geografia

Páginas: 7 (1623 palavras) Publicado: 29 de outubro de 2014
Enquanto a Califórnia esquenta, Xangai afunda.
É inacreditável, mas 4 em 10 pessoas nem sequer tem uma latrina em casa. Não é de se estranhar que as doenças transmitidas pela água matem ainda mais pessoas do que a epidemia HIV/AIDS.
A maior parte dos especialistas concorda que levar água potável aos povos mais pobres do mundo é, uma questão de dinheiro. Segundo as Nações Unidas, o preço a serpago para que todos tenham acesso a água potável, limpa e própria para o consumo seria de aproximadamente US$ 30 bilhões ao ano.Nos países mais pobres, o custo da construção de plantas de tratamento e de uma rede de abastecimentos ainda é proibitivamente alto, em especial nas áreas rurais.Mesmo sendo bem-intencionada,a ajuda internacional não vai além das cidades com elites poderosas.Levar águapotável aos que vivem nas regiões mais pobres do mundo continua sendo um enorme desafio, para o qual não se avista uma solução clara no horizonte.
Outra tendência vem obscurecendo ainda mais a paisagem. As multinacionais estão cada vez mais, privatizando a consolidando sistemas de abastecimento de água.
O beneficio desse frenesi pela privatização da água á e expansão das modernas instalações detratamento e distribuição de água para áreas pobres e mal desenvolvidas onde são desesperadamente necessárias. Quem vem fazendo isso são empresas com fins lucrativos , e não órgãos públicos. Em troca da nova infraestrutura, as empresas precisam cobrar tarifa pela água para recuperar os custos de construção e gerar lucros para os acionistas.
O controle do recurso natural mais essencial á vida porcorporações multinacionais é abominável na opinião de pessoas como Maude Barlow, autor de Blue Gold e Blue Covenant.
Surgiu um poderoso cartel de água, visando o lucro. As empresas fornecem água potável e retiram as águas residuais colocam grandes quantidades de água em garrafas plásticas e as vendem para nós por preços exorbitantes, estão desenvolvendo novas e sofisticadas tecnologias parareciclar a água suja e vende-la de volta para nós; extraem e transportam a água por gasodutos enormes de bacias hidrográficas e aqüíferos para vendê-las às indústrias a às grandes cidades ; as empresas compram, armazenam e comercializam a água no mercado aberto, como se fossem um par de tênis.
Os adversários das empresas multinacionais são um grupo apaixonado, especialmente quando o assunto é água.Eles organizam movimentos de resistência e ocupações, perdendo uma disputa contra a Nestlé pela planta de envasamento Poland Spring, no Michigan, vencendo outra contra a Coca-Cola em Plachimada, Índia; e organizando até mesmo motins populares para forçar a Bechtel da Bolívia.
Analisando podemos avaliar os benefícios do modelo do setor privado. Se os países não puderem ou não quiserem levar águapotável para seus cidadãos, que precisam desesperadamente dela, e o Banco Mundial também não, por que não deixar o capital privado fazer uma tentativa?
Pagar para ter água potável á algo cabível nos países desenvolvidos, mas, e nos lugares em que as pessoas ganham apenas US$ 1 por dia? A água é uma propriedade ou um direito humano? A batalha continua no mundo inteiro, e ainda não sabemos qual omelhor caminho a seguir.
A população mundial crescerá 50% ao longo dos próximos 40 anos; esse crescimento ocorrerá basicamente nos países em desenvolvimento e, em lugares onde já existe escassez de água atualmente. O grande desafio do nosso século provavelmente será encontrar água doce suficiente para sustentar esse crescimento, além de mais indústrias, mais bilhões de novos apartamentos e, aomesmo tempo, manter a água limpa á medida que circula infinitamente entre os nossos rins e o meio ambiente.
A revolução da informação.
A crise da água envolve outros fatores além da baixa produtividade agrícola e da falta de condições adequadas de saneamento. Envolve também informação ou, falta de informação para a gestão eficaz da água. A água está em constante movimento, mas inacreditavelmente...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • geografia
  • geografia
  • geografia
  • Geografia
  • Geografia
  • Geografia
  • geografia
  • geografia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!