Frameworks de persistência

Páginas: 12 (2934 palavras) Publicado: 28 de março de 2012
Frameworks de Persistência – Hibernate



Universidade de Santa Cruz do Sul (UNISC) – Santa Cruz do Sul, RS – Brasil
Santa Cruz do Sul – RS – Brasil





Abstract. To one of the main goals of software engineering which is the reuse, where through the reuse of software is obtained by increasing the quality and reducing the effort of development, the idea ofobject-relational persistence is combine the advantages of using a model geared towards objects to the construction of an application, with the performance and reliability of the database relational. In this article a brief description will be made on the framework Hibernate is done describing how the object-relational mapping, and consultations through the language of the framework HQL.


Resumo.Visando um dos principais objetivos da engenharia de software que é o reuso, onde através da reutilização de software obtém-se o aumento da qualidade e redução do esforço de desenvolvimento, a idéia de persistência objeto-relacional é reunir as vantagens de se utilizar um modelo orientado a objetos para a construção de uma aplicação, com a performance e a confiabilidade de banco de dados relacionais.Neste artigo será feita uma breve descrição sobre o framework Hibernate descrevendo como é realizado o mapeamento objeto-relacional, e as consultas através da linguagem do framework HQL.




1. Introdução

Os bancos de dados orientados a objeto (OO) ainda evoluem em ritmo lento, devido, entre outros fatores, à falta de base teórica sólida (como álgebra relacional) para algoritmos eotimização. Mesmo que um dia se tornem alternativas viáveis e bancos relacionais, para uso geral, ainda assim sua forma de representar objetos é bem diferente de que uma JVM os representa. Tem que ser assim, pois enquanto a JVM precisa otimizar a representação de objetos para armazenamento em memória a execução de código, um banco de dados OO precisa otimizar essa representação para leitura e recuperação defalhas e o cancelamento de transações inacabadas.

Um banco de dados OO traz para o programador o mesmo tipo de complexidade, em termos de API de acesso, linguagem de consulta e necessidade de sincronizar dois modelos de objetos (em memória e em disco), que traz um banco relacional.

Neste artigo você vai conhecer um pouco sobre os recursos do Hibernate, suas características, tiposde consultas e a suas restrições com alguns exemplos para facilitar o entendimento.


2. Hibernate

O Hibernate é uma ferramenta de mapeamento objeto/relacional desenvolvido em Java, mas também é disponível na linguagem .NET com o nome de NHibernate. Ele transforma os dados tabulares de um banco de dados em um grafo de objetos definido pelo desenvolvedor, fazendo um mapeamento dos atributosnuma base tradicional de dados relacionais e o modelo objeto de uma aplicação, mediante o uso de arquivos XML para estabelecer essa relação.



2.1 Características

Sua principal característica é transformação de classes em Java para tabelas de dados. O Hibernate gera as chamadas SQL e libera o desenvolvedor do trabalho manual da conversão dos dados resultante, mantendo o programa portávelpara quaisquer bancos de dados SQL, porém causando um pequeno aumento no tempo de execução.

Nas questões relacionadas para o gerenciamento de transações e na tecnologia de acesso aos dados são de responsabilidade de outros elementos na infra-estrutura do programa.

Apesar de existirem API no Hibernate para possuir operações de controle transacional, ele simplesmente delegará estasfunções à infra-estrutura na qual foi instalada.

No Hibernate, assim como no JDBC, existem os conceitos de sessão e transação. Uma sessão é uma conexão aberta com o banco de dados, onde nós podemos executar queries, inserir, atualizar e deletar objetos, já a transação é a demarcação das ações, uma transação faz o controle do que acontece e pode fazer um roolback, assim como uma...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Frameworks de persistência
  • Frameworks
  • persistencia
  • Persistencia
  • persistencia
  • PERSISTENCIA
  • a persistência
  • Persistencia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!