historia da educação

Páginas: 17 (4180 palavras) Publicado: 16 de junho de 2013








“Somos feitos de tempo?”
Se não existisse uma história preservada da nossa história como saberíamos dos nossos antepassados, a sua cultura e no que acreditavam.
Cada geração contém herança cultural dos antepassados e estabelece projetos de mudança.
Somos educados e nos educamos no convívio social, cultural e histórico, sempre inseridos no tempo: presente, passado e futuro.Pensando assim não existe um ser humano que sirva de modelo universal, nem mesmo que sirva de exemplo em todos os tempos.
Como dizia Paulo Freire “todo manhã se cria num ontem, através de um hoje.”
A história é usada como um instrumento para impulsionar a ação, sabendo que o homem é um ser no tempo e que desenvolve suas potencialidades ao longo de sua existência, e é fundamental perceber que aeducação está sempre presente durante todo esse processo.
E que passou por diversas fases tendo fatos marcantes e circunstâncias que influenciaram o cenário da educação e sua origem.
Fica clara, então, a importância da educação como processo de crescimento do ser humano, de formação para a vida social e para os valores que devem motivar suas ações.
A história não é idêntica em todos os lugares,pois a cada dia surgem novos acontecimentos diferentes, por isso nunca é idêntica em todos os tempos e em todos os lugares.
Como exemplo os povos tribais que não privilegiam os acontecimentos da vida e da comunidade, porque para eles o passado remete as origens dos tempos sagrados, aos mitos e rituais, pela imitação dos gestos dos deuses.
Fazer história nesse caso é recontar os mitos. Conformea sociedade se tornou mais complexas, o relato oral era feito, mas na dependência da proteção ou da ira dos deuses.
Somente a partir da modernidade, isto é, com as mudanças que começaram a ocorrer no século XVII, o estudo da história tomou nova configuração, consolidada no Iluminismo.
Esse período foi marcado pela ruptura com a tradição aristocrática do Antigo Regime, levada a efeito pelasrevoluções burguesas.
Os valores do feudalismo foram substituídos aos poucos pelo impacto da revolução Industrial (ciência e técnica) mudaram ambiente humano jamais visto antes.
A revolução nos transportes, navios a vapor, a construção de rodovias e ferrovia, o petróleo como nova fonte de energia substituindo o carvão facilitando o deslocamento da população do campo para trabalhar na cidade.
Apartir de 1870 com o aumento da produção o capitalismo liberal foi substituído pelo capitalismo moderno do monopólio empresarial.
Desse modo os historiadores não, mas orientavam pelo passado e sim desenvolveram a noção do progresso, investigando que entendiam por “aperfeiçoamento da humanidade”.
Essa concepção aparece na corrente positivista, iniciada por Augusto Comte(1798-1857), fundador dasociologia. Impregnado pela idéia do progresso, para elo espírito humano teria passado por estados históricos diferentes e sucessivos até chegar ao “estado positivo”.
Ainda no século XIX, outros pensadores inovaram a noção de história. Para Hegel( 1770-1831) o mundo é a manifestação da Idéia, para Marx(1818-1883) a história deve se analisada a partir da infra-estrutura (fatores materiais, econômicos,técnicos) e da lutadas classes.
Por isso, dizem esses novos historiadores, é ilusão pensar que a história reconstituiu o fato “tal como ocorreu”...
O contatar o “progresso” das civilizações sem perceber que ele pode trazer no seu bojo a violência e, portanto, a barbárie.
Basta lembrarmos que, se árabes fundamentalista foram capazes de arquitetar e consumar a destruição das torres gêmeas em NovaYork em 2001.
Também o governo dos Estados Unidos foi responsável pelo bombardeio atômico que dizimou a população civil das cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki, em 1945.
A partir de 1929 historiadores que buscavam o intercâmbio da história com as diversas ciências sociais e psicológicas, ampliando o campo da pesquisa histórica.
No cenário atual continuam as discussões metodológicas, o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Historia e Historia da Educação
  • História da educação e história cultural
  • Papel da História e da História da Educação
  • historia da educação
  • História da Educação
  • Historia da educação
  • historia da educação
  • Historia da educação

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!