França do século XVII

Páginas: 15 (3726 palavras) Publicado: 16 de maio de 2014
A situação sócio-político-econômica

Em nada podemos comparar a França do século XVII com a França dos dias de hoje. A França, naquela época, vivia sob a égide do absolutismo. Em 1643, com a idade de 5 anos, Luís XIV é sagrado rei de França e o cardeal Mazarino é seu primeiro ministro. Com 24 anos começa a reinar sendo considerado o monarca que melhor representou o Absolutismo, sendo autor dafamosa frase “O Estado sou eu”.
O Estado absolutista deve ser compreendido na sua mais íntima relação com a estrutura da sociedade. O conflito entre as classes sociais foi condição fundamental para a sua manutenção. O próprio rei instigava o conflito procurando sobrepor-se a ele e dele tirar proveito. Protegia a alta burguesia, assegurava os monopólios comerciais e industriais, arrendava-lheimpostos, garantia-lhe ascensão social, apoiando-a contra clero e nobreza. Reciprocamente, concedeu privilégios ao alto clero e domesticou a nobreza, atraindo-a a seus palácios por meio de cargos e pensões. Também protegeu as corporações dos artesãos contra os grandes capitalistas, assegurando-lhes os direitos, ao mesmo tempo em que defendeu artesãos e capitalistas contra os assalariados. Garantiu aoscamponeses direitos de posse e propriedade adquiridos pelo costume.
O poder real, em suma, descansava sobre o conflito generalizado que tendia a equilibrar as forças sociais, especialmente o conflito entre as duas classes mais poderosas, nobreza e burguesia.
Na França do século XVII, haviam três classes sociais: clero, nobreza e terceiro estado. O território era dividido em vários principados.Príncipes que administravam suas porções de terra, até com bastante autonomia, alguns com total independência. Era a nobreza. Viviam nos grandes castelos. Existia o monarca, mas este, na verdade, exercia um poder mais teórico do que real sobre essa questão de propriedade.
Há duas classes sociais distintas: A nobreza e o Terceiro Estado.
1. A nobreza era o Primeiro e Segundo Estado. Ao PrimeiroEstado pertenciam a corte e o alto clero. Constituía um número reduzido de pessoas que viviam de pensões reais, usufruindo os benefícios dos cargos públicos. Toda esta nobreza estava abarrotada de privilégios. Privilégios fiscais como isenção de certos impostos, justiça especial, tinha direito a caçar, títulos, armas e a exigir obrigações feudais dos camponeses.  Dividiam-se duas. A primeira é anobreza cortesã, favorecida e conferida pelo rei com os principais cargos e pensões. A segunda é a nobreza de Toga, que era de origem burguesa, com cargos na magistratura; constituída por elementos oriundos da burguesia que compravam seus cargos políticos e administrativos; era a nobreza de função, conferida em atenção a um cargo. Parte dela era chamada de nobreza provincial, que tinha muitasdificuldades para sobreviver. Muitos viviam no campo, às vezes, em situação de penúria econômica e buscavam casamentos vantajosos no seio da alta burguesia. Tanto uma quanto a outra possui um senso social bastante profundo. É instruída, sente-se consciente de ser responsável pelo povo.
2. O Terceiro Estado era a grande maioria do povo. Reunia cerca de 18 dos 19 milhões de habitantes, cerca de 98% dapopulação, a maioria sem privilégios. Reivindicava, principalmente, a abolição dos privilégios do clero e da nobreza e a igualdade social.
Era composto de três categorias de pessoas:
a. A alta burguesia composta de financistas com os Gondis com os quais São Vicente de Paulo teve longo relacionamento, os banqueiros, os industriais, os comerciantes, os grandes empresários e as pessoas que seocupavam da legislações públicas.
b. A média burguesia formada pelos profissionais liberais, trabalhadores livres e cooperados: médicos, professores, advogados, dentistas, lojistas, proletários e artesãos. Estes últimos viviam agrupados em corporações conforme sua especialização, e estavam sujeitos a longas jornadas de trabalho.
c. A pequena burguesia era composta por camponeses sem nível de vida...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • seculo xvii
  • Seculo XVII
  • Introdução histórica ao século xvii
  • Revolução Científica do século XVII
  • Europa nos séculos XVII e XVIII
  • Filosofia do seculo xvii
  • Revoluçao cientifica do seculo xvii
  • Crise século xvii

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!