heidegger o que é a filosofia

Páginas: 31 (7711 palavras) Publicado: 23 de outubro de 2013
Heidegger, Martin – Que é isto - A Filosofia?
Martin Heidegger
Que é isto – A Filosofia?
Tradução: Ernildo Stein (actualização ortográfica do organizador)
Edição: ACRÓPOLIS http://br.egroups.com/group/acropolis/
Copyright: Domínio Público
-------------------------------------------------------------------------------QU’EST-CE QUE LA PHILOSOPHIE?1
COM ESTA questão tocamos um tema muitovasto. Por ser vasto, permanece indeterminado. Por ser
indeterminado, podemos tratá-lo sob os mais diferentes pontos de vista e sempre atingiremos algo
certo. Entretanto, pelo facto de, na abordagem deste tema tão amplo, se interpenetrarem todas as
opiniões, corremos o risco do nosso diálogo perder a devida concentração.
Por isso devemos tentar determinar mais exactamente a questão. Desta maneira,levaremos o
diálogo para uma direcção segura. Procedendo assim, o diálogo é conduzido a um caminho. Digo: a
um caminho. Assim concedemos que este não é o único caminho. Deve ficar mesmo em aberto se o
caminho para o qual desejaria chamar a atenção, no que segue, é na verdade o caminho que nos
permite levantar a questão e respondê-la.
Suponhamos que seríamos capazes de encontrar um caminhopara responder mais exactamente
à questão; então levanta-se imediatamente uma grave objecção contra o tema do nosso encontro.
Quando perguntamos:
Que é isto – a filosofia?, falamos sobre a filosofia. Perguntando desta maneira, permanecemos,
num ponto acima da filosofia e isto quer dizer fora dela. Porém, a meta da nossa questão é penetrar
na filosofia, demorarmo-nos nela, submeter nossocomportamento às suas leis, quer dizer, “filosofar”.
O caminho da nossa discussão deve ter por isso não apenas uma direcção bem clara, mas esta
direcção deve, ao mesmo tempo, oferecer-nos também a garantia de que nos movemos no âmbito da
filosofia, e não fora e em torno dela.
O caminho da nossa discussão deve ser, portanto, de tal tipo e direcção que aquilo de que a
filosofia trata atinja a nossaresponsabilidade, nos toque (nous touche)2 justamente no nosso ser.
Mas não se transforma assim a filosofia num objecto do nosso mundo afectivo e sentimental?
‘Com os belos sentimentos faz-se a má literatura.” “C’est avec les beaux sentiments que l’on
faít la mauvaise litterature.” Esta palavra de André Gide não vale só para a literatura; vale ainda
mais para a filosofia. Mesmo os mais belossentimentos não pertencem à filosofia. Diz-se que os
sentimentos são algo de irracional. A filosofia, pelo contrário, não é apenas algo racional, mas a
própria guarda da ratio. Afirmando isto decidimos sem querer algo sobre o que é a filosofia. Com
nossa pergunta já nos antecipamos à resposta. Qualquer uma terá por certa a afirmação de que a
filosofia é tarefa da ratio. E, contudo, esta afirmaçãoé talvez uma resposta apressada e descontrolada
à pergunta: Que é isto – a filosofia? Pois a esta resposta podemos contrapor novas questões. Que é
isto – a ratio, a razão? Onde e por quem foi decidido o que é a razão? Arvorou-se a ratio mesma em
senhora da filosofia? Em caso afirmativo, com que direito? Se negativa a resposta, de onde recebe
ela sua missão e seu papel? Se aquilo que seapresenta como ratio foi primeiramente e apenas fixado
pela filosofia e na marcha da sua história, então não é de bom alvitre tratar a priori a filosofia como
negócio da ratio. Todavia, tão logo pomos em suspeição a caracterização da filosofia como um
comportamento racional, torna-se, da mesma maneira, também duvidoso se a filosofia pertence à
esfera do irracional. Pois quem quiser determinar afilosofia como irracional, toma como padrão para
a determinação o racional, e isto de um tal modo que novamente pressupõe como óbvio o que seja a
razão.
Se, por outro lado, apontamos para a possibilidade de que aquilo a que a filosofia se refere
concerne a nós homens no nosso ser e nos toca, então poderia ser que esta maneira de ser afectado
1
2

Em francês, no texto original.
Palavras e...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Filosofia de heidegger
  • Filosofia heidegger
  • Filosofia, segundo martin heidegger.
  • Filosofia de Martin Heidegger
  • Trabalho De Filosofia Heidegger
  • Filosofia: CONCEITOS DE MARTIN HEIDEGGER
  • Heidegger
  • Heidegger

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!