História da arte

371 palavras 2 páginas
O Panorama mundial dos anos 60 é marcado principalmente pelo retorno a figuração. A abstração, corrente amplamente difundida no âmbito mundial nos anos 50, aparentemente não da conta de suprir o imaginário da sociedade da época. “Esse distanciamento da arte em relação ao mundo era inaceitável diante das novas dimensões de vida das sociedades industrializadas, como as da Europa Ocidental, reerguidas economicamente, a partir do plano Marshall.” (PECCININI, 2007, 207)

A disseminação dos valores norte americanos, iniciados na década de 50, agora assumem caracteres hegemônicos. A perda da centralidade da escola de Paris, que agora passa a dividir sua importância como a principal influenciadora da arte mundial com Nova York, Berlin, Milão e Munique, é acontecimento fundamental para os desdobramentos que vão se seguir no pensamento artístico mundial na década de 60.

Neste contexto cada vez mais globalizado, de descentralização e da importância adquirida por Nova York e outros centros, os artistas brasileiros, mais do que antes no séc. XX encontram-se em convívio intenso com as tendências internacionais. Por um lado, a Pop Art inglesa vem ganhado cada vez mais importância desde meados dos anos 50 e acaba por se difundir e influenciar mundialmente o imaginário artístico da época, principalmente devido a sua rápida disseminação pelos americanos. Por outro lado, no final da década de 50, começavam a ganhar importância os movimentos europeus que, além da pop, também marcaram fundamentalmente o retorno a figuração na década de 60. Encontram-se nesse rol de tendências a figuração o Nouveau Réalisme (Paris / Milão), a Nouvelle Figuration e Nouva Figurazione (Paris / Roma), e mais tarde as Mithologies Quotidiennes e Figuration Narrative. Porém, dentre todas estas “novas figurações”, destacam-se a Pop e o “Novo Realismo”. Nos dois movimentos encontramos pontos análogos e de quase antagonismo. E nas palavras de Pierre Restany, crítico da Galeria Rive Droite, em se

Relacionados

  • Historia da arte
    23562 palavras | 95 páginas
  • A historia da arte
    875 palavras | 4 páginas
  • História da arte
    1052 palavras | 5 páginas
  • HISTORIA DA ARTE
    1645 palavras | 7 páginas
  • A historia da arte
    835 palavras | 4 páginas
  • Historia da Arte
    827 palavras | 4 páginas
  • Historias da arte
    586 palavras | 3 páginas
  • História da arte
    1224 palavras | 5 páginas
  • História da Arte
    2400 palavras | 10 páginas
  • História da arte
    2146 palavras | 9 páginas