Historia da Educação

Páginas: 9 (2123 palavras) Publicado: 18 de setembro de 2014
UNIVERSIDADE ANHANGUERA – UNIDERP
CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA
CURSO DE PEDAGOGIA


MEMÓRIA DA EDUCAÇÃO ESCOLAR NO BRASIL CONTEMPORÂNEO
E.M. ´´PROFª.IDA FRANCEZ LOMBARDI´´.

HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO E DA PEDAGOGIA









Atividade Prática Supervisionada (ATPS) entregue como requisito para conclusão da disciplina “História da Educação e daPedagogia”, -3º semestre-, sob orientação do professor-tutor à distância Simone Anacleto Pariz.





PIRACICABA

Abril/2013



“ Somos feitos de tempo?”

Etapa 1

Tendo em vista, que o passado histórico não foi catalogado, a história depende do que foram armazenados na lembrança vivenciada por cada narrador.
Os fatos são contados de forma que o narrador enxergá-los, desta maneira váriosindivíduos que tiveram a mesma experiência tem uma forma de contá-la, assim uma história é nascida de várias versões.
As lembranças são a maior fonte da história, a memória é um tesouro passado de geração em geração, formando um livro lúdico, que explorado traz ao presente experiências dos fatos do passado com fonte de transformação e ao futuro novas esperanças.
Para nortearmos nossas decisõesaprendendo com os erros, copiando os acertos, assim mudando o rumo de outras histórias.
Já os dados que foram catalogados, por sua vez, levam olhares críticos para sua veracidade, entre teses, anteses e contraposições interrogadas até suas aprovações de forma mais científica.
Há várias pessoas trabalhando para a melhoria desta importante parte da história, as memórias, como ensinar o lúdico, pois seacredita que através do lúdico pode mudar uma vida.
Trabalhar para indivíduos e transformar em sujeitos de boa índole, cidadão de bem, contribuindo para uma sociedade melhor e mais organizada.
Com isso, entende-se a importância de se catalogar os fatos, para que o tempo todas as memórias não se tornem esquecimento e assim deixem de existirem.

Etapa 2

Título: A ORIGEM DA EDUCAÇÃO ESCOLARNO BRASIL – A AÇÃO DOS JESUÍTAS COMO PARTE DO MOVIMENTO DA CONTRARREFORMA CATÓLICA.

No século XVI, a Europa passava por certos constrangimentos familiares e religiosos, em que davam em doações, ou seja, fora do casamento, prática essa já comum em Portugal, às famílias mais ricas enclausuravam suas filhas mais novas para dar o dote para a filha mais velha. E também entre os homens nascidos nessasfamílias somente o mais velho se tornava herdeiro de seus impérios restando os mais novos a guerra ou a aceitação do clero.
Sendo assim, padres e freiras sem a verdadeira vocação tornavam amantes para a nobreza, os conventos eram o melhor lugar para suas diversões. Acostumados com essas práticas não viram nenhum erro em amancebar-se com as selvagens brasileiras. As crianças nascidas em conventoseram postas a adoção, que permitiam que as freiras voltassem a sua vida religiosa comumente.
No século VXI era normal que o pai de família constituísse outra família após a viúves, filhos e filhas criados no mesmo espaço com diferenças pelas novas esposas.
Quando atingiam a idade de quatorze anos, as meninas eram dadas como serva dos reis e os meninos eram alistados na marinha como aprendizesde marinheiro, grumetes, assim servindo os navios que vinham para o Brasil.
Esses meninos que iniciaram a colonização no Brasil, mesmo sendo maltratados sem alimentação necessária, compatível ao seu trabalho exaustivo, ainda eram violentados muitas vezes por adultos de embarcação. Essa prática foi espalhada no Brasil, que passando do limite humanista, usavam crianças como munição em seus canhõesna guerra contra o Uruguai contrapondo os laços afetivos dos europeus, os judeus eram amorosos com os seus filhos, isso os tornavam diferentes em toda nação, por onde formavam comunidades.
Portugal, porém tolerava-os por causa do seu patrimônio, pois eram ricos, mesmo assim para o controle da população, os meninos também eram raptados e abandonados, deixados em ilhas para a colonização, posse...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Historia e Historia da Educação
  • História da educação e história cultural
  • Papel da História e da História da Educação
  • historia da educação
  • História da Educação
  • Historia da educação
  • historia da educação
  • Historia da educação

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!