História de Mairiporã

Páginas: 8 (1789 palavras) Publicado: 20 de agosto de 2014


A História

Mairiporã, a cidade cresceu muito desde o seu surgimento em 1889, sempre teve um papel importante na história paulista.
Inicialmente chamada de Juqueri Mirim, que dividia Belém (Francisco Morato) Juqueri (Franco da Rocha) e foi atravessada por bandeirantes como Fernão Dias Paes em busca de pedras preciosas e de expandir as fronteiras do país.
O povoado surgiu em fins doséculo XVI ou meados do século XVII, em torno da Capela de Nossa Senhora do Desterro, erguida por Antonio de Souza Del Mundo. Ao redor da Capela, e funcionando como apoio elementar de serviço às atividades rurais, originalmente exclusivas na área, surgiu um núcleo dotado de interessante traçado e capacidade de adaptação ao sítio pouco favorável de sua implantação. Inseriu-se inicialmente na área dedomínio administrativo de São Paulo e posteriormente a de Guarulhos. Em 1696, o povoado foi elevado à categoria de Vila de Nossa Senhora do Desterro de Juqueri. No ano de 1783 passou a ser paróquia; a capela transformou-se em igreja e passou por diversas modificações (1940 e 1982). A última reforma descaracterizou o antigo templo, conservando apenas a torre. A Vila de Juqueri adentrou o século XVIIIcomo fonte de produtos agrícolas para São Paulo, chegando a produzir algodão e vinho para exportação. Não prosperou, como outras localidades inseridas nas regiões das lavras de ouro e pedras preciosas, caracterizando-se como pouso de tropeiros que faziam o abastecimento das Geraes.
Em 1769, a Câmara paulistana determinou a abertura de uma estrada entre Juqueri e São Paulo. O “Caminho de Juqueri”transformou-se mais tarde na Estrada Velha de Bragança. Antes Distrito da Capital (1874 a 1880) e de



Nossa Senhora da Conceição de Guarulhos (1881 a 1888), Juqueri passou a ser município.
A região permanecia intocada. Em 1911 Mairiporã recebeu uma leva de japoneses, junto com Cotia e a capital de São Paulo, foram as primeiras cidades a terem assentamentos fixos de japoneses.
Na região doJuqueri surgiu uma cooperativa agrícola Sul Brasil. O edifício sede da cooperativa ainda está de pé, e agora abriga o banco Itaú de Mairiprã. Muito antes da separação de municípios, surgiu o projeto arquitetônico de Ramos de Azevedo que se constituía na construção de um dos maiores complexos hospitalares do mundo e o maior do Brasil na época, que foi Inaugurado em 1898 pelo Psiquiatra FranciscoFranco da Rocha.
Mairiporã se separou de Franco da Rocha em um acordo histórico que deu fim ao município Juqueri. Ainda nessa época, a população era muito descriminada por causa do hospício.
Todo o centro da cidade se resume basicamente em 3 ruas, são elas: Rua XV de Novembro, Rua Coronel Fagundes, e Av. Tabelião Passarela.



Paróquia Nossa Senhora do Desterro - 1942






Vista paraa Paróquia Nossa Senhora do Desterro – 1942


Vista para a paróquia Nossa senhora do Desterro – 1992







R. Cel. Fagundes 1939
























R. Cel Fagundes 1942





R. Cel Fagundes 1989



Vista para a R. XV de novembro 1950





Vista para a R. XV de novembro 1992





Localização de Mairiporã na Estado de São PauloGrau de Instrução.






Escolas – Ensino Fundamental ---------------------------53 Escolas
Escolas - Ensino Fundamental ---------------------------18 Escolas
Escolas - Ensino Pré- Escolar ---------------------------39 Escolas






]















Matrícula – Ensino Fundamental -------------------------------------Matrícula - Ensino Médio ----------------------------------------------
Matrícula – Ensino Pré-Escolar --------------------------------------












(Para essas tabelas, foram usados dados do IGBE de 2012, não foi encontrado dados de 2000)




Formação administrativa.




Distrito criado com a denominação de Juqueri, em época que se ignora sua data de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Pim holcim mairipora
  • Planejamento turístico de mairiporã
  • territorial e vida cotidiana mairipora
  • Planejamento turistico de mairiporã
  • minha história nossa historia
  • HISTÓRIAS NOSSAS HISTÓRIAS
  • Historia da Historia
  • Historia das historias

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!