Historia da velhice no Brasil

Páginas: 8 (1787 palavras) Publicado: 3 de junho de 2015

DISCIPLINA: POLÍTICAS PÚLICAS E GERONTOLOGIA -5º SEMESTRE SERVIÇO SOCIAL - 20151
Obs: O texto que segue é resumo do primeiro capítulo da Tese de Pós - Graduação de Claudia Rodrigues de Souza dos Santos intitulada “O Idoso no Brasil: Da Velhice Desamparada a Velhice de Direitos” da Universidade Candido Mendes.

HISTÓRIA SOCIAL DA VELHICE NO BRASIL
I. DA VELHICE DESAMPARADA À CONSTITUIÇÃO “DOSASILOS PARA OS VELHOS”
Ao realizar uma pesquisa sobre a História da Velhice no Brasil, desde o Brasil Colônia nos deparamos com uma grande dificuldade: a existência de umaescassez de literatura sobre o assunto. Apenas a seguinte bibliografia foi encontrada. Datada de 1972 escrita por Mario Filizzola um geriatra o livro “A Velhice no Brasil”que narra a história dos asilos de velhos privilegiando asinstituições militares, pois teria sido o Exercito o responsável pela primeira instituição asilar para soldados inválidos.
A história dos asilos se inicia em 1790, com a chegada do Conde Resende ao Rio de Janeiro. Conde Resende veio para se tornar o5º Vice-rei e era uma pessoa de ideias avançadas para seu tempo. Inspirado por ideias francesas ele mandou construir A Casa dos Inválidos.Localizada na Rua Nova São Lourenço, tratava-se de uma chácara que ocupava um quarteirão no Centro da cidade. Inaugurada em 1794 a Instituição tinha por objetivo acolher “soldados avançados em anos e cansados dos trabalhos que pelos seus serviços se faziam dignos de uma descansada velhice. Contudo, a Casa teve vida curta, pois com a vinda da Corte, em 1808, D. João doou a casa para moradia de seu médicoparticular, determinando a transferência dos inválidos para a Santa Casa de Misericórdia.
Filizzola considera a Casa dos Inválidos o primeiro marco do humanismo aplicado à velhice no Brasil, pois não era apenas uma obra de caridade, uma vez que o Conde Resende escolheu o caminho da responsabilidade estatal direta e inaugurou no país o reconhecimento dos “direitos do Velho soldado”. No entanto essedireito permaneceu esquecido por 47 anos, sendo redescoberto em Novembro de 1841, pelo decreto nº244 que fundou o Asilo dos Inválidos da Pátria.
Esse novo Asilo só foi inaugurado em 1868 e buscavaacolher soldados inválidos. Localizado na Ilha do Bom Jesus (antigo convento dos Franciscanos, onde já havia ser vido como hospital de lázaros, enfermaria de coléricos e doentes de febre amarela). EstaIlha estava localizada ao lado da Ilha do Sapucaia, local onde era depositado o lixo e desaguava parte do esgoto urbano. Além do mau cheiro, havia ainfestação da região de moscas. Assim nossos heróis da pátria foram colocados ao lado do Lixão da Cidade. Como o anterior, este Asilo também entrou em declínio.
Analisando a colocação de Filizzola, observamos que estes Asilos se tratavam deestabelecimentos militares, com um restrito número de assistidos. Dados relatam que em 1876 havia 45 oficiais e 350 praças na Instituição. Constatamos, então, que não era toda velhice, nem mesmo todos os inválidos que eram amparados, mas apenas os militares das forças Armadas da época.
O século XIX foi marcado por 3fases que nos leva a ter uma ideia geral dos valores sociaisenvolvidos no tratamento destinadoa pobreza urbana: Na primeira fase a caridade norteava as ações sobre a pobreza; Na segunda metade do século, a filantropia e a medicina social inspiram o Estado na prática repressiva e institucionalização; e a terceira fase acontece no final do século quando se utiliza critérios para diferenciar e institucionalizar as “classes perigosas”. Surge nesse período, a velhice desamparada como umacategoria que classifica e separa determinados indivíduos do aglomeradoque compõe a mendicância urbana, destinando-os para asilos de velhos.
A separação entre mendigos e vadios marcou a primeira metade do século XIX. Os mendigos não eram vistos como marginais e chegavam a desfrutar de certa tolerância social, mesmo quando objeto de repulsa e desprezo por se encontrarem ligados ao cenário cotidiano e...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Velhice no brasil
  • A velhice no brasil
  • Velhice no brasil
  • Trajetória dos estudos de velhices no brasil
  • Historia brasil
  • Historia do brasil
  • História do Brasil
  • Historia do brasil

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!