Hernan cortez

Páginas: 6 (1291 palavras) Publicado: 29 de abril de 2013
UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS – UEA
CENTRO DE ESTUDOS SUPERIORES DE TEFÉ – CEST
LICENCIATURA EM HISTÓRIA



















TRABALHO DE HISTÓRIA























TEFÉ – AM
2009
WERVERSON EDUARDO DA SILVA






















A HISTÓRIA DOS POVOS INDÍGENAS DA AMÉRICA





Trabalho apresentado a Universidade do Estado do Amazonas UEA/ CEST,para a obtenção de créditos referente a disciplina História da América I sob a orientação do Professora Cláudia.














TEFÉ – AM
2009
CORTEZ, Hernán. A conquista do México. Porto Alegre: LPM, 1996.
A dominação e a exploração econômica espanhola sobre Montezuma


Hernan Cortez, narra nesta obra a história da conquista do território mexicano ao reino da Espanha. Esta conquista foimarcada por conflitos e por uma convivência pacífica, muito embora essa convivência pacífica tenha se formado pelo temor que rapidamente veio a se espalhar com a chegadas desses europeus a América Central. O objetivo principal de Cortez era o de expandir os domínios espanhóis com a descobertas de novas colônias para a extração dos produtos naturais e de minérios como ouro e prata. A princípio Cortezdescreve o lugar devido a beleza da floresta, muito embora não a conhecesse.
A saída de Cortez rumo a Thenochtitlan, foi uma das etapas em que a própria floresta ofereceu mais resistência que grande parte do contato com os indígenas. Por não conhecê-la (floresta) a sua viagem rumo a cidade de Montezuma foi uma aventura. O temor também era constante nos espanhóis devido aos relatos de que acidade de Thenochtitlan além de bela possuía um estrutura social fundamentada na proteção com o uso de indígenas armados por todos seus lugares.
Antes de chegar a Thenochtitlan, Cortez foi conquistando cidade menores e vilas, foi nessa conquista que os relatos sobre a riqueza e o poder de Montezuma foram amadurecendo o sentimento de cobiça espanhol. Nessa sua viagem Cortez contava com o apoiode cavaleiros bem armados. Cortez devido a sua esperteza e malícia sempre mandava a frente um emissário que deveria lhe relatar tudo o que visse, assim conseguia se antecipar a qualquer imprevisto. A medida que entrava na floresta se impressionava com a extensão territorial do Império Asteca, em muitos dos lugares de Montezuma, Cortez foi bem recebido, também encontrou situações adversas como amudança de clima e a falta de água.
Cortez era na verdade além explorador um diplomático, sempre que mantinha contato com alguém na sua viagem rumo a Thenochtitlan, perguntava sobre Montezuma, mas os índios como não tinham autorização preferiam não dá informação. Temendo o pior e já sabendo das reais intenções dos espanhóis Montezuma se propôs a enviar todo o ouro que tivesse.
Montezumatambém tinha inimigos naquela região fora os espanhóis, e demarcava seu território com enormes cercas de pedra, para dificultar o acesso as terras dos astecas. O texto de Cortez é uma narrativa sob a visão espanhola da conquista do México, há poucos parágrafos descrevendo a posição dos índios, limita-se mais ao encontro de Cortez e Montezuma na cidade Thenochtitlan. Aqui e acolá vê-se que osíndios entravam em confronto armado com os espanhóis, porém estes últimos sempre levavam vantagem, ao fim além de matar os índios tocavam fogo em suas casas. A cada índio morto pelos espanhóis de Cortez aparecia um outro para substituí-lo com a mesma determinação. Os espanhóis matavam também sobre as leis da Igreja, por uma fé na qual os indígenas não conheciam.
Os índios por sua vez tambémaprenderam a usar a malícia dos espanhóis, também enviavam espiões que se infiltravam em seu meio com o objetivo de identificar os pontos mais fracos desses exploradores. Disfarçavam-se de interpretes e levavam informações aos outros índios espalhados pela floresta para armar emboscadas que matassem os espanhóis.
Montezuma enviou emissários para facilitar o encontro entre ele e Cortez,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Hernan Córtez
  • Analisando a carta de Hernan Cortez a seu rei
  • Resenha critica das cartas de hernan cortez
  • Astecas e espanhóis: Hernán Cortéz e o Império Asteca
  • Espanhóis nas Américas
  • Hernan Cortes
  • Hernán cortés
  • Hernán Cortés

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!