Hume

Páginas: 22 (5267 palavras) Publicado: 9 de março de 2014
Escola da APEL – Filosofia – 11º Ano

O empirismo cético de D. Hume
Elementos do conhecimento
Para David Hume todo o conhecimento começa com a experiência. Os dados ou impressões sensíveis são as
unidades básicas do conhecimento.
Divide o conteúdo do conhecimento em duas espécies de estados de consciência ou perceções:
«Podemos, pois, dividir aqui todas as percepções da mente em duasclasses ou tipos, que se distinguem pelos seus diferentes
graus de força ou vivacidade. As menos intensas e vivas são comummente designadas Pensamentos ou Ideias. O outro tipo carece
de um nome na nossa língua e em muitas outras; assim suponho, porque não havia quaisquer requisitos, a não ser filosóficos, para
os classificar sob um termo ou designação geral. Usemos, pois, de um pouco de liberdade echamemos-lhe Impressões,
empregando esta palavra num sentido um tanto diverso do habitual. Pelo termo impressão significo todas as percepções mais
vivas, quando ouvimos, vemos, sentimos, amamos, odiamos, desejamos ou queremos. E as impressões distinguem-se das ideias,
que são as impressões menos intensas, das quais somos conscientes quando reflectimos sobre qualquer das sensações ou
movimentosacima mencionados.»

(David Hume, Investigação Sobre o Entendimento Humano; Trad. Artur Mourão, Ed. 70, Lisboa, 1989, Secção II, Da Origem das Ideias, p. 24).

«Todos admitirão prontamente que existe uma diferença considerável entre as percepções da mente, quando um homem sente a
dor de um calor excessivo ou o prazer de um ardor moderado, e quando ele depois traz à memória a sua sensação oua antecipa
mediante a sua imaginação. Estas faculdades podem mimar ou copiar as percepções dos sentidos, mas nunca podem inteiramente
atingir a força e vivacidade do sentimento original. O máximo que delas afirmamos, mesmo quando atuam com o maior vigor, é
que representam o seu objecto de uma maneira tão viva que poderíamos quase dizer que o sentimos ou vemos. Mas, a não ser
que a mente estejadesarranjada pela doença ou pela loucura, elas nunca podem chegar a tal nível de vivacidade que tornem
totalmente indistinguíveis as percepções. Todas as cores da poesia, por esplêndidas que sejam, jamais podem pintar os objectos
naturais de uma maneira tal que levem a descrição a ser tomada por uma paisagem real. O mais vivo pensamento é ainda inferior
à mais baça sensação.»
(David Hume,Investigação Sobre o Entendimento Humano; Trad. Artur Mourão, Ed. 70, Lisboa, 1989, Secção II, Da Origem das Ideias, p. 23).

Impressões: são os atos originários do nosso conhecimento e correspondem aos dados da experiência presente ou atual
(sensações são um exemplo das impressões, tal como as paixões e as emoções).
Ideias: são as representações ou imagens debilitadas, enfraquecidas, dasimpressões no pensamento. São como marcas
deixadas pelas impressões uma vez estas desaparecidas.
Exemplo: tenho a perceção deste automóvel. Recebo impressões como a cor, a forma, o ruído do motor, etc. fecho os olhos e na minha
mente continua a imagem do automóvel, ou seja, continuo a percecionar o mesmo objeto, mas a impressão é menos viva. A esta impressão
menos viva, cópia enfraquecida da impressãooriginal, dá Hume o nome de ideia.
A diferença entre impressões e ideias é simplesmente de grau e não de natureza.
As impressões propriamente ditas são todas as nossas sensações. As ideias são imagens enfraquecidas dessas impressões.
As ideias derivam das impressões, ou seja, todas as ideias têm origem empírica. Não há ideias inatas.
Todos aqueles que estão privados de certas impressões sãoincapazes de formar as ideias correspondentes.
Princípio da cópia – todas as ideias são cópias das impressões.
Professor: Eduardo Quina

1

Escola da APEL – Filosofia – 11º Ano

Hume afirmava: quando como uma maçã recebo uma série de impressões: que é verde, que cheira bem que é suculenta, que tem um
sabor ácido. Estas impressões simples reúnem-se e formam a impressão complexa. Temos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Hume
  • Hume
  • Hume
  • Hume
  • Hume
  • Hume
  • Hume
  • hume

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!