Folclore

Páginas: 6 (1424 palavras) Publicado: 29 de abril de 2013
Acre
Passamos a uma breve descrição das principais lendas e mitos que povoam o imaginário do povo acreano. Algumas, sabe-se, de caráter mais geral, outras mais específicas, variando, às vezes, de cidade para cidade. São usados como referenciais os livros de José Inácio Filho e Francisco Peres de Lima. Algumas narrativas foram transcritas ipsis litteris, outras sofreram pequenas adaptações.Lendas

MAPINGUARI

De todas as lendas do Acre esta é talvez a mais comum a todos. Conta-se que o Mapinguari deriva-se dos índios que alcançam uma idade avançada, transformando-se em um monstro das imensas florestas. É cabeludo como um macaco, de um só olho na testa, pés e mãos semelhantes à de uma mão de pilão, pele igual ao couro de jacaré, ataca para matar, invulnerável às balas doscaçadores, só morrendo, quando atingido no olho. Exala um odor muito forte. Costuma soltar gritos na floresta, a confundir seringueiro e caçador, que ao responder, pensando ser alguém perdido, torna-se presa do temível Mapinguari.

GOGÓ DE SOLA
O Gogó de Sola, segundo crença, quase geral, dos acreanos, é um macaco, como qualquer outro, que vive nas matas distantes dos tapiris. Diz-se que o nome lhe veiode ele possuir o pescoço castanho-vermelho, pelado, semelhante a uma sola. Destaca-se dos outros seres da sua espécie, por ser muito valente e ofensivo, apesar de seu pequeno tamanho. Ataca qualquer animal, a onça, o burro, e até o homem. É fama que onde ele firma os dentes jamais os retira, só se lhe cortar a cabeça. Os caçadores temem-no, visto que não há bala que lhe acerte, por melhor queseja a pontaria. Sua ligeireza impressiona. Pula que nem diabo, quando se sente atacado. Alguns supõem ser, na verdade, o gogó de sola um cão do mato, atacado de hidrofobia, tanto é assim que só nos meses de fevereiro e março , devido à metamorfose da doença, é que ele é encontrado.

A ALMA DE BOM SUCESSO

Num seringal chamado Cumaru, em Assis Brasil, vê erguer-se à veneração dos fiéis, há anosde que a tradição perdeu a conta, a capelinha milagreira da Alma de Bom Sucesso (canonizada pelo povo como Santa Raimunda), numa clareira dentro de espessos e vastíssimos tabocais. É muito grande o número de peregrinos que aflui de toda a região acreana ao local onde a santa de Bom Sucesso (nome da colocação em que vivia) espalha milagres e milagres sem conta. A lenda é demais conhecida desde ascabeceiras à boca do Acre. Há muitos anos, por volta de 1910, uma mulher, em plena selva, sentiu as dores do parto, e, sem ninguém que a assistisse, aliviou-se, dando à luz duas criancinhas. Afastando-se, talvez, grande distância, de seu tapiri, não tinha pensado que o parto ocorresse durante a viagem. Sozinha, no seio da mata, sem cuidados de segundos, por motivos não conhecidos, que podem ter sidodiversos, não pode resistir e, assim, nessa situação, entregou a alma a Deus. Mais tarde, foram encontrados os corpos da infeliz mãe e de suas filhinhas sobre um grande formigueiro.

A RASGA-MORTALHA

Entre as aves do Acre a mais temida e respeitada, não obstante o seu pequeno tamanho, é a Rasga-Mortalha. Os acreanos consideram-na ave sobrenatural por trazer consigo estranhos avisos do Céu. Oseu canto imita o rasgar de grosso pano. E dizem ser mais agouro, quando passa e canta por cima de uma casa. É que ela está preparando a mortalha para alguém prestes a morrer.

CIPÓ HOASCA
O cipó hoasca ou ayahuasca encontra-se, geralmente, às margens de igarapés, mas dizem que também vive em agrestes matas de terrenos secos. Quando se ergue, na mata, bem pequenino, ainda mal rastejando peloúmido chão, já procura apoiar-se ao tronco da primeira árvore que encontra. Aí, bem enroscado, de pouquinho a pouquinho, cresce, torna-se grande. Então, já adulto – fato, na verdade impressionante! – começa a soltar, de tempo a tempo, sons semelhantes aos de um bombo, escutando-se, a seguir, zoada de grande falaria que se ouve ao longe, e que chega a assustar até os bichos ferozes. O povo supõe...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Folclore
  • Folclore
  • Folclore
  • O que é folclore
  • O que é Folclóre
  • Folclore
  • Folclore
  • Folclore

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!