Filosofia contemporânea

Páginas: 5 (1137 palavras) Publicado: 7 de novembro de 2012
Capitulo XLVII
• A FILOSOFIA CONTEMPORÂNEA :
A filosofia contemporânea compreende o espaço de tempo desde a Revolução Francesa até os dias atuais.
No início a Filosofia contemporânea foi marcada por alguns pensadores iluministas. O Iluminismo representa o tempo em que o ‘’periodo das luzes’’ surgiam novas idéias para a mente humana.
Para enterdemos esse processo é interessante saber quena metade do séc. XVIII o sistema capitalista foi se unindo em diversos paises da Europa e em outros lugares do mundo. E nesse periodo se iniciou a Revolução Industrial, assim, as antigas oficinas de artesãos acabaram se transformando em fábricas e suas ferramentas em máquinas. Um marco importantíssimo para a Filosofia Contemporânea foi a Revoção francesa , como citei anteriormente, esse movimentofoi liderado por alguns burgueses que começaram a reinvindicar uma participação no poder politico e na construção de um novo modelo para a sociedade.
Então os filósofos iluministas começaram a se perguntar : ‘’ Será que a ciência poderá curar todos os problemas da sociedade? ‘’
Horkheimer, um filósofo do séc. XX, diz em seu livro “Eclipse da razão” : “Parece que enquanto o conhecimento técnicoexpande o horizonte da atividade e do pensamento humanos, a autonomia do homem enquanto indivíduo, a sua capacidade de opor resistência ao crescente mecanismo de manipulação de massas, o seu poder de imaginação e o seu juízo independente sofreram uma redução. O avanço dos recursos técnicos de informação se acompanha de um processo de desumanização.”  
Tudo que ele disse é verdade, o conhecimentotécnico e autonomia do homem se opõe enquanto for individuo. Pois, parece que a tecnologia tem diminuido a capacidade do ser humano em se opor aos mecanismos de manipulação do sistema capitalista.
Capítulo XLVIII
• O SISTEMA HEGELIANO :
A filosofia de Hegel é uma tentativa de considerar todo o universo como um todo ‘’sistemático’’. O seu sistema é baseado na fé. Na religião cristã, Deus foirevelado como verdade e como espírito. Como espírito, o homem pode receber esta revelação. Na religião a verdade está oculta na imagem; mas na filosofia o véu se rasga, de modo que o homem pode conhecer o infinito e ver todas as coisas que existem em Deus.
O sistema de Hegel é como uma teoria filosófica, pelo fato de ter um tema único : o que faz o universo inteligível é vê-lo como o eternoprocesso cíclico pelo qual o ‘’Espírito Absoluto’’ vem a conhecer a si próprio como espírito através de seu próprio pensamento, através da natureza, através dos espíritos finitos e suas auto-expressões na história e sua auto-descoberta, na arte, na religião, na filosofia, como um com o próprio Espírito Absoluto.
Creio que ainda permanecemos presos demais ao modelo de filosofia sistemática desenvolvidopor Hegel, pois ainda vivenciamos esse sistema e é inevitável superar o próprio idealismo objetivo, ou seja, a contraposição entre a esfera ideal e o mundo real que existe hoje.
Capítulo XLIX
• OS CONTESTADORES – O FILÓSOFO MONOTEMÁTICO :
Feuerbach foi um dos filósofos que contestaram o sistema Hegeliano de Hegel. Formulou sua obra a respeito da religião/cristianismo.. a ‘’Essencia doCristianismo. ‘’
Nela dizia que a alienação religiosa segue-se dentro de uma teoria teológica buscando a razão e a essência do homem no mundo, mas o homem é essencialmente antropológico na característica humana, pois adquire sentimentos e sensibilidade. É desta forma que ele observa a alienação decorrente em cada indivíduo que busca uma relação substancial entre Homem e Deus.
O homem ocupa o lugar deDeus, assim a religião não pode ter como objeto Deus, mas sim o próprio homem, ele agora é começo, meio e fim da religião. Feuerbach coloca o homem no lugar de Deus, isso é um humanismo anti-religioso onde para ele o homem só consegue afirmar-se negando Deus.
Está posta que a representação de Deus é apenas humana, pois quando ao olhar para Deus o homem vê apenas a si mesmo. Por isso ele passa...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Filosofia contemporanea
  • FILOSOFIA CONTEMPORANEA
  • Filosofia Contemporânea
  • filosofia contemporânea
  • filosofia contemporanea
  • Filosofia contemporânea
  • filosofia contemporanea
  • Filosofia Contemporanea

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!