Filosofia

Páginas: 8 (1864 palavras) Publicado: 5 de julho de 2014
IFBA – CAMPUS SALVADOR
DATA -10/02/14
DISCENTE – TATIANA DA SILVA
DOCENTE – ANA LIVIA
TURMA – 8833
CURSO – QUÍMICA

O CONCEITO DE LIBERDADE EM KANT

O conceito de liberdade possui diversos sentidos e sua utilização pode assumir inúmeras acepções ao longo da história da filosofia e da política, entre os quais: autodomínio, ausência de coação externa, possibilidade de participação navida pública, vontade livre, livre-arbítrio e capacidade de autodeterminação. No universo da polis grega, a liberdade representava a possibilidade de participação dos cidadãos – que não eram todos – na vida pública da cidade, ou seja, de intervir nos assuntos políticos. Com Sócrates o conceito foi modificado, convertendo-se em desafio ético ligado ao domínio de si mesmo, a partir do qual a condutamoral deveria se originar do interior do próprio homem e não advir de uma força externa, devendo o mesmo se livrar dos apetites e paixões.
Durante a idade medieval, a influência católica permeou o conceito, sobressaindo-se o pensamento de Santo Agostinho. Segundo este filósofo, na medida em que o homem possui o livre arbítrio pode distanciar-se do bem, e reconhecê-lo pode dar ensejo à tentativa dohomem de se igualar a Deus. Com o Renascimento, o cenário político-cultural europeu foi profundamente modificado, sendo recuperado o conceito de liberdade política ao passo em que também fora progressivamente afirmado o conceito de liberdade de pensamento na esteira cultural da virada antropocêntrica e humanista.
Já no século XVII, o conceito foi revisitado em razão dos debates teóricos acercada formação do Estado, sua legitimidade e função. Este pano de fundo ensejou a dicotomia entre liberdade natural (antes do pacto social, de acordo com os contratualistas) e a liberdade civil, decorrente da formação do Estado. Caberia, pois, ao Estado, o dever de organizar a sociedade de modo a garantir o exercício das liberdades civis. A partir desta ideia de contrato social a liberdade passa entãoa ser tratada como uma coisa, ou seja, como algo passível de troca e delimitação. Neste diapasão, Hobbes propôs a sua limitação através da coação. Locke, por sua vez, desenhou um modelo de Estado liberal, que tinha como escopo a proteção da liberdade e da igualdade dos cidadãos. Reforça-se, desta feita, o sentido de intervenção do Estado na liberdade somente a partir de um procedimento legítimo,legalmente previsto. Com a ascensão social burguesa ao poder, imensas alterações sociais, econômicas e culturais foram vivenciadas, o que definitivamente mudou o rumo das tradições e instituições no século XVIII. Um dos motes desta transformação foi a própria ideia de liberdade, preconizada pelo movimento filosófico, artístico e político do Iluminismo. Nessa direção sobressaem-se os esforços deImmanuel Kant.

O conceito de liberdade desenvolvido por Kant é especial e inovador. Dentre seus precedentes o único que de certa forma se aproxima de sua concepção é o conceito de Rousseau. Isso porque Kant recebe de Rousseau a ideia de liberdade definida como autonomia na esfera política e a internaliza, fazendo dela também a liberdade moral do individuo. Em outras palavras, Kant defende a tesede que o ordenamento jurídico é responsável por harmonizar as liberdades externas. Com isso ele marca dois paradigmas: que o âmbito de atuação do direito é externo ao individuo, preconizando a divisão entre direito e moral; que ao lado da liberdade externa existe também a liberdade interna.

Portanto, sob a noção kantiana não se identifica a liberdade com o conceito natural de fazer o que sequer e tampouco com o conceito jurídico de somente fazer o que não é proibido ou ordenado por lei. Além disso, a vontade de escolha, ou seja, o arbítrio, também não traduz a ideia de liberdade para o filósofo de Konisberg. Para Aristóteles “livre é o homem que tem a si mesmo como fim e não o outro”. Embora essa definição nos remeta à definição de autonomia no sentido kantiano, segundo a qual o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Filosofia
  • Filosofia
  • Filosofia
  • filosofia
  • filosofia
  • Filosofia
  • Filosofia
  • Filosofia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!