Grande Sertão Veredas - Resumo e estudo

1974 palavras 8 páginas
1 CONTEXTUALIZAÇÃO

“Grande Sertão: Veredas” é uma obra publicada em 1956 do escritor modernista brasileiro João Guimarães Rosa. Tem mais de 600 páginas e não é dividido em capítulos.
O título remete ao Sertão brasileiro, localizado entre o Agreste e o Meio-Norte, região caracterizada pelo clima tropical semi-árido e pela vegetação da caatinga que estende-se por grande parte da Bahia, de Pernambuco, da Paraíba, do Rio Grande do Norte e do Piauí; por todo o Ceará; e por uma pequena parte do Sergipe e de Alagoas. Além disso, atinge o norte o Vale do Jequitinhonha em Minas Gerais. O livro apresenta passagens por locais do norte mineiro, do sul baiano e do sul goiano.
Vereda é uma forma como se denominam as planícies no sul da Bahia, mas também é um termo que significa “caminho por onde se passa”.

2 BIOGRAFIA DO AUTOR

João Guimarães Rosa nasceu no dia 27 de junho de 1908, em Cordisburgo, Minas Gerais, foi o primeiro dos seis filhos de Francisca Guimarães Rosa e Florduardo Pinto Rosa. Seu pai era comerciante, juiz de paz e contador de estórias. Com menos de 7 anos começou a estudar francês por conta própria e com o auxilio do Frei Canísio Zoetmulder pode aprofundar-se no francês e iniciar o estudo do holandês que era a língua materna do frei. Conclui o curso primário no Grupo Escolar Afonso Pena, em Belo Horizonte onde foi morar aos 9 anos de idade com seus avós. Matriculou-se no Colégio Arnaldo de padres alemães, onde aproveitou para aprender mais um idioma, Guimarães Rosa era um poliglota, para ele o importante não era dominar as quatro habilidades (ouvir, falar, ler e escrever), mas sim divertir-se estudando um novo idioma. A sua iniciação nas letras deu-se em 1929 com quatro contos: ”Caçador de camurças”; “Chronos Kai Anagke”(Tempo e Destino em grego); “O mistério de Highmore Hall” e “Makiné”. Todos os contos citados foram publicados com ilustrações de 1929 a 1930, o que rendeu ao autor cem contos de réis, alegando ele tempos depois que

Relacionados

  • o grande sertao : veredas
    4049 palavras | 17 páginas
  • Grandes sertoes veredas
    2284 palavras | 10 páginas
  • O Amor, o Pacto e a Revelação na Obra Grande Sertão - Veredas
    3277 palavras | 14 páginas
  • Guimarães Rosa
    2271 palavras | 10 páginas
  • Análise da obra literária “grande sertão: veredas” de joão guimarães rosa
    5782 palavras | 24 páginas
  • Grande sertão veredas: a crítica revisitada
    8436 palavras | 34 páginas
  • Contribuição da Hermenêutica à Educação
    2531 palavras | 11 páginas
  • ensaio a crítica grande sertão veredas
    285 palavras | 2 páginas
  • A narrativa grande sertão: veredas
    2321 palavras | 10 páginas
  • sou foda
    320 palavras | 2 páginas