Fundamentos históricos e teórico-metodológicos do serviço social ii

Páginas: 26 (6417 palavras) Publicado: 28 de abril de 2013
Universidade Anhanguera – Uniderp
Centro de Educação a Distância
Curso Superior de Serviço Social








Disciplina: Fundamentos Históricos e Teóricos- metodológicos do Serviço Social

Edna Maria dos Reis...................................RA 1299172767
Geovana Conceição Gonçalves do Amaral RA 1299213448Renata Matarelle Gomes Dias................... RA 6315194424
Simone Paula Garcia Silva........................ RA 6300183756
Vera Lucia dos Santos................................RA 3823689767









Belo Horizonte
Abril / 2013
Edna Maria dos Reis.................................. RA 1299172767
Geovana Conceição Gonçalves do Amaral RA 1299213448
Renata Matarelle GomesDias.................... RA 6315194424
Simone Paula Garcia Silva.......................... RA 6300183756
Vera Lucia dos Santos....................................RA3823689767








“Atividade Práticas Supervisionadas”






ATPS apresentada ao Curso Superior de Serviço Social da Universidade Anhanguera Uniderp, como requisito para a avaliação da Disciplina de FundamentosHistóricos e Teoricos-Metodológicos do Serviço Social II para a obtenção e atribuição de nota da Atividade Avaliativa.
Tutora Presencial: Yasmine Valeff Jorge.
Tutora á Distância: Luciana F. Nakamura Zacarin



Belo Horizonte
Abril/2013

Sumário


1- Introdução 4
2- Reconceituação do Serviço Social e suas abordagens 5
3- Movimento de Reconceituação do Serviço Socialno Brasil 6
4- A teorização e Metodologia do Serviço Social 10
4-1 O Seminário de Araxá
4-2 O Seminário de Teresópolis
4-3 O seminário do Alto da Boa Vista
5- A Teoria do Serviço Social,Positivismo,Fenomenologia e Dialética 15
5-1 Positivismo
5-2 Fenomenologia
5-3 Fenomenologia do Serviço Social
5-4 Dialética no Serviço Social
6-Conclusão............................................................................................................21
7- Referências Bibliográficas...................................................................................22



























1- Introdução

O Serviço Social é uma profissão cujo processo de construção não aconteceu de forma contínua e linear, dasua gênese à sua trajetória sócio-histórico, possuem características complexas, que nem sempre são apreendida e compreendida pela sociedade e até mesmo dentro da própria categoria há apreensões divergentes quanto ao seu processo de transformação e atuação profissional.
Neste relatório entende-se como uma profissão que surge no seio da Igreja Católica, que teve sua base teórica os conceitos morais,confessional do Neotomismo, em meio a uma conjuntura sócio-histórica e contexto institucional, tem hoje em sua fundamentação teórica e prática o método dialético de Karl Marx.
Para entender todo esse processo de renovação crítica do Serviço Social se faz necessário pontuarmos a denuncia do conservadorismo profissional, iniciada ainda na década de 1960 e desenvolvida nas décadas de 1970 a 1980,sob a influência do Movimento de Reconceituação do Serviço Social Latino Americano, contextualizando a conjuntura histórica da época no mundo e principalmente na América latina.


























2 – Reconceituação do Serviço Social e suas abordagens

O Serviço Social tem em sua gênese, na sociedade capitalista, monopolista, mediante as necessidades da divisãosócio-técnico do trabalho, marcado por um conjunto de variáveis que vão desde a alienação, a contradição ao antagonismo.
Neste contexto, no Brasil, o Serviço Social buscou afirmar-se historicamente como uma prática de cunho humanitária, através da legitimação do Estado e da proteção da igreja, a partir da década de 1940.
O Conservadorismo profissional pode ser identificado na prática...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!