grupo de auto ajuda

Páginas: 43 (10632 palavras) Publicado: 2 de setembro de 2014
CONVERGÊNCIAS E DIVERGÊNCIAS ENTRE AS PSICOTERAPIAS DE CARL
ROGERS E FREDERICK PERLS
CONVERGENCE AND DIVERGENCE BETWEEN CARL ROGERS’ AND
FREDERICK PERLS’ PSYCHOTHERAPIES
Virginia Moreira1

RESUMO
Este artigo tem como objetivo discutir as convergências e divergências entre as psicoterapias
de Carl Rogers e Frederick Perls e colaboradores. Apresenta como convergência
epistemológica entreos dois pensamentos a teoria organísmica de Goldstein, que, por sua vez,
se configura diferentemente em ambas as teorias, como tendência atualizante, em Rogers, e
ajustamento criativo em Perls. Aspectos existenciais dos dois enfoques são também
epistemologicamente pontos convergentes. Na prática clínica podem ser encontradas
divergências no que se refere ao papel do psicoterapeuta – mais ativona Gestalt-terapia e
predominantemente verbal na Abordagem Centrada na Pessoa, bem como no otimismo
harmônico rogeriano em contraposição à agressividade, em Perls, e no caráter positivo
presente no processo terapêutico em Rogers, ao contrário do trabalho sobre polaridades
desenvolvido por Perls. Enquanto teorias expoentes no campo da psicologia humanista
contemporânea, seu caráter dialógicose mostra como a convergência mais fecunda.
PALAVRAS-CHAVE: Psicoterapia, epistemologia, Carl Rogers, Frederick Perls.

ABSTRACT
This article aims to discuss the similarities and differences between the Carl Rogers’ and
Frederick Perls and collaborators’ psychotherapies. It presents as epistemological
convergence between the two thoughts Goldstein's organismic theory, which is configureddifferently in both theories, as the realization tendency in Rogers, and the creative adjustment
in Perls. Existential aspects of the two approaches are also epistemologically convergent. In
clinical practice it can be found disagreement regarding the role of the psychotherapist - more
active in Gestalt therapy and predominantly verbal in Person Centered Approach - as well as
the harmonicRogerian optimism as opposed to aggression in Perls. There is also
disagreement concerning the positive character of the therapeutic process in Rogers, unlike
the work of polarities developed by Perls. As exponents theories in the field of contemporary
humanist psychology, its dialogical character appears as the most fruitful convergence.
KEY-WORDS: Psychotherapy, epistemology, Carl Rogers, FrederickPerls.

1

Doutora em Psicologia Clínica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e Pós-Doutora em
Antropologia Médica pela Harvard University. É Professora Titular da Universidade de Fortaleza onde coordena
o APHETO – Laboratório de Psicopatologia e Psicoterapia Humanista Fenomenológica Crítica e Visiting
Lecturer da Harvard Medical School.

Revista do Nufen - Ano 02, v. 01,n.01, janeiro-junho, 2010.

20

Convergências e divergências entre as psicoterapias de Carl Rogers e Frederick Perls_____________________

INTRODUÇÃO

Ainda que as teorias de psicoterapia propostas por Carl Rogers e Frederick Perls e
colaboradores sejam, atualmente, as duas propostas teóricas de psicoterapia provavelmente
mais conhecidas e desenvolvidas dentre as chamadas psicologiashumanistas, reconhecer suas
convergências e divergências é fundamental para a prática clínica, dado que são abordagens
epistemologicamente distintas e, por conseguinte, teorias de psicoterapia também diferentes.
Este tema adquire especial importância no Brasil, onde a historia da psicologia humanista é
peculiar no sentido de, em muitos momentos, “juntar” estas duas abordagens, fato que nãoacontece em outros lugares do mundo, onde gestat-terapeutas e psicoterapeutas centrados na
pessoa pertencem a diferentes grupos. Quando esta aproximação entre a Abordagem Centrada
na Pessoa e a Gestalt-terapia ocorre de maneira pouco criteriosa do ponto de vista
epistemológico, as convergências passam a ser priorizadas e as divergências são perdidas de
vista, o que não apenas empobrece estas...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • RELATÓRIO DE OBSERVAÇÃO DE GRUPO DE AUTO-AJUDA PARA DEPENDENTES ALCOÓLICOS
  • Auto ajuda
  • auto ajuda
  • Auto Ajuda
  • auto ajuda
  • Auto-ajuda
  • auto ajuda
  • Auto ajuda

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!