Imunidade inata da glândula maria bovina: resposta à infecção

Páginas: 12 (2789 palavras) Publicado: 3 de abril de 2013
Micheline Thaís dos Santos





















IMUNIDADE INATA DA GLÂNDULA MARIA BOVINA: RESPOSTA À INFECÇÃO










Trabalho apresentado para avaliação do rendimento universitário na disciplina de Imunologia Zootécnica, que visa mostrar a o processo imunitário da glândula mamária bovina e sua resposta. Turma do 3° período do curso de Zootecnia, ministradopelo professor Cícero Durão.
















RIO LARGO - AL

2012

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS – CECA








IMUNIDADE INATA DA GLÂNDULA MARIA BOVINA: RESPOSTA À INFECÇÃO














RIO LARGO - AL
2012



SUMÁRIO



RESUMO ....................................................................................................................04

INTRODUÇÃO................................................................................................................ 05

BARREIRAS ANATÔMICAS ..............................................................................................06

BARREIRAS SOLÚVEIS ....................................................................................................07

BARREIRAS CELULARES..................................................................................................08

CONCLUSÃO ..................................................................................................................09

REFERÊNCIAS .................................................................................................................10






































RESUMO



A imunidade naglândula mamária pode ser como em outros sistemas, classificada em dois tipos: a imunidade inata ou inespecífica, e a imunidade adquirida, ou específica. Os próprios nomes já explicam: a imunidade inata independe de um contato prévio com o agente patogênico, pois é pré-existente, e age da mesma maneira qualquer que seja este agente patogênico. Por outro lado, a imunidade adquirida é um processo deaprendizagem do sistema imune, voltado ao combate de um agente patogênico único.
Dentro da imunidade inespecífica encontramos a principal via de penetração dos agentes causadores da mastite bovina que é o canal do teto. Este canal encontra-se normalmente fechado por um anel muscular no período entre ordenhas, e é bloqueado por um tampão de queratina derivada das células da parede do canal. Estaqueratina tem atividade antimicrobiana, mas sua principal função é a de agir como uma barreira física que auxilia a ação do esfíncter do teto. A ordenha ou o ato de mamar remove este tampão e torna flácido o esfíncter, fazendo com que o canal do teto esteja mais suscetível a infecções por um período de até duas horas. Depois deste período a musculatura retoma seu tônus e o tampão de queratina énovamente formado. Existem vários fatores que podem impedir este retorno à normalidade: ordenhadeira com excesso de vácuo ou com pulsação excessivamente rápida, produtos químicos como desinfetantes com ação cáustica, frio, vírus, e outros. Estes fatores podem provocar uma hiperqueratose na extremidade do canal do teto, o que dificulta o seu fechamento. Esta lesão se caracteriza por um anelesbranquiçado e ligeiramente elevado ao redor do orifício. Em casos extremos, pode haver necrose da abertura, com rachaduras que se irradiam dela e que podem servir de abrigo para os agentes patogênicos. Muitas destas lesões são causadas por um herpesvírus, cuja ocorrência parece ser determinada por condições de “stress” do teto.


























INTRODUÇÃO



A inflamação da glândula mamáriaresulta em uma das mais comuns doenças acometidas em bovinos leiteiros, que é a mastite.

Conforme sua forma de manifestação, a mastite ou mamite pode ser dividida em dois grupos. A forma clínica que apresenta como sinais evidentes, tais como, edema, hipertemia, endurecimento e dor da glândula mamária e/ou aparecimento de grumos, pus ou alterações das características do leite. A forma...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Imunidade inata
  • imunidade inata
  • Imunidade Inata
  • imunidade inata
  • imunidade inata
  • IMUNIDADE INATA
  • imunidade inata
  • Imunidade Inata

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!