fisica 1

Páginas: 5 (1244 palavras) Publicado: 18 de setembro de 2014
EXPERIMENTO DE MEDIÇÃO COM PLANO INCLINADO ARTICULÁVEL
Faculdade Estácio de Sá Campus Vitória
Turma nº 3062 - Quarta-Feira – Noite – 1º Horário - Física Experimental I

Resumo: Este artigo descreve dois experimentos de cronometragem usando um plano inclinado articulável, uma esfera e uma bolha, a fim de verificar o movimento retilíneo uniforme. Tal experiência foi realizada durante a aula deFísica Experimental I, ministrada pelo professor Jean Silva Moreira, na Universidade Estácio de Sá de Vitória, no dia 10 de Setembro de 2014.

Palavras-chave: plano inclinado – MRU – cronômetro – experimento – física.


1. INTRODUÇÃO E FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

MOVIMENTO RETILÍNEO UNIFORME

A primeira lei de Newton nos diz que: “se nenhuma força atua sobre um corpo, sua velocidade não podemudar, ou seja, o corpo não pode sofrer nenhuma alteração” (HALLIDAY, Fundamentos da Física Vol. 1). Assim, Newton mostra que, um corpo em repouso tende a permanecer em repouso e um corpo em movimento retilíneo uniforme precisa de uma força que supere a resistência oferecida pela massa inercial para modificar o seu movimento. O movimento retilíneo uniforme ocorre quando sua velocidade é constantediferente de zero e sua aceleração é nula.
Para estudar o M.R.U. (movimento retilíneo uniforme), utilizamos o equipamento Plano Inclinado Kersting, (conforme mostrado no esquema de montagem). O intuito deste estudo é a verificação do tempo que cada partícula leva para percorrer a mesma trajetória, estudar o ponto de encontro entre as partículas e comparar: tempo medido com tempo esperado;encontro entre os corpos medido e esperado.
Para tal, como base, utilizamos a equação da função horária em M.R.U:
S = S0 + VT (eq 1)
Onde:
S = posição final
S0 = posição inicial
V = velocidade e
T = tempo.
A mesma equação foi aplicada a bolha de ar e a esfera metálica. Como o equipamento estava inclinado a um ângulo de 15°, a esfera metálica percorria a trajetória do ponto 0 ao ponto 400mm, e abolha de ar a trajetória contrária.

Figura : à esquerda trajetória da esfera e à direita trajetória da bolha de ar.

Após as aferições, foram calculadas as porcentagens de diferença entre as medidas encontradas no experimento e as esperadas.
Para calcular o tempo de encontro real com o calculado:
∆1 = Tc – Tm / Tc x 100 (eq 2)
Onde:
∆1 – Variação do Tempo
Tc – tempo calculado
Tm –tempo medido

E para o cálculo de comparação entre o ponto de encontro medido e o calculado:
∆2 = Sc – Sm / Sc x 100 (eq 3)
Onde:
∆2 – Variação do Espaço
Sc – Espaço calculado
Sm – Espaço medido

OBJETIVO:

1° - Encontrar a equação para o tempo de encontro;
2° - Encontrar o valor esperado para o tempo de encontro utilizando a média das velocidades;
3° - Encontrar o ponto de encontro;
4°- Calcular o tempo calculado (Tc) com o tempo de encontro medido (Tm);
5° - Comparar o ponto de encontro (Sc) com o ponto de encontro medido (Sm).
 



2. DESCRIÇÃO DO EXPERIMENTO

O experimento contou com um plano inclinado articulável com escala de 0º a 45º, 1 tubo lacrado contendo óleo, uma esfera de aço e bolha, um ímã, um cronômetro e um nível de bolha para superfície.

Etapa 1
Oequipamento foi montado de forma que o plano fosse elevado a 15º acima da horizontal. Com o auxílio do ímã, a esfera foi posicionada na marca x0 = 0 mm. A esfera foi liberada quando soltava-se o ímã e o cronômetro era acionado, sendo parado quando a esfera passasse pela marca X1 = 100 mm. Essa medida foi repetida 5 vezes. Do mesmo modo, foram feitas outras cinco medidas liberando a esfera naposição inicial até as marcas X2 = 200 mm, X3 = 300 mm e X4 = 400 mm.
Etapa 2
A esfera metálica foi posicionada em 0mm e presa através do imã.
Nesta etapa, soltávamos um imã e foi cronometrado o tempo que a esfera levou do ponto inicial de 0mm ao ponto final da régua do equipamento de 400mm. Essa etapa foi realiza três (3) vezes.
Etapa 3
Aqui, o mesmo foi feito com a bolha de ar, partindo do...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Fisica 1
  • Física 1
  • fisica 1
  • Fisica 1
  • Fisica 1
  • FISICA 1
  • fisica 1
  • fisica 1

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!