Impostos sobre compras de mercadorias

Páginas: 6 (1279 palavras) Publicado: 2 de junho de 2013
Impostos sobre Compras de Mercadorias

No tutorial passado começamos a falar sobre os impostos recuperáveis nas compras de mercadorias, no presente tutorial vamos ver como é feita a escrituração contábil, de tais operações e como fica no registro de controle de estoque.

Contabilização dos Impostos Recuperáveis:

Vamos agora ver como é feita a contabilização de uma compra de mercadoriaquando temos impostos que serão recuperados pois como foi visto no tutorial passado o mesmo não pode fazer parte do custo de aquisição de uma mercadoria, logo temos que retirar o valor do imposto do custo da mercadoria, mas para onde é que vai esse imposto? E qual conta ele vai ficar demonstrado?

São esses detalhes que começaremos a tratar agora.

Para tanto vamos fazer um exercício junto.Considere o seguinte balanço patrimonial e contabilize a operação abaixo:



Uma empresa comercial (contribuinte do ICMS), comprou no dia 10/02/2006, 20 unidades de cadeiras a R$ 1.000,00 de mercadorias com pagamento a vista, nessa compra a alíquota do ICMS foi de 18%.

O estoque inicial que a empresa tem, são de 20 cadeiras a R$ 50,00.

1 – Passo: Apuração do Custo de Aquisição:O primeiro passo, é a apurarmos o custo de aquisição, sabendo a que a mercadoria custou R$ 1.000,00, e que a empresa é contribuinte do ICMS, logo, podendo recuperar o ICMS que incidiu na compra da mercadoria.

Se a alíquota do ICMS foi de 18%, sabemos que dentro do R$ 1.000,00, tem R$ 180,00 que é de ICMS, logo o nosso custo de aquisição é de R$ 820,00, como a compra foi de 20 unidades, onosso custo de aquisição de cada unidade é de R$ 41,00.

Esses R$ 820,00 vão entrar em nossa conta de mercadorias, e os R$ 180,00 relativos ao ICMS que iremos recuperar, será lançado numa conta de ativo chamada de ICMS a Recuperar. Afinal se vamos recuperar tal valor isso é um direito que temos certo?

2 – Passo: Contabilização:

Para contabilizarmos antes de qualquer coisa, temos queabrir todos os razonetes.



Feito isso vamos ao registro da operação em si, percebam que de acordo com o dito acima, teremos que fazer um lançamento em 3 contas diferentes, na conta de mercadorias faremos um débito de R$ 820,00, na conta de ICMS a Recuperar faremos outro débito de R$ 180,00, e por fim faremos um crédito na conta Banco de R$ 1.000,00.

Vamos ver como fica no razonete:Feito isso temos contabilizada nossa operação de compra, vejam que abrimos uma conta chamada de ICMS a Recuperar, essa conta registrará os valores que temos o direito de compensar, a compensação desse valor será visto no próximo tutorial.

Vamos agora ao registro dessa operação na planilha de controle de estoques.

3 – Passo: Registro na Planilha de Controle de Estoques:

Existemduas formas diferentes de se efetuar esse registro a primeira é registrar a compra pelo valor total e depois deduzir o ICMS Recuperado, e a segunda é a registrar a compra diretamente pelo valor liquido ou seja, já deduzido do ICMS.

Vamos ao primeiro modo:



Vamos ao segundo modo:



O segundo modo de registro é mais prático e mais rápido, porém o primeiro é mais detalhista, veremosmais adiante que ele nos auxiliará quando tratamos de devoluções sobre compras de mercadorias, mas por enquanto o segundo modo já cumpri todas as nossas necessidades.

Feito isso temos a nossa operação contabilizada, vamos agora ao registro de outra operação, que é a seguinte:

No dia 20/02, a empresa comprou 10 unidades de mesas, por R$ 2.000,00 para pagamento a prazo, o ICMS que incidiuna operação foi com a alíquota de 12%, e ainda houve a cobrança do IPI de R$ 100,00.

Inicialmente temos que calcular o nosso custo de aquisição, sabendo que a mercadoria custou R$ 2.000,00 e que ainda houve a cobrança do IPI, o valor da nossa compra foi de R$ 2.100,00. Sabendo que a empresa é comercial, portanto não paga IPI, não pode recuperar o mesmo.

O ICMS é de 12%, logo R$ 240,00....
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Imposto sobre circulação de mercadorias
  • Impostos sobre vendas e compras
  • IMPOSTO SOBRE CIRCULAÇÃO DE MERCADORIAS E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS (ICMS)
  • A CONVENÇÃO DE VIENA SOBRE A COMPRA E VENDA INTERNACIONAL DE MERCADORIAS
  • Noções de imposto, encargos sobre compra e venda de mecadorias
  • Regra matriz do imposto sobre circulação de mercadorias e serviços – ICMS
  • Imposto sobre Operações relativas à circulação de Mercadorias e Prestações de Serviços
  • Convenção da onu sobre os contratos de compra e venda internacional de mercadorias uncitral

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!