Gregório de Matos

Páginas: 3 (676 palavras) Publicado: 1 de outubro de 2014
Para entender a obra de Gregório de Matos é preciso conhecer o contexto histórico no qual ele está inserido, uma vez que grande parte de sua poesia (principalmente a satírica) faz referência a duasde suas maiores referências: o Brasil e Portugal. No final do século XVII, Portugal impunha ao Brasil uma série de restrições comerciais a fim de conseguir vantagens. Por conta disso, os senhores doengenho e proprietários rurais brasileiros passaram a enfrentar uma forte crise económica.
Surge então, uma rica burguesia composta por imigrantes vindos de Portugal e que comandavam o comércio nacolônia. Esta rica burguesia dominou também o mercado de crédito. Por conta do monopólio gerado por estes imigrantes, agravou-se a crise dos proprietários rurais brasileiros e a oposição entre essesdois grupos foi crescendo ao longo dos anos.
Gregório de Matos, encontra-se em uma posição central neste cenário, tendo condições de pensar e analisar seu momento histórico sob diversas perspectivase apesar de ter tido diversos cargos de poder, resolve desligar-se de tudo e viver à margem da sociedade como um poeta itinerante, percorrendo o recôncavo baiano e frequentando festas e rodasboemias. Ele encara o papel do portador de uma "voz crítica" sobre essa mesma sociedade na qual ele se insere.
A obra de Gregório de Matos é tradicionalmente dividida em torno de três grandes eixostemáticos: a poesia religiosa, a poesia lírica e a poesia satírica.
O poema satírico de Gregório de Matos é marcado por essa "briga" entre uma sociedade "normal" e outra que é composta por pessoasoportunistas, mas que estão instaurados no poder. Porém, no caso de Gregório de Matos a "sociedade absurda" é real, pois é a Bahia onde ele vive; e a sociedade considerada "normal", que é a dos homens bemnascidos e cultos, é absurda perante a realidade baiana.
Na poesia amorosa e erótica de Gregório de Matos, o tema básico continua sendo o choque de opostos: "espírito" e "matéria", "ascetismo" e...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Gregorio Matos
  • Gregório de Matos
  • Gregório de Matos
  • Gregório de Matos
  • Gregorio de matos
  • Gregorio De Matos
  • Gregório de matos
  • Gregório de matos

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!