Guerra da bósnia

Páginas: 8 (1820 palavras) Publicado: 6 de novembro de 2011
TERRA DE NINGUÉM: A GUERRA

Em Março de 1992, os muçulmanos e os croatas da Bósnia votam pela independência em relação à Iugoslávia num processo de escolha que os Sérvios boicotaram.
A União Européia acata a decisão da maioria reconhecendo assim a independência da Bósnia, esta decisão fomenta o início da guerra entre os sérvios e os bósnios, que tem início em Abril daquele mesmo ano, e ossérvios, liderados por Radovan Karadzic, cercam a capital da Bósnia, Sarajevo, ocupando setenta por cento do território, matando e expulsando os muçulmanos e croatas com o intuito de estabelecer uma República Sérvia, formada por Sérvia e Montenegro.
O motivo desta guerra é o desejo que cada grupo tem, de criar seu próprio estado independente e etnicamente Homogêneo, e para isso usam a força paraeliminar as minorias de outras religiões que ali se encontram,massacrando civis, fazendo prisioneiros de outras etnias e reutilizando campos de concentração da Segunda Guerra mundial, inclusive, e estas atitudes são denominadas de “limpeza étnica”, tudo isso é também motivado pelo crescimento do nacionalismo sérvio.
Em Maio de 1992, em virtude dos ataques violentos que os bósnios estavamsofrendo,resolvem pedir a intervenção da ONU, que decreta um embargo econômico à Sérvia e Montenegro se compromete-tendo a proteger seis cidades bósnias que estavam sitiadas, denominadas “zonas de segurança”, entre elas, a capital Sarajevo. Acreditando na proteção dos “capacetes azuis”, a população muçulmana entrega suas armas à ONU. Os croatas, que também faziam parte da guerra como aliados dos bósnios econtra os sérvios, passaram a observar com interesse uma possibilidade de, em caso de uma vitória dos sérvios, dividirem a Bósnia-Herzegovina ficando cada um com uma parte de seu território.
A ONU, porém não prestou a segurança que havia prometido a todas aquelas cidades, com isso os sérvios voltam a atacar e bombardear os comboios de ajuda. Com um armamento ineficiente, reduzido e sem ordem paraatacar, os observadores da ONU funcionaram como “escudos humanos” para os sérvios que tomaram algumas das seis cidades, deixando essas cidades em situação desumana, a comunidade internacional decidiu usar a força mostrando que tinha poderio suficiente para esboçar uma reação para solucionar o problema.
Com o acirramento da guerra, a OTAN envia tropas. A ONU manda uma força de paz com aproximadamente40 mil homens, propõe tentativa de cessar-fogo e estas são desrespeitadas. No início de 1995, os sérvios tinham 70% do território da Bósnia sob seu domínio. Esse quadro se inverte depois da batalha de Kragina em Agosto daquele ano, onde os croatas saem vitoriosos. A relação de forças se torna mais equilibradas facilitando assim a estratégia de os Estados Unidos proverem uma negociação de paz.
OsEstados Unidos propõe um acordo de paz, que é negociado em Dayton, Ohio e é assinado em Dezembro de 1995, em Paris. Este acordo estabelece a manutenção do Estado Bósnia-Herzegovina com suas fronteiras atuais dividido em uma federação muçulmano-croata que abrange 51% do território, e em uma república bósnio-sérvia que ocupa os outros 49% restantes do território. É formado um governo derepresentação única composto pelos bósnios, pelos croatas e pelos sérvios, e em 1996, a missão de paz da ONU na região é assumida pelas tropas da Força de Implementação de Paz, da OTAN, com cerca de 60 mil militares e com mandato até Dezembro de 1996. Para reforçar o acordo de Dayton, várias vezes sob ameaças, os Estados Unidos realizam no decorrer do ano reuniões em Roma e em Genebra.
Vale lembrar que estaguerra foi o conflito mais prolongado e violento que a Europa presenciou, depois da II Guerra Mundial, com duração de 1606 dias, a guerra deixou cerca de 250 mil mortos e 1,8 milhões de refugiados enquanto milhares de mulheres foram estupradas.
Em Maio de 1996, o Tribunal Internacional de Haia inicia o julgamento de 57 suspeitos de crimes de guerra. Entre os acusados mais importantes estão o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • a guerra da bósnia
  • Guerra da Bósnia
  • Guerra da bosnia
  • Guerra na bósnia
  • Guerra da Bosnia
  • Guerra na bosnia
  • Guerra da Bósnia (Antropologia Social)
  • Resenha: Guerra da Bósnia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!