesa contra organismos invasores atuam de forma rápida, incluem barreiras como:
Pele: evita a entrada de patógenos e substâncias estranhas.
Mucosa: evita a entrada de patógeno e produz defensivas que matam os patógenos.
Pelos nasais: filtram bactérias nas vias respiratórias.
Suco gástrico: o concentrado de HCL e proteases destroempatógenos no estomago.
Lagrimas e saliva: contem lisozima que destrói bactérias, alem disso lubrificam e lavam o globo ocular.
Enquanto que o sistema imune adaptativo age como uma segunda linha de defesa e também protege contra re-exposição ao mesmo patógeno. Eles são caracteristicamente mais lentos em seu estabelecimento e apresentam longa duração. São alguns deles:
Febre: resposta sistêmicacorporal que inibe a multiplicação microbiana e acelera os processos de reparo do organismo.
Tosse, espirro: expelem patógenos das vias respiratórias superiores.
Fagócitos (macrófagos e neutrófilos): englobam e destroem patógenos que penetram no organismo.
Células natural killer: atacam e lisam células infectadas por vírus e célula cancerosas.
Interferons: mobilizam as defesas especificasProteínas do complemento: lisam microorganismos, ativam a fogósitose e auxiliam as respostas inflamatórias e humorais.
O sangue e a linfa são fundamentais para o funcionamento dos tecidos linfóides que incluem o timo, a medula óssea, o baço e os linfonodos, constituem parte essencial do sistema de defesa. Tanto o sangue quanto a linfa são fluidos tissulares que consistem em água, solutosdissolvidos e células.
Um mililitro de sangue contém em torno de cinco bilhões de glóbulos vermelhos e sete milhões de glóbulos brancos estes podem deixar o sistema circulatório fechado e entrar no espaço intercelular, onde células e substancias estranhas encontram-se presentes. Em resposta a invasão de patógenos o numero de glóbulos brancos no sangue e na linfa pode subir rapidamente...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • expressão gênica
  • expressao genica
  • Regulação da expressão genica
  • ANÁLISE DA EXPRESSÃO GENICA
  • clonagem e expressão gênica
  • Expressão genica em eucariontes
  • CONTROLE DA EXPRESSAO GENICA
  • Sistema Imunologia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!