Geração x e y no cenario macroeconomico

Páginas: 14 (3376 palavras) Publicado: 14 de maio de 2011
A desigualdade social

INTRODUÇÃO

A desigualdade social tem causado o crescimento de crianças e jovens sem preparação para a vida e muitos deles não conseguem oportunidades e acabam se tornando marginais ou desocupados, às vezes não porque querem, mas sim por não sobrarem alternativas. Outro fator que agrava essa situação é a violência que cresce a cada dia. O fato é que, as autoridades sãoas principais causadoras desse processo de desigualdade que causa exclusão e que gera violência. É preciso que ações sejam tomadas no sentido de combater a desigualdade e diminuindo a distância entre a população mas pobre a uma vida digna e com oportunidades de conhecimento para pessoas com baixa renda para que possam trabalhar e ter o sustento do lar entre outros.

A desigualdadeencontra-se na origem da pobreza e combatê-la torna-se um imperativo de projeto social que deve enfrentar o desafio de combinar democracia com eficiência econômica e justiça social, nosso país. O Brasil é o país mais desigual da América Latina. A pobreza em nosso país apresenta dados preocupantes, Diante do exposto cabe a sociedade lutar para que seus direitos sejam estabelecidos. e combatê-la torna-se umAs desigualdades sociais não são acidentais, são produzidas por um conjunto de relações que abrangem as esferas da vida social. Na economia existem relações que levam a exploração do trabalho e a concentração da riqueza nas mãos de poucos. Na política, a população é excluída das decisões governamentais. O fato é que, as autoridades são as principais causadoras desse processo de desigualdade quecausa exclusão e que gera violência. Hoje traficantes têm tomado o poder de algumas grandes cidades brasileiras e prejudicando cidadãos de bem com o intuito de atingir as autoridades. A cada dia que passa pessoas são mortas, espancadas e abusadas para que alguém excluído do mundo mostre que alguma coisa ele sabe fazer, mesmo que isso seja ruim. Para operar uma drástica redução na desigualdadeimperante em nosso país é urgente promover a reforma agrária e multiplicar os mecanismos de transferência de renda, como a Previdência Social. Hoje, 81,2 milhões de brasileiros são beneficiados pelo sistema previdenciário, que promove de fato distribuição de renda. O crescente estado de miséria, as disparidades sociais, a extrema concentração de renda, os salários baixos, o desemprego, a fome que atingemilhões de brasileiros, a desnutrição, a mortalidade infantil, a marginalidade, a violência, etc, são expressões do grau a que chegaram as desigualdades sociais no Brasil. O Estado Social busca a correção das desigualdades sociais através das reivindicações de seu representante maior que é o povo. A democracia é antes de tudo a conciliação das massas, com colaboração mútua e livre. Com base nomodo de vida do homem natural e na ausência de comunicação entre eles, Rousseau supõe que não havia qualquer relação moral ou de deveres em comum. A priori, os homens não são bons nem maus, não possuem vícios nem virtudes. “A tranqüilidade das paixões e a ignorância dos vícios os impedem de agir mal”. Força (robustez) do “selvagem” só será usada quando a sua vida está em jogo. Ou seja, o homemnatural não utiliza de sua força da mesma forma que não utiliza de sua razão. Rousseau pressupõe a existência da única virtude natural humana, reguladora do instinto de sobrevivência. A desigualdade natural ou física, por ser estabelecida pela natureza e que consiste na diferença das idades, da saúde, das forças do corpo e das desigualdades do espírito e da alma; a outra que se pode chamar dedesigualdade moral ou política, por que depende de uma espécie de convenção e que é estabelecida, ou pelo menos autorizada, pelo consentimento dos homens. A desigualdade moral são os privilégios de uns em detrimento dos outros, a obediência de uns para com os outros, sendo que não está essencialmente ligada com a desigualdade natural. A sociedade artificial trouxe efeitos negativos para vida humana,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Cenario macroeconomico das gerações x e y
  • Geração x e geração y
  • Geração x
  • Artigo Geração X e Geração Y
  • Geração x, y, z
  • Geração x e y
  • Geração x, y e z
  • Geração x,y e z

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!