Fisica-relatório-atrito

Páginas: 9 (2130 palavras) Publicado: 20 de maio de 2011
1. Objetivo(s) da experiência

Neste experimento realizado em laboratório, calcularemos os coeficientes de atrito entre uma rampa e um corpo prismático de base retangular, com isso verificaremos se há diferença no coeficiente de atrito quando o prisma esta apoiado sobre a superfície envernizada e quando o mesmo se encontra em contato de uma superfície emborrachada.
Determinaremosuma condição de equilíbrio do sistema e um atrito mínimo para que o mesmo se mantenha em inércia. Calcularemos as forças atuantes no sistema e verificaremos se a área do prisma interfere no coeficiente de atrito.

2. Introdução teórica

Digite aqui o seu texto de introdução em 3 parágrafos: início, meio e fim. Cada parágrafo deve encerrar uma idéia. Evite parágrafos curtos oudemasiadamente longos; subdivida os parágrafos em 3 orações ou mais, sem exceder 50 palavras em cada oração. Seja preciso, conciso, não fuja do tema e não use a 1ª pessoa do singular.
A força de atrito se origina, em última análise, de forças interatômicas, ou seja, da força de interação entre os átomos.

Quando as superfícies estão em contato, criam-se pontos de aderência ou colagem (ou ainda solda)entre as superfícies. É o resultado da força atrativa entre os átomos próximos uns dos outros.

Se as superfícies forem muito rugosas, a força de atrito é grande porque a rugosidade pode favorecer o aparecimento de vários pontos de aderência.
Isso dificulta o deslizamento de uma superfície sobre a outra. Assim, a eliminação das imperfeições (polindo as superfícies) diminui o atrito. Mas istofunciona até um certo ponto. À medida que a superfície for ficando mais e mais lisa o atrito aumenta. Aumenta-se, no polimento, o número de pontos de "solda". Aumentamos o número de átomos que interagem entre si. Pneus "carecas" reduzem o atrito e, por isso, devem ser substituídos. No entanto, pneus muito lisos (mas bem constituídos) são utilizados nos carros de corrida.http://efisica.if.usp.br/mecanica/basico/atrito/origem/

Autores:

• Gil da Costa Marques
• Nobuko Ueta
Forças de atrito
Podemos perceber a existência da força de atrito e entender as suas características através de uma experiência muito simples. Tomemos uma caixa bem grande, colocada no solo, contendo madeira. Podemos até imaginar que, à menor força aplicada, ela se deslocará. Isso, no entanto, não ocorre.Quando a caixa ficar mais leve, à medida que formos retirando a madeira, atingiremos um ponto no qual conseguiremos movimentá-la. A dificuldade de mover a caixa é devida ao surgimento da força de atrito Fat entre o solo e a caixa.

Várias experiências como essa levam-nos às seguintes propriedades da força de atrito (direção, sentido e módulo):

Direção

As forças de atrito resultantes docontato entre os dois corpos sólidos são forças tangenciais à superfície de contato. No exemplo acima, a direção da força de atrito é dada pela direção horizontal. Por exemplo, ela não aparecerá se você levantar a caixa.

Sentido

|A força de atrito tende sempre a se opor ao movimento relativo das |[pic] |
|superfícies emcontato. Assim, o sentido da força de atrito é sempre | |
|o sentido contrário ao movimento relativo das superfícies. | |

Módulo

Sobre o módulo da força de atrito cabem aqui alguns esclarecimentos: enquanto a força queempurra a caixa for pequena, o valor do módulo da força de atrito é igual à força que empurra a caixa. Ela anula o efeito da força aplicada.
 
Uma vez iniciado o movimento, o módulo da força de atrito é proporcional à força (de reação) do plano-N.

Escrevemos:
[pic]
O coeficiente [pic]é conhecido como coeficiente de atrito. Como a força de atrito será tanto maior quanto maior for [pic], vê-se...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • relatorio de fisica coeficiente de atrito
  • relatório de física sobre atrito
  • relatório de física
  • Relatório de Física atrito
  • relatorio fisica força de atrito
  • RELATÓRIO
  • Relatório Física Experimental
  • RELATÓRIO EXPERIMENTAL DE FÍSICA 1 COEFICIENTE DE ATRITO ESTÁTICO

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!